É esse tipo de anime

Por algum motivo eu achei que Shinmai Maou no Testament pudesse ser engraçado. Sei lá, uma premissa ridícula gera situações ridículas, e isso pode ser engraçado. Além disso, embora já esteja um pouco batido o tema demônios e criaturas sobrenaturais de vez em quando ainda gera histórias legais. O que dizer então? Teve piadas em situações ridículas sim, mas todas forçando a barra na perversão sexual. E não foram nem piadas novas, só aquelas velhas que eu já cansei de ver. A história, quando no final do episódio resolveu começar, é bastante genérica também, e como eu já estava com raiva de todos os personagens seus problemas não me cativaram. Se não tiver mais nenhuma estreia péssima desse nível talvez eu continue assistindo apenas porque as vezes eu assisto coisas péssimas desse tipo. Por quê? Não sei, talvez para não me esquecer que elas existem e me manter atualizado com seus clichês para não ser pego de surpresa.

Ler o artigo →