Aniversário-2-Anos

Espero escrever a sequência desse artigo ano que vem com o blog maior, com mais conteúdo útil e interessante, com mais pessoas tendo acesso a ele.

Escrevi isso no artigo de primeiro aniversário do blog, ano passado. E o que posso dizer? Minha esperança sem dúvida se cumpriu. O blog tem crescido, devagar porém sempre, e crescemos em termos de conteúdo também. Não tanto em quantidade (pô, já temos artigos novos todos os dias, crescer mais ainda do que isso não é moleza, hehe), mas em qualidade e diversidade. Os artigos de episódio continuam seguindo como o nosso principal tipo de conteúdo, absolutamente. Mas publicamos também várias resenhas, mais listas, artigos ainda mais específicos que os de episódios, analisando apenas uma cena, além das categorias que ainda contém apenas um artigo de Artigo-Comentário e A Música do Anime. Ah, e viu o novíssimo Guia Interativo da Temporada?

Curta o anime21 no facebook:

Entre o artigo de aniversário do ano passado e esse há uma mudança ainda mais notável: naquele eu escrevia em primeira pessoa. Nesse, é tudo nós temos, nós somos, nós fizemos. Durante boa parte do primeiro ano do blog eu tive uma equipe, mas eu ainda escrevi o artigo sob a perspectiva de um blogueiro falando sobre o seu blog. Bom, nesse artigo a perspectiva não muda muito, mas mudou completamente a minha relação com o blog: se no primeiro ano eu planejava em algum momento ter uma equipe, se eu sonhava com isso, e se isso se concretizou de forma até mesmo inesperada, nesse segundo ano se consolidou para mim a noção de que não apenas ter uma equipe é bom e divertido, mas necessário. E eu senti muito o quanto isso é verdadeiro quando, infelizmente, os membros da minha equipe de um ano atrás pararam de publicar, uma a uma.

Não briguei com ninguém, não aconteceu nada feio nos bastidores. A única coisa que aconteceu mesmo foi a vida, isso que está o tempo todo nos acontecendo de novo e de novo, sem parar. E note que não falo que elas deixaram o blog: para mim, continuam sendo membros. Editoras. Amigas queridas. O dia em que tiverem de novo espaço na vida delas para esse hobby que é sim exigente, eu e o Anime21 ficaremos felizes em recebê-las de volta! Passei por uma canseira quando cobri uma temporada sozinho, mas dei a sorte pela segunda vez de encontrar pessoas maravilhosas para compor comigo a equipe e escrever todos os dias para você.

Às inativas Lidy, Josiane e Fernanda adicionaram-se os muito ativos Mari (Tamao-chan), David (Iwan) e Flávio. Sou feliz na companhia de todos eles. Espero que você, leitor, também esteja satisfeito com o conteúdo produzido a muitas mãos que oferecemos. Faço ainda menções honrosas à Ester e ao Bruno (Akune) que entraram para a equipe em algum momento desse ano mas escreveram tão pouco. De novo, a vida acontece. Ela sempre acontece. E por fim, encerrando o capítulo da equipe do blog, quem acompanha nossa fanpage no Facebook talvez já tenha percebido mas temos um novo membro devotado apenas a cuidar dela, o Lucas. É o membro mais recente da equipe do blog mas não por isso menos importante. Ele tem feito um bom trabalho e espero muito dele.

Eu e todas essas pessoas incríveis escrevemos para você, nesse ano que passou, sobre 91 Days, Ajin, Alderamin on the Sky, Amaama to Inazuma, Amanchu!, Battery, Berserk, Boku Dake ga Inai Machi, Bubuki Buranki, Concrete Revolutio (e sua segunda temporada The Last Song), Days, Dimension W, Gundam: Iron-blooded OrphansHai to Gensou no Grimgar, Haifuri, Haruchika, Joker GameKabaneri of the Iron Fortress, Love Live! Sunshine!!, Myriad Colors Phantom World, One Punch Man, Orange, Perfect Insider, Rakudai Kishi no Cavalry, Re: Zero Kara Hajimeru, Shomin Sample, Shouwa Genroku Rakugo Shinjuu, Tales of Zestiria the X, Twin Star Exorcists, Ushio to Tora 2, Utawarerumono e Valkyrie Drive, ufa!

Se o ano passado foi marcado pelo surgimento da primeira equipe do blog, esse ficará marcado pelo surgimento das parcerias. A primeira de todas nem existe mais, infelizmente. Como no caso dos membros do blog, não houve briga nenhuma, era um canal para o Youtube e o vlogueiro em questão decidiu gravar sobre outros temas. Acontece. Mas ele abriu esse caminho e de lá para cá eu não parei: hoje o Anime21 completou 14 parcerias. Gostaria de fazer um agradecimento especial à Chell, do Not Loli!, e ao Vitor, do Otaku Pós-Moderno, que foram os primeiros blogueiros com quem firmei parceria. Outro grande agradecimento ao Helder, do OtakuPT, que me acolheu como editor no que eu considero o melhor site em português de notícias sobre mangá e anime. E ao pessoal da Blogosfera Otaku BR, um projeto do qual faço parte junto com dezenas de outros blogs, dos quais gostaria de destacar o Portal Tanaka do André, fundador do coletivo, o Animes Tebane do Kouichi, o É Só Um Desenho do Diego, o finisgeekis do Vinicius, e o Dissidência Pop do Gato, os membros e respectivos blogs com os quais tenho mais contato e proximidade.

E claro que não poderia terminar esse artigo sem agradecer a você, leitor. E a cada um dos meus leitores durante esse segundo ano de blog – e também aos leitores do primeiro ano, sem os quais seria difícil o blog ter sobrevivido para ter um segundo ano, hehe. O que você mais gosta no Anime21? Por que volta aqui? Por que aqui e não outros? Se também lê outros, quais e por quê? No que nós poderíamos melhorar? O blog passou por muitas mudanças nesse ano, algumas sutis e outras nem tanto. Para começar o layout há um ano atrás era completamente diferente. Esse foi implementado perto do final de 2015 e várias pequenas mudanças já foram feitas nele. Essas mudanças todas vêm te agradando? Acredito que sim, o blog não para de crescer! Esse ano finalmente passamos a ter mais comentários do que artigos (sério, isso me deprimia, hahaha!). O maior responsável por isso certamente é o Kondou. Encerro meu artigo com um agradecimento muito especial a todos os nossos leitores, em especial ao Kondou, representando-os como o leitor do ano!

A todos vocês, muito obrigado pela visita e por dividirem conosco esse gosto por animes =)

Gostou desse artigo? Compartilhe:

  1. Encontrei esse blog em julho de 2015, mas só comentei realmente em janeiro de 2016, se me lembro bem. Os meus comentários iniciais foram sobre Ajin, no qual o Fábio escreveu. Tive uma certa admiração pelas críticas, artigos e redatores. Passei à ler todos os artigos antigos e recentes, demoro pra comentar, mas comento quando posso. É um dos únicos blogs sobre animes que acompanho e um dos meu preferidos.

    Parabéns pelos aniversário de dois anos! Me arrependo por não ter encontrado o blog antes para comentar em alguns dos meu animes preferidos, mas agora acompanharei sempre que possível. Outrora comento nos guias da temporada. E o Kondou-san fez história aqui no blog, realmente, hahaha.

    Até!

  2. Parabéns pelo segundo aniversário do site Fábio. Eu descobri o site em Abril deste ano, por acaso no facebook e rapidamente me tornei fã deste site. Eu vejo muitos outros sites cuja temática é a mesma que este, mas têm falta de algumas coisas que vocês têm aqui e vou passar a citá~las, excelente português, eu neste quesito sou um pouco radical, eu como português nem sempre percebo a vossa gíria, mas aqui vocês escrevem de forma a ser o mais neutro possível para os leitores quer brasileiros ou portugueses. Outra das que mais admiro aqui é vossa vontade na escrita dos vossos artigos, vê-se que gostam daquilo que estão a escrever, ao contrário de muitos outros sites de animes que outrora eu via quase regularmente. Não posso esquecer de referir a vossa vasta lista de artigos, desde os artigos semanais (que nunca me farto de ler, mesmo aqueles artigos de animes que não vejo leio na mesma), e os outros artigos mais curtos também são muito bons. Mas aquilo que mais destaco aqui neste meu texto, são vocês redactores, cada um com o seu estilo de escrita e é isto que atrai as massas, tu (Fábio), com um estilo de escrita mais cuidado (quantas vezes eu a ler os teus artigos, tive que ter um dicionário à mão), a Tamao-chan com os seus excelentes artigos de Battery e Amaama to Inazuma que nunca me cansei de ler, o Iwan com o Berserk e Orange que também são artigos muito bons. Quanto ao Flávio ainda não tive oportunidade de comentar um artigo dele, mas mais tarde ou mais cedo ele vai ter um comentário enorme meu.
    Dos outros sites de animes que vejo são só o OtakuPT e de vez enquanto o intoxianime, mas a minha preferência mesmo o Anime21 e o OtakuPT (quando voltas a fazer as análises semanais dos episódios lá Fábio?).
    Eu acho que o site está muito bom como está não vejo grande necessidade de fazer alterações nele. aquilo que mais gosto nele é o design simples e intuitivo.
    Agora respondendo aquela pergunta do porquê voltar aqui e não a outros sites de animes, simples, a vossa dedicação na escrita, a vossa variedade de artigos, redactores super gente boa, excelentes guias da temporada e destaco o vosso excelente trabalho no guia iterativo, já o li duas vezes e está muito bom.
    Até me sinto lisonjeado por ser referido no texto como o leitor do ano, mas quando se tem artigos tão bons é impossível não comentar, principalmente os de de Re Zero, quantas vezes eu já não discuti lá com o Fábio teorias malucas do anime ( é por isso que o fluxo de comentários aumentou).
    Eu já estou como a Bell Dheyol, também me arrependo não ter descobrido o Anime21 mais cedo, mas acho que ainda vou a tempo de recuperar o tempo perdido.
    Que o Anime21 dure muitos mais anos, que vá melhorando, receba o devido reconhecimento e já agora que atraia muitas mais pessoas.

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      Precisou de dicionário? Eita =D Talvez eu deva evitar exagerar? Hahaha! Mas desde que no contexto seja compreensível acho que não tem problema, tem?

      Bom, como eu escrevi no artigo, foi apenas nesse ano que o número de comentários ultrapassou o de artigos. Inequivocamente você é o maior responsável por isso, sem prejuízo aos demais leitores e comentadores frequentes do blog. Achei justo te citar =)

      Obrigado por todas as visitas e comentários!

      • É mais do que compreensível, em alguns artigos de Re, a tua escrita era tão completa, que os meus olhos quase que brilhavam (eu como leitor de livros quase compulsivo, tudo o que tenha um palavreado mais caro, chama-me a atenção). Houve um artigo teu de Re (acho que foi sobre o episódio 15) que usaste uma escrita mais cientifica, dai eu não saber o significado de alguns termos, mas aprendi muitas coisas com esse artigo.

      • Foi aquele artigo de Re Zero ( episódio 15) onde o Subaru teve um surto psicótico e lá tu explicaste tudo ao pormenor dos problemas psicológicos dele e salvo erro até explicaste o porque daquele comportamento do Subaru, realmente um excelente artigo.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Ah sim =D Eu me interesso por várias coisas, e frequentemente estou lendo aleatoriedades pela internet. Uso esse conhecimento (que sempre tento dar uma pesquisada extra para não escorregar e falar muita besteira) em meus artigos. Acho divertido =)

      • Eu também tenho em interesse em saber mais, acho que para uma pessoa ser mais ao menos culta, tem que saber um pouco de tudo. Eu tenho especial interesse por história, psicologia e tenho um carinho especial por sociologia ( foi a única disciplina que tirei as melhores notas sem grande esforço).

    • Quando eu era apenas um leitor do blog, eu já conhecia a fama do Kondou-san de leitor assíduo do Anime21. Infelizmente, meus artigos ainda não receberam os comentários desse ilustre comentarista, o que me deixou um pouquinho triste, sabia?
      Eu acho que o motivo de não ter recebido comentários seus deve ser o anime que estou comentando, e não algo relacionado a qualidade do texto em si, enfim, na próxima temporada pretendo escrever sobre mais animes, e você terá a oportunidade de comenta-los caso goste deles.

      • Eu ainda não comentei nenhum artigo teu por causa do anime que estás a comentar (que salvo erro é o Love Sunshine) eu não vi as temporadas anteriores, por isso não me sinto confortável para comentar mas posso dizer que escreves muito bem, mas tens uns artigos curtos muito bons eu ainda só não comentei por preguiça. Nesta temporada que entra é muito provável que haja um anime que escolhas que eu vá comentar e posso garantir que sou um leitor assíduo e por norma faço comentários enormes a discutir as teorias mais mirabolantes possíveis.

Deixe uma resposta