Days

Olá, gente! Quem está aqui é a Tamao-chan trazendo mais um post sobre Days… de novo. Calma que ainda faltam 17 episódios para falar sobre, mesmo que esteja com um ritmo bem lento por enquanto, e as partes mais marcantes sejam poucas, e é o que acontece neste episódio de Days.

E, pelo visto, esta é a semana da inveja. Teve inveja em Battery, teve inveja neste episódio de Days… só não tem inveja em Amaama porque o anime não dá espaço para isso (exceto o quiprocó que aconteceu no episódio 3 -q). Além de ter o Tsukushi correndo no dia de folga (até no dia de folga, meu querido?), também tem a semi-final com o time do colégio Ariake, e as coisas não foram nada fáceis. Até poderia comparar o jogo com Brasil x Colômbia de tão tensa que foi a partida.  E também veremos o capitão Mizuki jogando (e falando coisas sem sentido algum).

Curta o anime21 no facebook:

Bom, eu já contei na introdução a maioria das coisas que eu poderia falar HSFDHIUSFDHDSU. Mas podemos marcar alguns fatos importantes:

  • Tsukushi tem seus motivos para continuar correndo. Ele sempre repete que nunca teve amigos e que também nunca participou de clube nenhum, principalmente no terceiro episódio. Deve ter um motivo muito forte para querer dar tudo de si, embora nunca tenha passado por nada parecido. Não acredito que seja só pela amizade dos colegas, mas que tenha a ver também com as condições atuais de sua mãe, e ele quer se arriscar para viver a vida do jeito dele, mesmo que tenha que desmaiar por isso.
  • Kazama solta um pouco mais coisas sobre a sua infância, e isso lhe dói bastante. Ainda tem muito a ser contado, mas só o que foi mostrado dá para ver as dificuldades pelas quais passou. Entendendo a situação do Tsukushi e “comparando” com a sua, resolveu correr junto com ele, mesmo tendo sido parados por um poste pela Ubukata.
  • Antes do jogo Brasil x Colômbia Seiseki x Ariake, temos o prazer (ou não) de conhecer o Narukami Shuuji, que mais tarde foi apresentado pelo Kazama como o maior marcador de gols do Colégio Saku. (também posso destacar o fato de que ele adora gatos e, aparentemente, eles o odeiam, embora não se dê conta disso)
  • Na partida principal, os alunos do Colégio Ariake bateram tanto no Seiseki que achei que todo mundo ia parar na maca além do Tsukushi, que foi colocado ali para “confundir” o pessoal e animar o time. E se machucar seria a última coisa que todos poderiam esperar, já que precisavam estar em condições físicas necessárias para poderem jogar contra o Colégio Saku.
  • Puxando para o tópico anterior, mesmo a perna do Mizuki não tendo melhorado, ele decide jogar pelo Tsukushi (embora ele fale de um jeito como se o dito cujo estivesse morto) e acaba driblando alguns meninos depois de contar a história que tinha com seu avô e conseguir passar e dar uma cabeçada na bola (embora a cena nem tenha ficado tão bem-feita quanto achava que ficaria, mas está valendo).
  • O Indou o considera um demônio criado para jogar no Seiseki. Se um demônio elogia outro demônio, é porque o cara é bom mesmo.
  • Não lembro de mais nada importante. Desculpem D:

E o que estou achando do anime até aqui? Bom, ele tem o seu próprio ritmo, e acho que está indo pelo caminho certo. O Tsukushi é um dos meus estilos de personagens favoritos de animes/mangás, pois podem ser trabalhados de diversas formas. E ele não é um personagem fraco, além de parecer. Mesmo sendo impossibilitado de jogar por causa da sua condição física e falta de coordenação motora (HUISDHFUIFDH), ele tenta sempre melhorar, e acho isso muito legal.

Bem, é isso, eu não escrevi muito sobre o episódio em si, pois não vi muitas coisas de importante para destacar. Talvez lendo o mangá eu tivesse mais base e falasse com mais propriedade sobre diversos assuntos que foram passados. Mas espero que tenha abordado da melhor forma possível. Muito obrigada por acompanharem até aqui e nos vemos no sétimo post de Amaama to Inazuma.

Days está disponível no Crunchyroll.

Gostou desse artigo? Compartilhe:

  1. O capitão da Seiseki me mata de rir pq ele é muito obtuso/denso , ele entende as coisas do jeito dele e faz as coisas do jeito deles e os outros que se esforcem pra seguir. A única coisa que faltou comentar foi o ataque de pelanca do jogador que o Tsukushi entrou no lugar auhsuahsuahsuahus
    Ps: E bem ,há quem shippe o Tsukushi com a Ubukata,eu tô shippando ela com o Kazama,pq Kazama é um safrado que tem que tomar jeito auhsuahsuahsuah

Deixe uma resposta