Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá pessoal, é hora de mais uma primeira impressão da temporada de Verão, dessa vez falarei de Tenshi no 3P!, um anime com moe, comédia e música para agitar um pouco as coisas!


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Aquela referência 10/10 pra quem gosta de rock!

O anime começa mostrando um hikikomori que compõe músicas e as divulga na internet. A primeira parte do episódio se resume a mostrar a sua rotina reclusa – inclusive mostrando a sala de aula a qual ele não comparece – e um contato que ele tem com Gotou Jin, que ele supõe ser um respeitável adulto que aprecia as suas músicas e o convida para encontrá-lo para falar sobre elas, só que o que ele não esperava é que ao encontrar Gotou Jin…

Tava bom demais pra ser verdade kkk…

Sim, eu sei, isso está parecendo mais uma sinopse de hentai com lolis kkk…. Há inclusive momentos hilários em que ele pensa que é muito perigoso andar com garotinhas de 10 anos por aí, e realmente, elas o coagem dizendo que gritariam caso ele não as acompanhasse, e ele de mãos atadas segue esse “trio angelical” para um orfanato.

Essas lolis sabem como jogar sujo!

Chegando lá eles adentram uma igreja e elas abrem uma passagem para um porão – isso está ficando cada vez mais estranho, não é? rs – onde se encontram instrumentos antigos, baixo, bateria, guitarra, que deixam o garoto babando por serem verdadeiras “relíquias”, tendo inclusive um baixo de Sir Paul McCartney entre eles. Em seguida, as crianças se apresentam mostrando do que são capazes como um “power trio“ de baixo, bateria e guitarra e pedindo a ajuda dele para fazerem um show naquela igreja dali um mês.

Três lolis num porão com um cara… por que isso tudo parece tão errado?!? kkk

Imagino que elas querem que ele componha músicas para elas tocarem e que aja também como um produtor, um quarto ou quinto integrante – os Beatles tinham seu “quinto elemento”, por exemplo – já que a irmã dele – a entediada Nukui Kurumi – toca piano e suponho que vá se juntar a banda posteriormente.

O primeiro episódio serviu mais para apresentar os personagens, mostrar o objetivo das personagens femininas na história – show que acredito ser para ajudar o orfanato de alguma forma – e render muitas zoeiras com lolis que eu, sinceramente, achei hilárias, me fazendo rir em vários momentos e me fazendo pensar que tudo o que eu estava vendo ali era muito sem noção, e era mesmo kkk…

Essa parte foi hilária!!! kkk

Como disse no meu artigo de expectativas, tinha esperanças de que o cara mais velho – o isolado Nukui Kyou aka HibikiP, seu nickname na internet – pudesse render alguma situação interessante de se observar. Falo não dele sendo coagido pelas lolis, mas sim por ele ser um hikikomori que deve se abrir para o mundo ao ajudar essa banda de garotas. Eu espero que o que estou supondo aconteça, seria bacana ver algum drama nessa história.

Na verdade ele escolhe “fugir”, mas eu não podia perder a piada rs…

Ademais, posso dizer que gostei do anime porque ele tem várias referências a música, – desde os pôsteres no quarto do garoto até os próprios instrumentos musicais – moe – eu gosto de moe, não me julguem, por favor kkk – e deve misturar comédia com umas partes minimamente sérias em momentos pontuais – possivelmente envolvendo os dramas do protagonista e o show que as garotas querem dar.

No geral a história não parece ruim, só é meio complicado levá-la a sério por causa das lolis e porque há “brincadeiras” constantes com o fato dele estar “interessado” nelas além do sentido musical, com insinuações e até um pouco mais que isso… o que “chuta o balde” de certa forma e faz você não levar a sério a coisa toda.

Isso explica porque os rockeiros vivem quebrando instrumentos. Tenshi no 3P! também é cultura!

Eu imagino que isso ocorra para atrair uma parte do público que gosta desse tipo de “brincadeira” com garotas de 10 anos, o que eu acho desnecessário, pois além de que não deve se concretizar – não que eu quisesse que realmente rolasse romance entre ele e uma das crianças, né – faz com que quem espera seriedade da obra se afaste dela. Bem, se for ver o anime o faça por sua conta e risco, mas advirto de antemão, as zoeiras envolvendo as lolis devem ser pesadas, e não duvido haver cenas em que elas serão sexualizadas também.

Paul McCartney kouhai, Nozomi senpai!

Eu gostei do que houve de música no episódio, mas aí realmente vai do gosto de cada um, se você não gosta de garotas fofas cantando e tocando, esse anime não deve ser mesmo para você. Achei a animação boa, mas nada demais também, e a dublagem legal – o que era para ser fofo foi, por exemplo. Só que não esperem muito desse estúdio na parte técnica a longo prazo, não é o forte dele. E ah, como última observação, posso dizer que gostei das partes em que elas tocam os instrumentos, as trocas de notas ficaram boas e os movimentos ao se tocar também.

Qualquer power trio de sucesso: caralho, olha as deusas mano!

Por fim, posso dizer que gostei do episódio – mas ainda não deu para levar nada a sério ali, infelizmente – porque ele me divertiu ao render momentos hilários e músicas que me agradaram. Agora eu sinceramente não indico ele para quem não curte moe, lolis fazendo coisas que lolis geralmente não fariam ou uma comédia com insinuações a muita coisa errada que você não pode repetir na vida real porque seria preso por isso kkk…. Se você não tem problema com essas coisas dê uma chance a obra, pode ser uma total perda de tempo, mas também pode ser um poço de moe que divirta e tenha alguma seriedade – mesmo que seja quase nenhuma – no final.

Telespectador-san, por favor, vai ver o anime?

E é isso pessoal, eu fico por aqui antes que a polícia apareça… e até uma próxima!

Comentários