Quando assumi Nanatsu no Taizai: Imashime no Fukkatsu, já sabia da grande responsabilidade que assumiria por se tratar de uma obra adorada por muitos fãs e por mim também. Após um episódio sensacional como esse só se confirmam as expectativas, onde foi possível um desenvolvimento na relação atual de King e Diane, além de podermos ver o grande poder de nosso pecado do Orgulho, Escanor.

Ler o artigo →

Novamente Persona usou sua “fórmula” para introduzir um novo aliado para os ladrões de corações. Yusuke finalmente abriu seus olhos para enxergar a verdade que tanto ocultou de si mesmo por conta de uma lealdade que no fim, de nada valia. Despertou de uma escuridão que ele mesmo produzia e agora, lutará contra seu mestre para enfim “limpar” o ganancioso coração de seu mestre.

Ler o artigo →

O anime continua na mesma pegada, agora começando um novo arco que promete ser centrado na família Tsukiyama, o que representa um certo alinhamento narrativo similar ao do mangá – um arco principal em três volumes e o segundo do quarto em diante –, a diferença é que no primeiro anime inverteram a ordem do arco da Hinami e do arco do Gourmet. Hinami essa que se encontra presa por ter ficado para trás para salvar seu Onii-chan e Gourmet que bem, é sobre ele que eu vou falar agora.

Ler o artigo →

A fantasia chegou a Amanchu! pelos sonhos de Teko nos episódios 4 e 6 desta temporada. Teko, a sonhadora profissional, compartilhou um espaço imaginário com uma menina em um café (ambas despertam na cafeteria após voarem em vassouras até o Vale das Cerejeiras) e com Pikari em uma casa de banho, um conto de príncipe e princesa. Um sonho sonhado juntos. No episódio 7, surge o fantástico confrontando a realidade, criando um clima de impossibilidade, marcando um novo arco, o de Peter, um garoto que anda pelos corredores da Escola Yumegaoka procurando quem deseje eternizar um evento, viver para sempre em um momento de felicidade.

Ler o artigo →

O mundo do beisebol está cada vez se tornando mais amplo por conta deste anime. Geralmente são explicadas apenas a mecânica dos jogos e como cada time fica quando ganha ou perde. Mas nesta obra são mostrados os diferentes caminhos percorridos depois que se sai do ensino fundamental/médio e faculdade e o que o jogador pensa sobre a sua aposentadoria. Não é à toa que Tohko-san, com 32 anos, acabou de sair da Liga Inferior e ir para a Principal e Kitamura-san, que é um jornalista da Liga Principal que escreve para a Doyo Sports, foi escalado para observar todos os passos de jogadores que mudaram de rumo.

Ler o artigo →

Sim, meus amigos. Assim como o título deste artigo diz, heróis não são feitos apenas de momentos de glória, mas também de suas derrotas. Da mesma forma, o mal nem sempre perde. Depois de tantos episódios no Acampamento de Férias, as coisas acabaram da pior maneira possível: Bakugo foi capturado pela Vanguarda de Ação da União dos Vilões, e agora?

Ler o artigo →

Bom dia!

É um pouco estranho falar em vocação quando as pilotas de dragões são escolhidas não pelo talento ou por um chamado divino ou qualquer forma de predeterminação do destino, mas sim por serem ruins na vida. Não é o que eles têm que as garante essa distinção, mas o que falta a elas.

Mas no conflito inicial da Hoshino, resolvido (pelo menos por enquanto) nesse episódio, há sim o que se dizer sobre algo que muitas pessoas sofrem, que é a dificuldade de decidir (ou aceitar o destino) quando sempre sonharam em ser ou fazer uma coisa, mas por razões às vezes alheia às suas vontades, se tornam boas ou necessárias em outra coisa.

Ler o artigo →

Por um lado, gostaria que estivessem se esquecido da Remember para que ela não tivesse chance de incomodar a Kiyoi mais uma vez, por outro, ela aparecer na abertura enfrentando justamente a LRIG de seu desafeto já propunha seu envolvimento e se a inserção da vilã no primeiro plano da história é conveniente, o que ela pode trazer de climático ao anime e de bom a construção da heroína foi o que pagou seu bilhete de entrada. Já com as garotas do núcleo antigo a operação de resgate tem sua vez!

Ler o artigo →