Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Arremessados em um mundo estranho, sem memórias. Um mundo perigoso, um mundo hostil, um mundo difícil. Pensando bem, Haruhiro, Ranta, Yume, Shihoru, Moguzo e Manato são incríveis. Mesmo se te dessem armas e um treinamento básico, quanto tempo você acha que sobreviveria em uma aldeia medieval sem recursos, tendo que caçar para sobreviver? E nem estou falando de enfrentar monstros, que fossem lobos e animais da floresta mesmo, ou seja, criaturas que normalmente não estão querendo te matar tanto quanto você está tentando matá-las.

Há vários outros aventureiros lá e Grimgar dá a entender que o grupo de Manato é o mais fraco e desajustado deles, mas não pode ser verdade, não é? No segundo episódio, durante a animação com insert song na cidade, apareceram dois aventureiros caídos no chão em um beco qualquer. Talvez até fossem mais fortes para matar, mas se tudo o que faziam era queimar o que ganham com seus saques em bebidas, então eles são psicologicamente muito fracos.

O grupo de Manato e Haruhiro passou por algumas desavenças internas enquanto mal conseguia ter o suficiente para saber se passaria mais um dia sem morrer de fome, e sobreviveram a isso. Se esforçaram. Se tornaram fortes. Se tornaram inesperadamente unidos. Apesar de eu ter certeza que a direção poderia ter deixado tudo isso muito mais claro, foi o suficiente para eu entender o quanto eles cresceram em Grimgar.

Curta o anime21 no facebook:

Shihoru...

Shihoru…

A chave para o sucesso foi o Manato. Conforme admitiu antes, ele nunca foi do tipo de pessoa que lidera, ou que consegue impôr coisas ou dar ordens a outras pessoas, ou sequer classificar os outros hierarquicamente. Ele teve sucesso porque estava em um grupo que precisava exatamente de alguém como ele. Ou acha que o indisciplinado Ranta se daria bem em qualquer outro grupo, só para dar o exemplo mais óbvio? Nenhum deles sabia o que estava acontecendo ali mas todos queriam viver, e fizeram tudo o que podiam ter feito.

Ranta simplesmente não aceita

Ranta simplesmente não aceita

Eles conheceram Grimgar, se informaram sobre os arredores, sobre o que podiam fazer e sobre o que necessitavam para conseguir fazer o que precisavam fazer. Mais de uma vez foi Manato quem pessoalmente buscou essas informações, conforme ele contou para o Haruhiro. Sem forçar ninguém a nada, Manato os incentivou e ajudou. Realmente é difícil de imaginar uma personalidade que mais combine com um sacerdote-curandeiro. Exploraram o mundo, cresceram juntos, e Manato sempre foi o seu líder que não lidera, apenas inspira através das ações, conversa com todos sobre os próximos passos, e está sempre pronto para ajudar alguém em necessidade.

Moguzo aparenta ser o novo mais velho, precisa se portar como tal

Moguzo aparenta ser o novo mais velho, precisa se portar como tal

Pela primeira vez nesse episódio todos eles foram genuinamente felizes. Manato e Shihoru finalmente voltaram a conversar e faltava bem pouco para que um relacionamento romântico entre eles começasse. Era um pouco que demoraria de todo modo, porque o Manato não apressa nada (mesmo que a Shihoru intimamente prefira que ele apresse um pouco de vez em quando) e a garota é tímida demais. Ninguém parece estar mais com fúria assassina contra o Ranta – e bom, cabe aqui apontar que nunca ninguém esteve com fúria assassina contra o Ranta. As garotas apenas ficaram muito irritadas e os garotos um pouco irritados e um pouco preocupados. Quem estava com vontade de matar o moleque era eu. Talvez nós? Enfim, para o espectador a personalidade do Ranta foi mal desenvolvida.

Você é o próximo líder, Haruhiro

Você é o próximo líder, Haruhiro

Em uma história intimista, realista, ver o Ranta agir feito um idiota da forma como agiu foi ultrajante. Só que as atitudes deles foram apenas clichês muito mal utilizados, nunca foi a intenção, acredito, que ele se destacasse tanto dos demais personagens. Ele se destacou, ofuscou um pouco outras coisas importantes em Grimgar e ficou parecendo uma bomba relógio prestes a explodir. Sendo justo, talvez ele ainda cause problemas sim (principalmente em relação à Yume, que nesse episódio ele deu mais sinais de gostar), mas não é nenhuma criatura das profundezas do inferno, não é alguém que não deva estar no grupo ou que os demais não aceitem.

Yume olha para o alto como quem procura em vão por uma resposta, qualquer resposta

Yume olha para o alto como quem procura em vão por uma resposta, qualquer resposta

Enfim, retomando, eles nunca estiveram tão felizes. Haviam meio que superado a questão moral de matar goblins indefesos (ainda tenho sentimentos confusos a esse respeito), ou pelo menos se convencido de que as coisas são assim mesmo e se eles querem viver é o que devem fazer. Estavam progredindo como aventureiros também. Desenvolveram formas de lutar eficientemente como um grupo, descobriram um bom lugar para ganhar dinheiro com alguma segurança, e o Manato estava muito orgulhoso de todos eles.

"Obrigado, pessoal! E desculpe qualquer coisa"

“Obrigado, pessoal! E desculpe qualquer coisa”

Então eles se deixaram levar.

Emboscados por um grupo de goblins de alto nível, bem equipados, eles não tinham chance nenhuma. E claro que foi Manato quem primeiro percebeu isso e disparou incansavelmente suas ordens de recuo. Conseguiu reunir todos, encontraram uma rota de fuga, e ele próprio foi atrás protegendo-os. Com sua própria vida. Se há algum consolo possível, é que eles finalmente são um grupo, finalmente são fortes, e finalmente serão capazes de sobreviver e continuar crescendo sem o Manato. O Moguzo mostrou como é forte, a Yume mostrou como é forte, o Haruhiro mostrou como é forte e está pronto para ser o próximo líder. O Ranta eu não sei como vai lidar com isso. Não tenho palavras para descrever a dor da Shihoru que, tudo indica, sequer chegou a dizer para o Manato o que realmente sentia por ele. Em Grimgar: Cinzas e Fantasia, as cinzas do título são as cinzas do Manato.

Adeus.

Adeus.

  1. Desde esse episodio fiquei curioso sobre oq o manato ia falar do haru, na hora em que ele estava falando de todos achei que teria a resposta no decorrer do anime y.y

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      É verdade! Bom, não faria sentido de verdade ter essa resposta né? Mas acho que de forma indireta o próprio Haruhiro encontrou sua resposta.

Comentários