Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Embora tenha sido anunciado como um arco que explicaria coisas importantes sobre o mundo de Zestiria, afinal Berseria se passa no mesmo mundo há muito tempo no passado, acho que esses dois episódios se parecem mais com um “OVA para a TV” do que como parte de Zestiria.

Quero dizer, as grandes questões de Zestiria são a separação entre humanos e serafins e a natureza da malevolência no mundo. A primeira questão jamais é citada nesses dois episódios, e de fato serafins jamais são citados, podemos apenas supôr que esse ou aquele personagens fossem o que em Zestiria seria chamado de “serafim”, e a segunda é, talvez, tangenciada.

Os episódios 5 e 6 são mais uma propaganda de Berseria introduzida em Zestiria do que parte de Zestiria em si. Mas olha, é uma propaganda muito boa, viu?

Ler o artigo →

Olá, pessoal! Aqui estou eu, Tamao-chan, trazendo mais um um post de Battery (mais atrasada que o normal -q).

Bem, neste episódio temos a continuação daquele conflito que aconteceu no episódio anterior, sobre o Takumi fazer um arremesso que acabou levando a um home run do jogador da Escola Yokote. E a questão que gira em torno do episódio é: será que o Takumi diminuiu a velocidade do arremesso porque ficou com medo do Gou não pegar? Será que a confiança entre os dois está diminuindo? Será que é mesmo o que o treinador deles chamou de… traição?

Ler o artigo →

Como se uma caça à baleia não fosse apologia ao crime suficiente, o episódio 21 deu um passo além. O que é um pouco de desmatamento, não é mesmo? E no 22 os heróis destruíram cavernas naturais, sem a menor preocupação pelo bioma que talvez as habitasse ou quem sabe por seu valor arqueológico. Poxa vida Japão, e eu que sempre achei que você fosse um país mais preocupado com preservação…

Obviamente estou brincando, ok? Não que esses episódios não tenham sido um pouco chocantes, mas certamente não foi por essa razão.

Ler o artigo →

Desde o início, a história de Love Live! Sunshine!! gira em torno de temas como amizade e sonhos, que são utilizados das mais diversas formas e perspectivas. Nesse episódio acompanhamos a história de amizade envolvendo o trio: Mari, Dia e Kanan, história essa que vinha sendo contada aos poucos nos episódios anteriores através de conversas entre as personagens e flashbacks.

Ler o artigo →

Categorias como protagonista, vilão e par romântico já estão manjadas. Melhores e piores mães e pais também já são lugar comum. Mas você já viu uma lista de avós nos animes? Aposto que não. Vai ver agora!

E enquanto pesquisava para essa lista entendi porque provavelmente não existe outra lista sobre avós em animes por aí: é porque é muito raro animes que tenham avós mesmo. Faz sentido. A maioria dos animes já esconde os pais dos personagens, que dirá então dos pais dos pais dos personagens? Ou, no caso dessa lista, das mães dos pais dos personagens.

Mas elas existem. Eu não conheci muitas, e descobri que deixei de conhecer umas bastante famosas, mas todas dessa lista são de animes que eu assisti então eu sei do que estou falando quando elogio essas avós!

Ler o artigo →

Muita chuva nesses dois episódios desse anime que não perde uma oportunidade de ser mais simbólico do que realista: chuva é tristeza, depressão, sentimentos ruins. Pelo menos para adolescentes, porque adultos maduros como a professora já passaram por essa fase eufórica da vida e aprenderam que tudo existe por uma razão, que tudo tem a sua beleza, até mesmo dias de chuva.

E até mesmo adultos ainda tem o que aprender com adolescentes, ou não foi essa a conclusão do sétimo episódio? Em episódios assim há significado em cada traço, cada som e cada movimento de Amanchu!, e o anime quer sim passar uma mensagem. Mas não é pedante ou invasivo porque é apenas uma mensagem relaxante de que encontrar paz e satisfação está sempre ao alcance de todos nós, a qualquer momento. Se nada te convencer disso, pelo menos assistir as vidas e relações dos personagens desse anime (principalmente as duas protagonistas) deve servir para te aquecer o coração um pouquinho.

Ler o artigo →

Olá, gente! Aqui estou eu , Tamao-chan, com mais um artigo sobre Amaama to Inazuma e desta vez em dia!

Este episódio, assim como a maioria dos outros, não se tem muito o que falar. O que está tendo basicamente é: introdução a uma história que me agrada com algumas lições de moral e comida sendo feita e provada. De forma alguma acho isso ruim, até porque a quantidade de cores mostrada e a amabilidade entre família a amigos dá aquela sensação de aconchego, ao menos para quem vos escreve. As comidas parecem ser tão apetitosas que dá vontade de fazer, e ainda temos o mangá para complementar algumas partes não citadas. Excelente construção de elementos, o que faz querer continuar assistindo o anime. E vamos para o artigo em si, pois esta minha introdução a ele está ficando enorme.

Ler o artigo →