Samurai 8: Hachimaru Den é o novo mangá do mestre Masashi Kishimoto, o autor por trás de Naruto que entregou a Akira Ookubo o traço de sua nova série e, diferente do grande sucesso mundial que o consagrou, essa não é a vez dos ninjas, mas dos samurais! O que esperar de bom – e de ruim – de um autor de mangás shonen consagrado? Se está pensando em ler Samurai 8 indico que leia meu artigo!

Ler o artigo →

Sísifo foi condenado pelos deuses a repetir por toda a eternidade a tarefa de subir uma montanha carregando uma pedra enorme e no cume soltá-la para rolar encosta abaixo. Em certo momento, Sísifo desce a montanha para agarrar a pedra e novamente subir com ela. É nesse momento que, livre do esforço, ele pensa sobre sua condição e se revolta sobre a tarefa absurda e sem sentido que terá que fazer por toda a vida.

O escritor e filósofo Albert Camus observa no mito de Sísifo a imagem do proletário, homem trabalhador que está condenado a repetir tarefas indefinidamente por toda sua vida. Para Camus, o instante em que ele reconhece sua condição só aconteceu no tempo livre, momento em que ele deseja ter uma existência com mais sentido.

Diferentemente da visão pessimista sobre trabalho supracitada, segundo o Calvinismo, a prosperidade material é vista como sinal que você é um eleito para habitar o Reino dos Céus após a morte. Max Weber (um dos pensadores clássicos responsáveis pela fundação da sociologia) na sua obra mais famosa (A Ética Protestante e o Espírito do Capitalismo) notou a relação do protestantismo com as ideias de trabalho e riqueza. Evidentemente que a burguesia em acensão na época gostou de saber que havia uma religião que ia de encontro aos seus interesses.

O que tem a ver tudo isso que escrevi com esse singelo anime no qual comento? Vou chegar lá.

Ler o artigo →

O anime da equipe de Arthurs combatendo outros Arthurs voltou, e dessa vez parece que voltou focado em seu plot – será que vai ser assim mesmo?

Na primeira temporada eles receberam uma árdua missão de bater um milhão de guerreiros que empunhavam as várias representações da famosa Excalibur, a fim de salvar a estabilidade do mundo.

O que ocorre no entanto é que ao longo da jornada, o andamento foi lento e despreocupado, onde os Arthurs não se livraram nem de um terço do que deviam eliminar, então o que me diz que nessa temporada o anime pretende mostrar um andamento mais decente em relação a isso? Leiam e vão entender o que pode ser o caminho da solução.

Ler o artigo →

Como o título já informa, Kenja no Mago é mais um dos isekais que vem saindo. Produzido pelo estúdio Silver Link (Rakudai Kishi no Cavalry, Strike the Blood Series e Death March Kara – outro isekai recente) a obra nos trouxe um primeiro episódio cômico. Sim, eu mais dei risada de certos aspectos do que me interessei de fato pela história (que eu já conheço por ter lido o mangá mas enfim). A história contém os gêneros ação comédia e fantasia; provavelmente terá uns 12-13 episódios e sinceramente eu tenho boas expectativas após esse primeiro episódio.

Ler o artigo →

Bom dia!

Sarazanmai é o novo anime do diretor Kunihiko Ikuhara (UtenaMawaru PenguindrumYurikuma Arashi), que de tempos em tempos retorna para nos confundir com suas histórias surreais com tabus sociais, especialmente sexualidade e a aceitação dela.

Dessa vez, Kazuki, Toi e Enta têm suas shirikodamas roubadas por Keppi, o príncipe dos kappas, o que os transforma em kappas. Para recuperar suas shirikodamas e sua forma humana eles precisam combater kappas zumbis.

Indo direto ao ponto: o que tudo isso significa?

Ler o artigo →

O herói de uma piada só, mas com muitas outras qualidades está de volta e sua segunda temporada foi alvo de polêmicas antes mesmo da estreia, afinal, a troca do estúdio Madhouse pelo J.C. Staff foi uma notícia que pegou a comunidade otaku de surpresa, trazendo desconfiança sobre a animação – uma das maiores qualidades da primeira produção. Era mesmo para todo esse medo? Leia e saberá!

Ler o artigo →

Quantos animes não lançam por ano com Oda Nobunaga como personagem? E sendo ele aquele que dá título à obra? Nada anormal quando se fala de uma das maiores figuras, senão a maior, da história do Japão.

Mas como reagir quando o protagonista tem o nome da lenda, só não parece alguém que é capaz de grandes feitos? Na verdade, talvez o maior feito seja ele terminar o anime sem ser preso ou arranjar uma namorada. Nem espere o segundo, pois pode ser pedir demais. Enfim, vamos ao artigo?

Ler o artigo →

Bom dia!

Carole & Tuesday é um novo anime original do estúdio Bones, parte da celebração de seus 20 anos – e já começou com a perna direita, mas sinceramente não tinha como ser diferente.

O projeto está nas mãos de Shinichiro Watanabe (Cowboy BebopSamurai ChamplooSakamichi no Apollon, etc), que criou o conceito e supervisiona a direção de Motonobu Hori, em seu primeiro trabalho como diretor de série, mas já trabalhou em vários animes com storyboard, animação, direção de animação e de episódio – como Beck, também um anime musical, como Carole & Tuesday.

O roteiro é de Aya Watanabe, que apesar do sobrenome não possui parentesco com Shinichiro (é só um sobrenome muito comum no Japão). Aya nunca trabalhou em nenhum anime, mas têm uma carreira extensa escrevendo roteiros de séries para televisão e filmes.

Carole & Tuesday é uma história sobre duas garotas e seu sonho de fazer música: Carole e Tuesday.

Ler o artigo →

Esse anime é para aqueles que apreciam um mergulho nas especificidades da cultura oriental e nesse caso, a obra trabalha elementos do budismo – no caso os seus protagonistas, que são divindades. Namu Amida Butsu traz ao público uma história sobre a luta dos treze budas contra a força do mal conhecida como Mara, que tem ligação com os vícios terrenos e pecados.

Ler o artigo →