Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá! Quem vos escreve sou eu, DE NOVO, a Tamao-chan!

E devo dizer que este episódio foi muito tocante em inúmeros sentidos. Koyuki relembrou de coisas que passou com Yuu até o momento de ir embora sem se despedir, inclusive no momento em que os dois quiseram se chamar de membros da banda do HEDGEHOGS. Ainda temos o encontro entre ela e a Fuuka, o que a faz pensar no seguinte questionamento: “Você gosta de alguém?”

Bom, e voltamos com mais um pouco de sessão nostalgia! Koyuki relembrando o seu passado! Inclusive lembrando sobre algumas brigas que seus pais tiveram no passado. Por conta disso, os seus pais se divorciaram e cada um foi para um lado: o pai foi morar em outro canto e a mãe a levou para morarem juntas na casa de seu avô. Por não saber como se despedir de Yuu, ela resolveu nem falar com ele, e chorou bastante. Como sabemos, eles eram muito ligados na infância, então o menino sempre a tentava alegrar, e uma das fontes de alegria/tristeza foi ver os dois bonecos de neve juntos que ele fez, tentando fazer com que ela lembrasse que a amizade perduraria muito tempo.

E, mesmo depois de anos, os sentimentos da Koyuki não mudaram, fazendo com que hoje ela cante músicas sertanejas de amor não correspondido(não vou mentir, de fossa mesmo), mas que ao mesmo tempo fez com que Fuuka se tornasse a sua fã e comprasse todos os seus CDs. Depois de entregar os ingressos de seu show para Yuu, ela ainda consegue ter o disparate de sair e andar sozinha por aí. E um encontro entre a cantora profissional e a cantora novata foi mera coincidência.

Inclusive, durante o banho em um banheiro público do prédio da Fuuka e de sauna, elas conversaram bastante sobre como escrever canções melhores, e até mesmo sobre elas gostarem ou não de alguém, e percebemos que a Akitsuki ainda não descobriu os seus reais sentimentos pelo Yuu, assim como a Koyuki havia descoberto desde a infância. Ela se sente aliviada, mas será que Fuuka não gosta mesmo do protagonista, ou ela se diz não gostar por que não está pronta?

Muito obrigada por quem leu o artigo até aqui! Nos vemos no próximo! 😀

E A FOTO COMPROMETEDORA!

  1. Este episódio de Fuuka, para mim foi o melhor e mais tocante, em termos emocionais neste anime. Finalmente explicaram o motivo da Tama-chan se ter mudado e não ter dito nada ao Yuu. O passado da Tama, foi complicado, aquelas discussões entre os pais dela, decerto que a assustavam e muito. Mas claro, quando num casal, um começa a desconfiar do outro, nunca acaba bem, neste caso o divórcio dos pais da Tama, deu-se pelas consecutivas traições do pai da Tama (o famoso adultério que destrói casamentos). O flashback da Tama-chan, foi muito bem feito e bonito, ela desde aquela altura que já sentia alguma coisa pelo Yuu, e então quando ela soube que os seus pais se iam separar e ela tinha que se mudar,o sentimento dela, ficou ainda mais forte. Aquela cena da Tama e do Yuu, na casa do Yuu, foi bem fofinha, ela estava lá toda determinada, a pedir desculpa ao Yuu, pelo facto dela se ter ido embora e o Yuu é que acabou por se desculpar, foi mesmo uma daquelas cenas, para fazer com que o público queira que eles dois fiquem juntos. Aquele velho uso da conveniência por parte do anime, ainda não morreu, aquela parte em que a Fuuka, vai ver se a Tama-chan está bem, depois de ter sido molhada por um camião foi muito conveniente. Mas tal conveniência, não foi má de todo, ver a Tama-chan com a suposta garota que lhe pode roubar o Yuu e a Fuuka, com a sua cantora favorita, rendeu cenas bem interessantes. A Fuuka é muito ingénua, ela quer é viver a vida, realizar o seu sonho de ser cantora e ter uma banda, ela não sabe nada sobre amor. Acho que pode nascer uma bela amizade entre as duas, lá na parte final do episódio, a Tama-chan já se estava a dar melhor com a Fuuka.
    Aquele preview, já demonstra, uma das piores coisas na vida de uma, pessoa famosa, o risco de exposição social. Aquele sem cérebro,se publicar aquela foto na net, vai tornar a vida da Tama num inferno. A música da ending foi muito boa, espero que a voltem a usar noutro episódio.
    Como sempre mais um excelente, artigo de Fuuka Tamao-chan.

Comentários