Às vezes é inevitável cair em uma armadilha. Por quê? Porque os danos, ainda que ruins, são menos piores que seguir outro caminho. Foi muito nessa linha que honrosamente o Império encerrou sua investida contra Iserlohn, deixando mais um feito de Yang para trás.

Ler o artigo →

Esse arco foi regido por questões de estratégia extremamente pertinentes e interessantes, principalmente quando a guerra se desenrola na prática, na frente dos olhos daqueles que comandam, sentem a pressão e precisam contar com fatores outros para chegar a vitória.

Ler o artigo →