Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

A grande questão do anime nesse momento é quem é o mestre da Caster. Não que seja muito misterioso ou muito difícil de imaginar quem possa ser. Mas o episódio não parou nisso: foram incontáveis 25 minutos de conversas sobre várias coisas envolvendo diferentes personagens em diferentes situações. O que quase sempre é sinônimo de tédio. Parece que tentaram ser sutis sobre algumas coisas para atiçar a curiosidade do espectador, mas como me parece que fracassaram então o episódio foi, definitivamente, entediante. Ah, bem, deixe eu escrever e terminar isso logo.

Curta o anime21 no facebook:

Começarei pelo mestre da Caster. A essa altura é pouco provável que pretendam apresentar um novo personagem, então se é alguém da escola mesmo as opções são poucas, porque há poucos personagens interagindo com Shirou e Rin na escola. Suponho que a professora Taiga e Sakura estejam excluídas por serem próximas demais do Shirou. Quero dizer, Saber já teria percebido, não teria? Adicionalmente a Taiga é uma grande cabeça de vento. Consegue imaginar uma reviravolta do enredo nesse sentido que parecesse séria? No mundo das fanfics de comédia faria sentido. Fate/Stay Night é sério demais para isso. A Sakura até poderia ser… ela é de uma família de magos, afinal. Mas vou excluí-la baseado no critério de gênero: todos os mestres homens apresentados até agora (Shirou e Shinji) têm servas mulheres, e todas as mestras mulheres (Rin, Ilya, a Caster) têm servos homens. Pode ser um despiste do anime, mas considerando o quanto ele é ruim com despistes acho que não é o caso. E continue me acompanhando. Aquela garota presidente do clube de arquearia já foi atacada por um servo mas não foi morta, é muito pouco provável que ela seja uma mestra. Shirou descobre de uma forma dolorosamente constrangedora que Issei, o presidente do conselho estudantil, não é um mestre. A menos que mestres possam ter os selos em outras partes do corpo que não as mãos, mas de novo, até agora esse não foi o caso e Fate é ruim com despistes. Resta aquele professor misterioso que conversou misteriosamente com Issei e com quem a Saber trocou olhares misteriosos quando foi à escola pela primeira vez. Qual é, se ele não fosse relevante para o enredo não teria tido tanto foco, certo? A Saber até disse que ele sabe respirar, ou uma bobagem desse tipo. Tem que ser ele. Sobre a Sakura nenhuma bobagem dessas é dita, ela está ali apenas para ser a garota desajeitada que gosta do protagonista.

E ah, que inesperado, o padre é do mal também. Quero dizer, achei que a função da igreja fosse proteger mestres e acompanhar a guerra, e não provocar os mestres derrotados e tentá-los com oferta de novos servos. O Shinji parece um grandessíssimo covarde aliás, hein? Quero dizer, lógico que ele está com medo e coisa e tal depois de ser derrotado mas ainda possuir selos de comando, mas se era função da igreja protegê-lo não entendo porque se prostrar daquela forma. Para um mestre tão incompetente, me pergunto que tipo de servo Kirei está oferecendo. Ele quer mesmo ajudar Shinji? Impossível. É um servo fraco então, para que ele morra? Para que se dar tanto trabalho? Aliás, como ele conseguiu um servo em primeiro lugar? Ou não conseguiu ainda mas vai ajudar Shinji a invocar outro? Como?

Depois na frente da casa do Shinji aparece aquele loiro que já havia aparecido antes conversando com a Sakura. Shirou e Rin foram lá checar a Sakura (não sabia que a Rin se importava com a Sakura, achava que ela a odiasse, mas falo mais sobre isso adiante) mas o bonitão estava parado na frente da casa dos Matou. Shinji não é mencionado por eles, mas bom, a sequência dos acontecimentos me faz acreditar que esse loiro é um mestre ou ou servo. Se for um servo, é aquele enviado pelo Kirei e as cenas se encaixam perfeitamente. Se for um mestre … bom, é o mestre do Lancer, porque estou certo que o mestre da Caster é aquele professor misterioso. E só pode estar lá para matar o Shinji. Porque tenta fazer isso parado na frente da porta da casa é um mistério insondável para mim, até porque não combina com a participação do Lancer até agora. Ou isso é um raro despiste que funciona nesse anime e ele está de olho na Sakura mesmo. Mas daí quem é ele? E qual o segredo que ele e Sakura compartilham? Bom, ainda acho que é um despiste falho e ele é o novo servo do Shinji. Ou algo assim.

E finalmente, Rin e Sakura. Rin foi checar a Sakura após o incidente na escola, e depois casualmente, como quem não quer nada, pergunta “hipoteticamente” para Shirou como ele acha que uma garota se sentiria se fosse adotada por outra família e crescesse nela. Essa daqui eu acho que Fate nem se esforçou, não é possível que ele tenha tentado lançar apenas uma pista de que talvez Sakura possa ser irmã da Rin de uma forma escamoteada para que poucos atentos percebam. E o Shirou é muito desatento para não ter percebido o quanto estranha e ao mesmo tempo específica essa pergunta foi. Entendo que para alguém envolvido com as pessoas seja mais difícil perceber certas coisas, mas ele no mínimo deveria ter percebido que a Rin não perguntou como quem puxa assunto comentando sobre o clima. A pergunta dela obviamente vinha de uma preocupação maior. Acho que heróis da justiça em treinamento são mesmo um pouco desatentos, talvez. Aconteceram ainda outras coisas menores no episódio, mas ele no geral foi chato demais para eu me importar. Esses foram os pontos que julguei relevantes para o enredo. Não me interessa comentar como o Archer é um babaca pela forma como ele trata a morte da Rider, por exemplo. Isso só acontece para o Archer contrastar com o Shirou de todo modo.

Comentários