Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

E ae galera!!!!!!!! Outro artigo de episódio duplo. Ou melhor, episódios separados que eu vou juntar em um mesmo artigo, sei lá, enfim… Demora, mas sai!!

Antes de começar o episódio 10, eu pensei que só ia ter treta do Haine e o Conde de Rosenberg. COMO EU FUI TAPEADO! A conversa foi quase que diluída ao decorrer da história, só serviu de indagação para fundamentar o ponto principal do episódio 10 e por consequência do episódio 11 também, que seriam como o título: o amadurecimento dos príncipes e o passado do Haine.

Indagações

Foi interessante, de novo, como essa direção mostra cada tema. O Haine andando pelo castelo e vendo que cada príncipe não só amadureceu como estava progredindo em cada uma de suas respectivas áreas, chegando a um ponto que claramente fez o Haine pensar se sua presença ali ainda se fazia necessária, tanto não estava mais sendo requisitado que se afundou em estudos até para limpar um pouco esses pensamentos. Foi até bem melancólico e até certo ponto triste ver o progresso desse episódio, pois na metade do episódio o desfecho do que viria a acontecer já estava se tornando bem claro, apesar de uma disfarçada básica ocasionada pela trupe da limpeza, digna dos trapalhões, rendendo um pouco de comédia para aliviar a tristeza que havia se acumulando. A pergunta que tanto queríamos ver ser respondida acabou se transformando no grande algoz que fez o Haine tomar sua decisão, que estava se desenhando pelo episódio inteiro.

Com todos os preparativos feitos, principalmente no episódio 10, o episódio 11 (que tanto estávamos querendo) chegou e nos trouxe o prometido passado do Haine. É notável como que o Haine moldou profundamente o Viktor. Geralmente os monarcas não chegam nem a observar a camada mais miserável da sociedade, talvez seja por isso que não tomem atitude sobre. Assim como os outros, o Viktor não teria visto essa camada, se restringindo apenas ao que se deixa ser visível, a não ser pelo Robin Hood Haine, que mostrou como é não ter nada e mesmo assim ter tudo, ensinando valores e morais desde daí (Haine já era um tutor real muito antes de perceber, e o mais surpreendente: era analfabeto).

Outro ponto foi o crime, o despreparo do guarda. Se fosse sequestro o Viktor não correria junto do Haine e o guarda usando de sua autoridade para mudar a história, e o desespero do Haine em prol da saúde do Viktor. Essa sequência foi próxima a perfeição, uma das melhores cenas de todo o anime. Enfim, esse passado do Haine foi totalmente inesperado para mim, uma brotheragem linda demais, alguns vinhos, e uma criança batendo em uns 10 guardas reais (tudo bem, eu sei que ele não era criança nem nesse flashback, mas vai…).

Agora, o que se fará do sumiço do Haine e como entrarão o Conde de Rosenberg e o desconhecido Eins nessa história? O que nos reserva esse episódio final? Bom, espero que essas respostas sejam satisfatórias. Será que teremos um novo rei eleito? Nos vemos no próximo e último artigo de Oushitsu Kyoushi Haine. Até lá!!!!!!

  1. Olha só o que foi que você fez: tinha de ser post duplo e lá fui eu conferir o penúltimo episódio pra poder comentar… Fato!

    Finalmente tivemos o passado do Haine mostrado e como fiquei feliz que ele não era um criminoso e sim, um morador de rua e muito do esperto, isso sim! Realmente, ele moldou o Viktor a enxergar mais do reino e de suas necessidades e na franqueza, qualquer semelhança com o Licht não é mera coincidência. Foi algo inesperado,mas, que revelou a camaradagem entre o rei e o tutor real, muito antes de seguirem estas carreiras. Curti demais o episódio em si. Agora é partir pro final.
    O episódio que antecede é bem o que falou, uma preparação para o seguinte e foi bacana ver a evolução dos príncipes, como o trabalho de equipe deles na limpeza do quarto do Haine. Ver certa depressão do tutor sobre ser necessário no dever, me remeteu ao Kagami Junichirou do “Denpa Kyoushi”, que passou pela mesma coisa no final do anime, passando pelo mesmo dilema de ver os alunos mais enturmados. Não tem como não fazer a comparação…

    Do que espero do final? Bem, já vi e só posso adiantar que terá final feliz. Na análise do último episódio, darei minhas conclusões da série. Até mais!!!

Comentários