Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Um episódio longo e expositivo, como o primeiro. Mas ao contrário do primeiro, achei a exposição nesse episódio mais natural. Teve mais momentos de humor também, o que foi bom, e o Shirou interagiu de forma mais significativa e com mais pessoas que a Rin. E preciso me retificar aqui: eu publiquei sobre o episódio anterior como episódio 1, mas na verdade ele foi o episódio 0 (zero). Esse é que é o verdadeiro episódio 1. O que isso significa? Episódios abaixo de 1 costumam ser prólogos, mas no caso dessa edição de Fate/Stay Night é só um número que acharam legal mesmo. Quero dizer, o episódio 0 foi tão prólogo quanto esse episódio 1, eles até se passam exatamente ao mesmo tempo e contam a grosso modo os mesmos fatos. Então ou os dois são prólogos ou nenhum é prólogo. De um jeito ou de outro, eu errei o número, peço desculpas e me corrijo nesse artigo.

Ler o artigo →