A nona bruxa apareceu e agora virou bagunça. Na verdade, nem é bagunça que virou, o que me incomoda é essa apresentação de bruxas sem nada prévio contando quem são ou o que faziam na história. Dá para supor, mas, sinceramente, deixa para lá. O importante é que foi outro bom episódio e que esse arco se encaminha para o final, mas só deve terminar ao fim da temporada mesmo. Sem mais delongas, tsunderes não sabem dizer adeus!

Ler o artigo →

Uma das estreias mais esperadas por mim, Kiyo in Kyoto: From the Maiko House – ou Maiko-san Chi no Makanai-san – não me decepcionou e apresentou aqui um episódio caracterizado pela singeleza educativa de sua proposta e uma amizade entre duas garotas que é capaz de amolecer até o coração mais duro. Quem quer saber mais sobre o mundo das maikos através delas?

Ler o artigo →

Dia de final de campeonato brasileiro de futebol, mas é hora de falar de corrida de cavalo. Aliás, de corrida de garotas-cavalo, isso em um episódio para lá de bacana pelo foco que teve e pelos inúmeros acertos da produção.

Principalmente sobre algo nada surpreendente, e que até por isso me agradou muito, que foi o aproveitamento das coadjuvantes.

Sem mais delongas, é hora de ver uma vilã que na verdade é uma heroína no Anime21!

Ler o artigo →

Megami no Café Terrace (Goddess Café Terrace) é o mais novo mangá de Seo Kouji (Kimi no Iru Machi, Suzuka, Fuuka, Hitman), um verdadeiro mestre do romcom dramático, a sair na Weekly Shounen Magazine.

Na história acompanhamos Kusakabe Hayato, um garoto que passou na Toudai (a universidade mais prestigiada do Japão), mas tinha problemas de relacionamento com a vó, deixando a casa dela ainda três anos antes. Um dia ela falece e ele precisa retornar ao lar, um café caindo aos pedaços em que moram cinco garotas contratadas por ela para atuarem como garçonetes e que, a maneira delas, acabam ajudando Hayato a se reencontrar com seus sentimentos.

Ler o artigo →

Você já deve estar de saco cheio da pandemia do coronavírus, e quem não está, não é? Mas foi pensando nela e no quão inusitado seria explorar o assunto pandemia na ficção que alguém no Japão teve uma ideia de criar um mangá situado em um mundo diferente no qual… o padrão é viver a vida de máscara até dentro de casa (como faço porque convivo diariamente com várias pessoas do grupo de risco e seguro morreu de…).

Enfim, New Normal (“O Novo Normal”, frase que você deve ter ouvido muito no noticiário nos últimos meses) é um mangá de Akito Aihara (Bimajyo no Ayano-san) que conta a história de Hata e Natsuki em um mundo diferente após ter passado por uma pandemia.

Na história andar de máscara é o normal e existem várias outras consequências da pandemia. Natsuki, que tem interesse em como era o mundo pré-pandêmico, acaba sendo vista sem máscara por Hata, o que faz os dois se aproximarem e compartilharem um interesse em comum.

Ler o artigo →

Essa longa batalha entre os times Kakizaki, Katori e Tamakoma-2, vem me surpreendendo pela sua duração – já que ainda não terminou -, mas principalmente pelo aprofundamento que ela entrega a cada um de seus personagens, seja em crescimento de habilidades ou mesmo nas questões pessoais deles.

Com as coisas ainda empatadas, porém se encaminhando para o fim, o episódio trouxe elementos bem interessantes que podem mudar o rumo daquilo que vem parecendo fácil demais para os protagonistas, como também a história dos dois times rivais, que a sua maneira concentram problemas internos.

Ler o artigo →

Diversas coincidências e muitas ironias tornam esse episódio muito significativo. Depois de ver as consequências dos atos da Gabi aqui nós vemos que ela não se arrepende nem um pouco deles. Bem, talvez isso esteja prestes a mudar. Quem sabe não de uma hora para outra, mas quem sabe o primeiro passo tenha sido dado nesse episódio.

Ler o artigo →

Bom dia!

A jornada iniciada na semana passada com a publicação do primeiro ranque de melhores animes por gênero finalmente chega ao fim.

Após os 5 melhores animes de Ação, Esportes, Comédia, Drama, Romance, Slife of Life, e Mistério, Supense ou Horror (sim, o último era mais de um gênero), chegou a hora de publicar os 10 melhores animes dentre todos os animes do ano.

Naturalmente, quase todos os animes desse ranque serão animes que já terão aparecido nos ranques anteriores (eles foram os melhores, afinal), mas não necessariamente todos. Na verdade, tem sido prática nossa desde a primeira edição do Melhores do Ano que o primeiro colocado não apareça em nenhum outro ranque, deliberadamente, então é pelo menos ele.

Quais foram os seus animes prediletos de 2020? Será que estão aqui?

Quais serão os melhores animes do ano de 2020 segundo a equipe do Anime21?

Ler o artigo →

Quem nunca teve um relacionamento “peculiar”, para o bem ou para o mal, que atire a primeira pedra. Você já se envolveu com alguém comprometido ou compartilhou uma amizade por um motivo muito específico? Ou pior, já teve um relacionamento tóxico? Espero que esse último tenha ficado no passado, afinal, ninguém merece estar ao lado de quem só bota você para baixo (e o mesmo vale se for o contrário).

Enfim, que tal uma lista com 6 mangás que abordam relacionamentos peculiares por diferentes motivos, cada um a sua maneira? A lista é dominada por mangás do excêntrico Oshimi Shuuzou (que eu adoro), mas os mangás de outros autores não ficam atrás e também provém uma visão interessante sobre relacionamentos que fogem do comum (ou ao menos fogem do que a gente imagina que seja o comum).

Sem mais delongas, indico a você que desenvolva um relacionamento aberto com esses mangás para lá de interessantes.

Ler o artigo →