Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá, pessoal! Aqui estou eu, Tamao-chan, trazendo mais um artigo sobre Uchouten Kazoku para a Sessão Vintage!

Faz anos que eu vi (3 e meio para falar a verdade), mas este anime não cansa de me surpreender. Tem uma quantidade enorme de carga cultural e pesquisas a serem feitas. Neste segundo episódio, quem ainda tem vontade de ver o anime, perceberá que aconteceu algo de estranho com o segundo irmão mais velho, e ele é o que mais se sente culpado pela morte de seu pai. Ainda mostra o medo da mãe dos tanukis da “Família Excêntrica” (que é o nome traduzido da obra) e dois irmãos que ainda vão dar muito trabalho.

Avisando que tem alguns spoilers a seguir.

Continuando onde parou, Yasaburou ainda quis animar a noite do mestre dele, transformando-se em Benten. O que acontece aqui, pode ser que ele se sinta mais culpado do acidente que aconteceu do que seu segundo irmão mais velho, quando o pai deles morreu, e como Yajirou se sente duas vezes culpado, ele decidiu se transformar em sapo e se esconder em um poço, mas ficou assim por tanto tempo que se esqueceu como se transforma em tanuki de novo.

Como ele é um sapo agora, ele tenta viver em paz como pode. Antes zombavam dele, e agora ele meio que virou um ombro amigo das pessoas depressivas que vão ao poço para ter seus desejos realizados.

E também descobrimos novos tanukis por aí! Tem dois irmãos malas, Ginkaku e Kinkaku, que adoram pisar no calo dos membros da família Shimogamo! Como Yashirou é o irmão mais novo e o mais inocente e ainda por cima trabalha na fábrica da família Ebisugawa como aprendiz, ele é vítima dos dois o tempo inteiro. Ainda é obrigado a escutar um dos irmãos falando uns contos populares e inventando significado para eles. Como ainda assim o caçula os irritava, eles decidiram maltratar um pouco mais o garoto, mas acabaram se dando mal.

E o medo da mãe da família Shimogamo é nada mais, nada menos, que um trovão. Tanto que tudo o que aconteceu foi em um dia chuvoso e ela resolveu se esconder quando começou a trovejar. Uma pessoa a salvou, e todos ficaram devidamente agradecidos. E ao final, como ainda sentem falta do pai, tiveram lembranças, e perceberam que a mãe deles tem muito mais respeito que qualquer um, enquanto os outros acham que não são dignos deles herdarem o sangue do pai.


OS NOMES DOS 4 IRMÃOS:

Como sabemos, temos os 4 irmãos da família Shimogamo: Yaichirou, Yajirou, Yasaburou e Yashirou. Mas, se desmembrarmos os nomes, podemos ver a ordem em que cada um apareceu:

  • Yaichirou – Ya-ICHI-rou = o primeiro filho.
  • Yajirou – Ya-JI-rou = o segundo filho.
  • Yasaburou – Ya-SABU-rou = o terceiro filho.
  • Yashirou – Ya-SHI-rou = o quarto filho.

UM DOS DITADOS POPULARES:

Ichiyo Higuchi, pseudônimo de Natsu Higuchi, foi uma escritora japonesa, também conhecida como Natsuko Higuchi. Poeta e romancista especialista em contos, Higuchi foi a primeira escritora de destaque no Japão dos tempos modernos, tendo atuado no período Meiji. Ela teve um período de trabalho relativamente curto como resultado duma vida pouco longeva, mas suas histórias tiveram grande impacto na literatura japonesa e ela ainda é apreciada pelo público japonês atualmente. Também teve a sua cara estampada em uma nota de 5000 ienes, e isso é um trocadilho no anime.

Higuchi Ichiyou


E ainda tem mais vindo por aí na semana que vem! Não percam a próxima resenha!

Comentários