Gleipnir continua divertido, a trama está “clareando” e o que eu imaginava se concretizou. Contudo, não esperava que as irmãs se reencontrassem tão cedo, mas ainda espero que não se entendam tão fácil.

O anime precisa do conflito entre as duas e do que a irmã mais velha tende a revelar para ir se desnudando, ou entrando em um maio escolar. Qualquer que seja a opção, aposto que os otakus não vão achar ruim.

Shuuichi e Clair têm um grau elevado de intimidade, ele vê ela nua e ela entra nele, e por isso a garota virgem não tem pudor em tirar a roupa na frente dele, outro virgem.

Mas por que a coisa não desemboca em uma relação sexual? Porque eles têm coisas mais importantes com as quais lidar, além de não ficar claro se ela sente algo por ele. Só tenho certeza de que está usando o garoto.

Se não estivesse nem teria se associado a ele em primeiro lugar, e insistiu em entrar na p*rra do robô (você pegou a referência, né?) de caso pensado, com a intenção de usar esse poder para “acertar contas” com a irmã.

Não à toa escondeu sua intenção assassina na hora em que atirou na cabeça dela. Mas é claro que o Shuuichi perceberia e interviria, afinal, que bem faria a trama se a Erena morresse agora?

Claro que ele não agiu pensando nisso, mas sim porque a ideia inicial não era matá-la assim de cara e sabendo que estava ali para isso provavelmente não teria topado de toda forma. A irmã nem é dele, né, mas…

Enfim, antes de comentar o trecho final do episódio quero pontuar algumas coisinhas. O quão estranho, mas não exatamente surpreendente, vai ser se esses monstros que existem no anime forem “coisa de alien?”

O que o dono das moedas deu a entender é que ele não pertence ao planeta, então acho que faz sentido levantar essa hipótese, só fico me perguntando se não faria mais sentido se fosse “coisa de youkai” ou algo assim.

Em todo caso, ainda não dá para descartar nada e nada garante que a explicação será ruim (nem que parecerá relevante quando for dada). O máximo de informação que a cena deu foi que não é exatamente um jogo.

Não que em algum momento ficou parecendo muito que era, eu só pensava nessa possibilidade. Gleipnir é uma caça a moedas que envolve monstros e uma existência misteriosa que os cria. Parece bom? Por ora é.

Enfim, outra coisa que quero pontuar é que sim, fetiche é gosto e cada um tem o seu, além de que para um garoto “bonzinho,” como é pintado o protagonista, é menos pior ver uma moça de maiô que pelada.

Não sou santinho, então preferiria ver ela pelada, mas não é incoerente da parte dele, ainda mais se casou com seu fetiche. Tem mais o que falar disso? Não, no máximo que o ecchi não me incomoda mesmo no anime.

Por quê? Porque, como comentei anteriormente, faz certo sentido pela ideia de intimidade com a qual a obra trara. Mas claro, reconheço que a ideia também é agradar ao público safadinho, talvez até seja mais por isso.

Outra ponto digno de comentário é o uniforme da irmã passar a ideia de que ela é uma assassina de longa ficha corrida, quando sua personalidade e ações não batem muito, ao menos se descartarmos o modo yandere…

É, tem esse pequeno “detalhe,” mas até agora ela só perdeu a cabeça quando envolvia o Shuuichi, então o que os pais dela fizeram que justificasse o assassinato deles? Talvez ela não estivesse é tentando protegê-los?

Se foi o caso ela falhou e eles foram mortos, daí ela não conseguiu mais encarar a irmã e partiu. Parece uma explicação boa? Talvez. Seria interessante que tudo fosse esclarecido logo? Acho que não com tanta pressa…

O interessante é ver as duas lutando, em conflito, quer a Erena tenha matado os pais ou não. Aliás, pensando bem, retroceder agora da certeza desse assassinato seria meio bobo, covarde, o que o anime não foi até agora.

Escrevo isso porque com esse problema minimamente “superado” duvido que a Erena não passe a se relacionar melhor com a irmã, caso dê mesmo para superar. A Clair até já matou, como recriminaria outra assassina?

A heroína não me parece hipócrita, “só” desequilibrada da cabeça. O X da questão é quando e como a luta(?) iniciada com o cliffhanger desse episódio terminará, se demorar mais a chance de revelar mais coisas é maior.

Se acabar rápido não tem como não achar decepcionante. Mas claro, episódio é um todo, e não faz sentido se preocupar com o próximo agora. É melhor comentar o pouco que a Erena revelou com o que disse.

Talvez ela até se sinta mal por ter matado os pais, mas não foi por isso que se desculpou, seu interesse era o Shuiichi, isso já fiou claro desde o episódio passado, mas como ela virou um monstro e ele também?

Ela não queria se unir a ele? Talvez tenha virado monstro para poder se fundir a ele? Hm… Acho que não, ela passa a impressão de que o Shuuichi só foi pego no fogo cruzado, que ele não deveria ter virado monstro, né?

Sendo assim, as chances do carinha misterioso, e miserável, ter armado para ferrar com a Erena e o Shuuichi, seu objeto de obsessão, são de 99.9% ou 100%? Se ele não tiver dedo na desgraça vou me surpreender muito.

Tudo que a Erena queria era ter o Shuuichi só para si, algo maluco assim, então por que não está realizando o seu desejo? Aí tem alguma coisa, alguma coisa que deve agir como combustível para mais conflitos.

E é bom que assim o seja, Gleipnir está legal, a ideia de colocar logo as irmãs para se chocarem não foi ruim, agora se será assim tão proveitosa também só o próximo episódio irá dizer.

Por fim, e não é que eu gostei das irmãs perturbadoras fazendo sanduíche do “coitado” do Shuuichi? Gleipnir continua percorrendo a linha tênue entre matar e lamentar com certa destreza, e mais desgraça está por vir…

Até a próxima!

  1. Avatar

    Lembro q no desenho dos caças fantasmas (ghostbusters) teve um ep em q tinham q derrotar um espectro q se disfarçava de vendedor de rua q perguntava seu desejo , e ele realizava, mas não saia exatamente como vc pensava, já sua forma de pedir deixava margem pra outras formas de interpretar, acho q o loiro das moedas eh algo parecido, pois a garota queria ser mais rápida pra poder vencer no clube de atletismo ,então lhe foi dado a as pernas de um raptor (q a deixou + rápida, q era o desejo dela). Provavelmente a Erena pediu algo do tipo “quero poder me tornar um com Shuuichi ” então o transformou nesse mascote de parque e ela em algo q facilitaria nessa “fusão”
    Sobre o q eh o loiro acho q seria algo mais pra mistico, ja q no ep mostra q a câmera do cell não mostra a moeda e ele fala algo como “aparelhos eletrônicos não funciona”

    mas ótima analise e observações

  2. Kakeru17

    Verdade, a Erena só não contava que seria a irmã caçula a aproveitar isso. Aliás, essa é justamente uma coisa que anda não entendi na história, por que ela se mantém afastada do Shuichi se o ama tanto, imagino que tenha a ver com a natureza do pedido e, claro, com as moedas, como se só elas pudessem dar a ela segurança para se unir a seu amado, algo assim. Imagino que ela não vai querer dividir o Shuichi com a irmã, então muita coisa ainda deve acontecer entre as duas.
    Quanto a moeda, no episódio posterior a este foi explicada a origem do loiro, então nem tenho mais o que comentar, só pedir desculpas pela demora em responder o comentário (tenha dificuldade de me lembrar de fazer isso) e agradecer por prestigiar meus artigos!

Deixe uma resposta para Fenrir Cancelar resposta