Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá, pessoal! Aqui estou eu, Tamao-chan, e venho com mais um artigo de Aoyama-kun!

E neste episódio é citado um autor de mangá que está no colegial, o qual faz um dos mangás mais badalados do momento. Como ele está no colegial, é super simples conseguir todo o material que precisa para a sua obra, principalmente quando se quer ficar famoso às custas dos outros.

Qualquer situação para o autor serve, como uma professora que confisca o mangá dos outros(inclusive achei uma cena absurda ela ter rasgado o volume novo só porque está com o coração amargurado), uma pessoa que cuida de gatinhos e quase os têm confiscados também, e entre outras situações. Porém, o que mais temia que acontecesse aconteceu: a imagem de Aoyama foi completamente distorcida, fazendo com que ele se tornasse o vilão mais aclamado e malvadão dos mangás.

Ler o artigo →

Princess Principal enfim mostrou como Chise, a espiã samurai (eu a chamei de ninja até agora, não foi? Isso está bastante errado, me perdoe, Chise). Ela veio do Japão, lógico, mas junto com ela veio uma carga enorme de referências históricas que certamente te deixaram bastante empolgado caso as tenha reconhecido e se interesse por isso. Se não reconheceu todas as referências, esse artigo irá cumprir esse papel, enquanto comenta sobre o episódio.

Ler o artigo →

Depois da conclusão da batalha no beco contra o assassino de heróis, nada melhor como um episódio mais tranquilo, apenas apresentando as consequências dos fatos. Ele serviu para nos explicar algumas coisas, apresentar novos personagens e engatilhar os próximos pontos a serem discutidos nessa temporada.

Ler o artigo →