Webtoons são, para quem ainda não sabe, webcomics – histórias em quadrinhos com publicação diretamente online – criadas por sul-coreanos. Hoje em dia o termo é amplamente utilizado para categorizar não só quadrinhos coreanos, mas também japoneses e até de outros países, sendo que muitos autores de outros países – ocidentais inclusive – criam quadrinhos que são considerados webtoons, mas geralmente os lançam em plataformas baseadas na Coréia.

Ler o artigo →

Eu dei nota máxima para todos os outros episódios de High Score Girl, simplesmente por eles merecerem uma nota 5/5! O anime é extremamente divertido e é sobre um tema que eu sempre vivi e respirei sobre, então ver coisas que eu já conheço acontecerem com outras pessoas, ou jogos que eu gosto aparecendo, realmente me deixam muito contente em relação aos episódios de HSG.

Claro, esse episódio não poderia ser diferente disso!

Ler o artigo →

Começando com essa ótima frase da nossa ex-presidenta Dilma, quero primeiro explicar o título. O título deste artigo era para ser “O incorruptível” para fazer um paralelo entre o Takashi e o Robespierre, mas achei que seria mais interessante começar com uma frase tão motivadora e que, apesar de parecer mera brincadeira, faz total sentido se você fizer a ligação com o final do arco.

Ler o artigo →

Essa semana Satsuriku no Tenshi trouxe novamente um show de sadismo com a personagem Cathy, ao público. Também tivemos pontos rápidos do passado de Rachel, que ainda não serviram para nós dar um norte do que aconteceu, mas já demonstra o interesse da obra em tratar o assunto em breve. No mais, tivemos uma questão moral sendo levantada.

Então sem mais delongas… Que o suspense comece no Anime21!

Ler o artigo →

Ongaku Shoujo utiliza elementos já utilizados em outros anime do gênero, mas faz isso mantendo uma identidade própria. Assim como na culinária, para fazer uma boa história, não é obrigatório seguir uma receita á risca. Cada obra tem e deve ter suas peculiaridades que os fazem se distinguirem uma das outras, mesmo que o modelo aplicado seja semelhante.

Ler o artigo →

O sexto episódio de Asobi Asobase é uma aula de como uma série deve respeitar seus atributos e ainda conseguir acrescentar novos elementos para torná-la mais sólida, de quebra, apresentar um pouco mais da personalidade de suas personagens. O que faz do anime um programa tão atraente e inteligente é a forma como as tolices de suas protagonistas e o absurdo, que são seus fundamentos, chegam a um ponto em que parece não haver limite e a sensação é que em algum momento a piada irá afundar, aí de repente ocorre um desdobramento inesperado e já estamos rindo da curva tomada pelo seu humor. Cada esquete do episódio 6 é sensacional, com drama, Hanako aprendendo uma lição e decapitando um robô, problemas com os cabelos e traição no passatempo.

Ler o artigo →

Mais um episódio maravilhoso de Grand Blue e mais uma épica batalha de Iori, Kouhei e seus aliados numa missão aparentemente impossível: deixar a virgindade no passado. Como dizem: o inimigo de hoje é o amigo de amanhã (deve estar errado, me desculpe) e com isso em mente e novos aliados, Iori correu atrás de seu objetivo.

Ler o artigo →

Em tempos de luta contra crimes sexuais, como o assédio e o abuso, uma cena em que um condenado por um desses atos grita que ama garotas do ensino médio ao presenciar adolescentes apertando a bunda uma das outras presta um desserviço por apelar gratuitamente para um fetiche, premiando um pervertido e reacendendo nele os seus desejos libidinosos. Mas temos mais problemas nesse segmento: Madoka Kushitori, a capitã do time de Kabbadi, o chama de mestre, e ele é apenas um sem-teto que paga pela sua ação vil do passado, a de ter molestado uma estudante do ensino médio, supostamente por querer consumir a energia dela, já que ele andava esgotado emocional e fisicamente. Para piorar, mesmo com a clara expressão de repulsa de Manana, Madoka se solidariza com o relato. Ela volta a apertar bundas, já que tem uma compulsão e isso é algo que lhe proporciona prazer (cabe discussão também sobre a representação lésbica no anime). Apertar bundas sem consentimento, sabemos, é errado. O segundo segmento de Chio-chan no Tsuugakuro mantém em alta a dinâmica entre Chio e Manana, que são amigas trolladoras, terríveis, mas que se adoram. Porém, a loucura afetuosa (ou afetuosa loucura), com deboche, presepada e rivalidade, que rola entre as garotas é insuficiente para dirimir os equívocos da primeira parte.

Ler o artigo →

Bom dia!

Você tem um sonho? Se não tiver não se preocupe, você não é obrigado a ter um sonho, não importa quantos anos tenha. A vida já é complicada o bastante sem nos cobrarmos por coisas abstratas e complicadas como “sonhos”. Mas adolescentes se aproximando da vida adulta costumam ter sonhos, ou pelo menos uma vaga noção do que esperam para o futuro. É típico da idade, e histórias como Shoujo Kageki Revue Starlight são escritas especificamente para tratar disso: a crise entre os sonhos adolescentes e a realidade do mundo.

Ler o artigo →