motherfucking suwa 2

E da-lhe poder da amizade, falando sério estou gostando bastante de como estão ritmando essa temporada, estão utilizando diversos eventos do inicio do manga (acho que só agora começaram o volume 3 de 5) o que basicamente quer dizer que vão adaptar cerca de 2.5 volumes nos próximos 5 a 6 episódios, o que, normalmente seria ruim, mas funciona bem porque sou da opinião de que Orange é um mangá que têm um meio arrastado e que podia ser finalizado antes do que de fato foi (acho que apressando certos eventos como estão fazendo o anime fica ainda melhor), novamente o principal momento desse episódio foi orquestrado pelo Suwa (eu juro que vou começar  a pegar raiva do Kakeru nesse ritmo), que finalfuckingmente fez o Kakeru e a Naho se declararem.

Curta o anime21 no facebook:

Nesse episódio as atitudes atipicamente fodas do Suwa são explicadas, a verdade é que o eu do futuro do Suwa lhe mandou uma carta dizendo que ele devia salvar o Kakeru e manter a Naho e ele juntos (não só isso, mas Suwa deixa bem implícito pela sua reação de “esquecer” as cartas que havia menção a seu relacionamento com Naho nelas), Sendo o cara legal que ele é, lógico que Suwa não teve duvidas e decidiu seguir as instruções básicas na carta (só tinha tipo 2 folhas na carta) sempre dando apoio moral ao Suwa em seu relacionamento com a Naho e fazendo todo tipo de coisa que alguém lesada como a Naho, não conseguiu mesmo ganhando um diário completo e pontual de tudo que ia acontecer

"você teria um filho muito bonitinho com a Naho, maus ai eu"

“Você teria um filho muito bonitinho com a Naho, desculpa ai, eu…”

Com o auxilio de Suwa Naho e ele decidem bolar uma comemoração para a festa de aniversário do mesmo, os amigos se animam e decidem dar todo o tipo de presente para o Kakeru, porém o presente que Suwa planeja dar carrega um significado muito especial que ele ficou marinando por 10 anos no futuro, Suwa planeja basicamente “dar” a Naho para Kakeru, pois seu presente será literalmente fazer o Kakeru se declarar para ela já que o infeliz não presta nem pra comprar um buquê, não é algo muito legal de se fazer porque meio que objetiva a nossa protagonista mas se alguém tinha alguma dúvida que a única razão da Naho estar de boas com sua tarefa quanto a salvação do Kakeru ser literalmente se tornar um suporte amoroso e emocional era o fato dela já ter convenientemente se apaixonado por ele no episódio 1 aqui está a prova. Isso na verdade é algo que sempre me incomodou, o amor da Naho pelo Kakeru é completamente pautado no medo do Kakeru se suicidar, a Naho basicamente têm que namorar o Kakeru senão ele morre, se a Naho não fosse um ser tão sem noção com relação a tudo relacionado a romance como ela é eu acharia no mínimo estúpido ver qualquer colegial estando tão feliz com o tipo de relacionamento que ela têm com seu crush.


Bom de um jeito ou de outro já temos a declaração de amor (na metade do anime mas enfim…) ou seja, temos 6 episódios para a Naho ou ferrar com tudo de vez, ferrar com tudo e conseguir um final feliz ou transformar Orange num slice of life bobinho na metade de sua serialização (sabemos que isso não vai acontecer né ?) e é por isso que não leva nem um dia para o Kakeru ter uma crise depressiva (porque lógico que ele não só não impediu a mãe dele de se suicidar como é causa direta dela ter decidido se suicidar… grande Kakeru) o que faz com que o suwa tenha que agir e finalmente acabar com qualquer tentativa inútil do Suwa se decepcionar com um certo amigo babaca de Tokyo com o poder das palavras através de um belo discurso motivacional que estabelece preocupação e interesse quanto aos problemas do Kakeru e o fazem desabafar (o discurso por sinal costuma funcionar até na vida real tá, têm toda uma razão psicológica para isso e fortemente recomendo se embasar nele se quiser oferecer apoio a algum amigo/amiga seu/sua)


 

Gostou desse artigo? Compartilhe:

Deixe uma resposta