Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá pessoal, é hora de dançar no ritmo de Ballroom e Youkoso, mais uma estreia da temporada de verão. O anime é baseado em um mangá de esportes – dança de salão para ser mais preciso – e terá 24 episódios, sendo produzido pelo estúdio Production I.G.


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Shall we dance?

O anime começa nos apresentando Fujita Tatara, um estudante do ginasial que não sabe bem o que quer para o seu futuro, ele não tem um sonho especifico ou um plano concreto em mente, e é aí que em um belo dia ele é salvo de bullying por Sengoku Kaname, um dançarino profissional que o leva para conhecer o estúdio de dança Ogasawara – do qual ele é dono –. Lá o garoto conhece a dança de salão e começa a se interessar por esse mundo.

Ainda não…

Esse primeiro episódio serviu para apresentar o protagonista e o seu anseio por encontrar um objetivo na vida, além de mostrar o seu encontro com o dançarino e, por consequência disso, seus primeiros e tímidos passos dentro de um território que lhe era desconhecido: a dança de salão.

A princípio ele gosta da dança, de seus movimentos belos e chamativos, mas se sente desestimulado a tentar aprender por causa dos altos custos, só que ao ver um dvd – emprestado por Tamaki, uma moça que trabalha no estúdio – em que Sengoku vence um campeonato ele se apaixona definitivamente pela dança e se sente impelido a praticá-la.

Olhe e queira ser como eu!

No outro dia ele pede a Sengoku que o ensine a dançar ao dizer que quer ser como ele, que quer se tornar um profissional para entrar em competições – haja coragem hein garoto! –. A princípio ele não leva a sério a ambição do moleque e o ensina apenas um passo básico – chamado de caixa –, fazendo o repeti-lo até que ele dissesse que era hora de seguir para o próximo movimento.

O que ele não esperava é que o estudante fosse ficar a noite toda praticando a caixa, contrariando sua previsão de que se ele fosse deixado sozinho logo desistiria por não estar levando isso a sério. Ao acordar de manhã ele encontra o garoto ainda imerso naquele movimento e passa a reconhecê-lo como alguém que quer aprender de verdade.

Acho que não, acho que ele está mesmo decidido!

Não foi um episódio impactante, com uma grande sequência de dança ou um momento dramático pungente, – nem teve comédia exagerada ou algo do tipo – mas posso dizer que ele se sobressaiu por ter sido simples e eficiente, já construindo a base para o que devemos ver ao longo do anime, um garoto que encontra um proposito na dança e vai buscar viver essa paixão tentando se tornar um dançarino cada vez melhor através de muito esforço e dedicação.

Tenho que ressaltar a excelente produção do anime, tendo uma animação consistente e acima da média até mesmo para uma estreia – que costuma ser mais bem-feita –, com uma trilha sonora ótima não só na animada abertura – cantada pelo UNISON SQUARE GARDEN, banda que fez o icônico encerramento de Kekkai Sensen – e no relaxante encerramento, como também nas cenas que precisaram de um reforço da soundtrack para serem mais envolventes.

Não se dança de verdade sem suar pra valer!

O design dos personagens está bem bonito, seus movimentos fluidos e suas expressões e gestos bem orgânicos. Os cenários estão bem detalhados e a paleta de cores dá vivacidade ao anime, tornando-o bem atraente aos olhos. Achei a dublagem muito boa, apesar de que confesso que imaginei outras vozes para alguns personagens – isso se deve ao fato de eu ler o mangá, vale dizer –. A direção foi boa, trabalhou bem os acontecimentos e realçou alguns detalhes em relação ao mangá, mas no geral o adaptou com grande fidelidade e esmero. Houve um pouco de CG em algumas danças, – mas só em personagens bem secundários – o que não me incomodou muito e duvido que seja usado nas danças principais.

Acho importante falar sobre um acontecimento questionável, o fato do protagonista virar a noite repetindo um passo de dança. No original acontece o mesmo, o que parece sim um tanto forçado, mas se formos parar para pensar que se trata da história de alguém que vai mostrar um diferencial no que faz – é assim na maioria dos animes, ainda mais nos que derivam de mangá shounen, como é o caso –, esse começo “intenso demais” não parece assim tão surreal.

Por favor… me ajude a ser o protagonista da minha própria história.

Por ler o mangá pontualmente posso fazer comparações entre as duas mídias, mas vou manter minha analise focada no anime, exaltando seus méritos e apontando seus erros independentemente do material original. Sendo assim, devo dizer que esse episódio me deixou extremamente satisfeito, fez jus ao hype que tinha e me deixou ansioso pelo próximo!

Antes de acabar o artigo gostaria de citar uma personagem da qual não falei mais acima, Hanaoka Shizuku, colega de escola de Tatara que dança no mesmo estúdio e que parece ser alguém que ele admira por sua dedicação à dança. Ela é bonita, simpática – mas também sabe ser séria e até botar medo – e até ajuda e motiva o protagonista. Apesar de ela ter tido pouco tempo de tela acredito que já tenha cativado um pouco o público. Pela abertura fica claro que os caminhos dos dois continuarão a se cruzar ao longo da obra.

Acho que ela fica linda de óculos!

Por fim gostaria de agradecer a quem leu até aqui, pedir desculpas a quem achou o artigo longo e convidar a todos para que acompanhem o anime comigo, pois farei de tudo pare que não se arrependam de terem me dado a mão nessa dança. Indico Ballroom e Youkoso para todos, e se você não gostou muito desse começo tente a “regra dos três episódios”, acredito que o anime não vai “dançar” se o der essa chance.

Bem, essa dança acaba por aqui, mas aguardem ansiosos pela próxima!

Como ADORO essa personagem vai uma foto dela para fechar com chave de ouro!

  1. thiagofrancodeoliveira

    Obrigado pelo Texto,é não se preocupe ele não ficou longo,o Fato de vc contar sua experiência como do leitor do Mangá e procurar explicar alguns pontos do mesmo e colocar curiosidades deixar ele fácil de lê,gostei muito desse Primeiro Episódio e Espero e torço que ele continue nessa Qualidade,Shizuku´é muito gata principalmente de óculos,já virou minha Waifu,rsrsrs,no aguardo do próximo episódio e texto,Abraço

Comentários