Screenshot_6

Parece que a maré de bons episódios continua persistindo em Trickster. O episódio 6 foi, sim, um bom episódio, pode-se dizer que foi um tanto quanto divertido, além do desenvolvimento do “objetivo principal” dos protagonistas.

Curta o anime21 no facebook:

Após a finalização do último caso envolvendo o Vinte Faces, Akeshi decretou que a agência entraria de “férias” por alguns dias. Entretanto, creio que isso não seja bem por conta do último caso, na verdade, Akeshi deve estar fazendo outra coisa.

Entediado, Hanasaki foi “brincar” com Kobayashi, e após várias tentativas de suicídio do mesmo, Hanasaki resolveu começar a ajudar de forma mais “séria” Kobayashi, procurando um meio para ele conseguir se matar. Finalmente, o “objetivo principal” de ambos será desenvolvido, pois no primeiro episódio Hanasaki prometeu que arrumaria um jeito de Kobayashi morrer.

Sem a permissão de Akeshi, Hanasaki aceitou seis pedidos que foram recusados anteriormente. A conclusão de Hanasaki é que toda vez que Kobayashi ajuda alguém, ele acaba se machucando. A intensidade da bolha de Kobayashi muito provavelmente varia conforme o seu humor ou emoção. Então, quando ele ajuda alguém, evemtualmente se sente melhor ou coisa do tipo, “desativando” a bolha por alguns segundos.

O episódio em si se resumiu na conclusão desses seis casos.

O primeiro era bastante simples. A contratante pediu para que Kobayashi e Hanasaki arrumassem um vaso idêntico ao que ela tem em sua própria casa. Então, ambos foram até o apartamento de Noro e lá conseguiram “clonar” o vaso com uma impressora 3D. Na conclusão do caso, foi descoberto que o vaso não pertencia à contratante, mas sim à mãe dela. A contratante pretendia vender o vaso original e pôr a cópia no lugar.

Para a resolução do segundo caso, Hanasaki e Kobayashi receberam a ajuda de Ootomo (o cientista do clube de ciências). O contratante queria que seu mp4 fosse consertado, pois aparentemente nenhum estabelecimento conseguia consertar o aparelho. Em poucos segundos, Ootomo conseguiu e ainda por cima adicionou uma função extra no aparelho. O contratante adorou ver seu aparelho consertado, mas odiou a função extra que, no caso, transformava o mp4 em uma espécie de “estrela ninja” com navalhas maiores.

Já o terceiro caso se baseava em limpar um terreno, o quarto era apenas servir de babá e o quinto tinha como objetivo abrir um cofre.

O quinto foi finalizado com Kobayashi destruindo o cofre. Obviamente, o contratante não gostou nada do serviço.

Após esses três casos, o anime pulou logo para o último, que era basicamente investigar uma traição. Após uma pequena perseguição, Kobayashi estragou tudo perguntando para a mulher e seu amante se os dois estavam tendo um caso.

Após completarem todos os casos, Hanasaki acaba se decepcionando porque Kobayashi, apesar de ter ajudado pessoas, não se machucou no processo. Durante a volta dos dois para o escritório (casa) de Akechi, Hanasaki vê duas crianças choramingando, pois o drone de uma delas ficou preso dentro de uma fábrica. Ele, então, foi até lá para “resgatar” o drone. Após uma sucessão de acontecimentos, Hanasaki acaba se complicando e no fim quem salva o drone é Kobayashi, que pula em uma fornalha para pegar.

De volta para o escritório, Kobayashi é surpreendido por Noro (coruja), Ootomo, Yamane, Inoue e Katsuda. Hanasaki, enquanto resolvia os casos, planejou a organização do aniversário de Kobayashi. Como já foi dito antes, ele não sabe quando nasceu, então Hanasaki decretou que exatamente naquele dia seria o aniversário de Kobayashi. O presente foi a realocação da cabine de roda gigante daquele prédio antigo para o escritório de Akeshi.

A minha conclusão sobre esse episódio é bastante simples. O episódio foi bastante divertido e iniciou o desenvolvimento do “objetivo” dos protagonistas. Não teve nada de confuso e a animação foi bem regular. Não tenho qualquer crítica a fazer. Além do mais, personagens foram desenvolvidos durante esse episódio. Um bom exemplo disso é Kobayashi, que agora está mais “amigável”.

Entretanto, apesar dos pesares, aconteceu algumas coisas “misteriosas” durante esse episódio. Não são bem GRANDES mistérios, são apenas coisas interessantes que me fizeram pensar um pouco.

  1. Para onde Akeshi foi? Ele está apenas cansado?
  2. Apesar de Hanasaki não gostar de sua casa, por que no final da festa ele voltou para a mesma?
  3. Akeshi é irmão de Hanasaki?
  4. Por que Noro é obcecada por exercícios? Ela se tornou reclusa por algo envolvendo seu físico?

Enfim, espero que Trickster continue assim, pois finalmente o anime está verdadeiramente agradável de se acompanhar.

 

Revisado por Tuts

Gostou desse artigo? Compartilhe:

  1. O episódio teve maior caracterização dos personagens principais (Kobayashi e Hanasaki), além de outros personagens também terem um tempo maior de presença, como Noro. A trama do episódio foi fraca, em minha opinião, feita para aliviar o clima de tensão anterior. E conseguiram. O humor das falhas dos personagens durante cada caso foi agradável de assistir.

    Considero que seja extremamente essencial descobrir à história de Kobayashi. Não é possível que, repentinamente, à bolha substituiu sua memória. Há claramente algo suspeito nisso. Enfim, houve indícios de desenvolvimento de Kobayashi durante o episódio, mas nada que particularmente seja de grande importância.

    Akechi irmão mais velho de Hanasaki? Em termos de personalidade ou aparência, não são bem parecidos, mas sempre há uma chance.

    Fora isto, ótimo post. Até!

Deixe uma resposta