Sakamoto Days é um mangá de comédia e ação de autoria de Suzuki Yuuto. A obra é um dos mais novos lançamentos da Weekly Shounen Jump e conta a história de Sakamoto Taro, um notório assassino de aluguel que se aposentou para formar família e trabalha em uma loja de conveniência. Mesmo acima do peso e aposentado, Sakamoto será capaz de evitar que seu passado atrapalhe sua felicidade cotidiana?

Ler o artigo →

Não foi um episódio com tantas coisas interessantes a comentar como os anteriores, mas, ainda assim, acho que posso fazer alguns comentários pertinentes sobre o que foi apresentado em tela, até pela beleza de algumas cenas e o sentido de algumas associações. Vamos à “mão de ouro”!

Ler o artigo →

A Jun era solitária (e na verdade ainda é um pouco) devido a sua timidez e também a obsessão que tem pela escalada, mas se ser solitária a incomoda é certo que tenta aplicar sua régua para todas as pessoas não a ajudaria a mudar. Se por um lado é admirável esse amor que sente, por outro ela é a mais imatura de todas. Se duvidar essa intransigência, essa rigidez, essa imaturidade, só contribuiu para o seu fracasso. É hora de Iwakakeru no Anime21!

Ler o artigo →

Sabia que a seiyuu da Kanata Konoe é a Akari Kitou e 37567365834 entre 10 fãs da franquia agradecem por ter tanto talento na era Nijigasaki? É sério, adoro a Akari, acho que ela tem uma voz linda e é muito talentosa interpretando diferentes personagens, tanto é que ela adapta bem a voz a personalidade ou ao momento da personagem, e foi isso que ela fez com a Kanata, que seguiu suave, mas bem menos Bela Adormecida do que antes. É hora de Idol Butterfly no Anime21!

Ler o artigo →

Quem não gosta de ganhar um presente de natal? O presente que eu gostaria de ganhar é um emprego, ou melhor, uma fonte de renda. Deixando o desânimo da vida adulta de lado, precisamos falar do presente da Adachi para a Shimamura, e melhor, da Shimamura para a Adachi também. Além disso, não seria justo não pontuar em que a relação das duas, e a própria Adachi, evoluiu. É hora de date de natal no Anime21!

Ler o artigo →

Não é só o Kiroranke que é criminoso político, mas o Wilk também, e por que não estou surpreso? Porque a trama deu vida ao personagem após a sua morte e caracterizá-lo como alguém capaz de ir a um extremo que é matar um imperador realmente condiz com a ideia que está tentando se vender sobre ele, que ele fez tudo que fez pela liberdade das minorias étnicas da região. Mas, afinal, o que exatamente Wilk fez?

Ele é o crápula pintado por alguns ou o rebelde das lembranças do Kiroranke? E não poderia ser os dois? É justamente essa possibilidade que torna sua história ainda mais interessante, até para que a filha, Asirpa, receba de bom grado o presente, mas também fardo, que é ter a chave para o segredo do ouro. Além disso, seu pai já morreu, ela só poderá conhecê-lo melhor assim, catando pedaços de sua história e os colando.

É hora de Golden Kamuy no Anime21!

Ler o artigo →