Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Mesmo para os padrões prolixos de Durarara, pelo menos metade desse episódio foi completamente dispensável. Não acrescentou nenhuma informação nova de verdade, apenas detalhou uma história cujos detalhes mais importantes e desfecho toda a audiência já sabia. O resto do episódio foi de desenvolvimento lento, normal para o anime mas lento. Acho que como estou acostumado com a narrativa bizarra de Durarara não achei tão ruim assim esse episódio. Mas foi no máximo medíocre.


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Qual a história desnecessária do episódio? Se você já assistiu, você já sabe. Se não assistiu, olha só: detalharam a história de como a Akane descobriu que sua família era mafiosa e, com “ajuda” do Izaya, fugiu de casa e depois foi tentar matar o Shizuo. Só que tudo isso já era fato conhecido e não mudou nem uma vírgula no que realmente importa. Apenas contou como tudo aconteceu. Basicamente, a Akane tentou ajudar uma colega de sala que estava sendo maltratada (o fansub traduziu como “bulinada”, caramba, olhem num dicionário antes pelo menos, colocaram lixo embaixo da carteira da garota, não a assediaram sexualmente) por colegas de classe. Ela achou que não fosse adiantar e que fosse ser maltratada também, mas para sua surpresa as valentonas atenderam seu pedido e todas viraram grandes amigas depois. Com muito pesar ela descobriria mais tarde que elas só agiram assim porque tinham medo de sua família, e então ela pesquisou na internet e descobriu que a Awakusu era uma família yakuza. Triste, sem saber o que fazer, foi presa fácil para o Izaya. Percebe como não mudou nada? Não obstante, metade do episódio foi isso.

Um desenvolvimento interessante foi a insinuação de que talvez a verdadeira assassina dos capangas da Awakusu tenha sido a Ruri. Aquela que foi no início da temporada apresentada como assassina em série. Ninguém falou que foi ela, mas o Shinra disse, depois de olhar as fotos dos cadáveres da Awakusu, que não poderia ter sido o Shizuo, e então quando ele e Shiki estão refletindo sobre quem então poderia ter sido, a cena corta para o noticiário que anunciou os assassinatos da Ruri no começo do anime. Não sei se Shinra ou Shiki pensaram que foi a Ruri, mas o anime certamente quer que o espectador acredite que foi ela. Para o padrão de relações complexas entre os diversos núcleos de Durarara até faz sentido, mas considerando a justificativa do Shinra para acreditar que não foi obra do Shizuo não faz sentido nenhum. Disse o médico que não poderia ter sido o garçom porque, fosse ele, os corpos estariam em piores condições. O Shiki parece concordar com isso. Mas ora, a Ruri não foi apresentada como uma assassina em série que comete assassinatos terríveis, deixando os corpos desfigurados? Então como? Não que não possa ter sido ela, só não faz sentido que tenha sido um de seus assassinatos comuns. E se não foi um assassinato comum dela não faz sentido que Shiki ou Shinra tenham suspeitado dela. Mas será que eles suspeitaram? Como eu já disse, pode ter sido só uma forma nada discreta do próprio anime dizer para o espectador que foi ela. Ou de lançar uma pista falsa. E se foi ela mas não foi um assassinato comum então a circunstância não foi comum: terá sido ela capturada? Estava levantando informações? Não é demais lembrar que ela foi funcionária de um homem que hoje é procurado pela Awakusu.

A conversa entre Kadota e Rokujo, que começou no episódio anterior, evoluiu ao ponto deles eventualmente decidirem resolver tudo no braço, e vão para os fundos de um ginásio escolar para isso, onde são vistos e fotos deles correm pelos celulares de Ikebukuro. Um membro da gangue do Aoba já está a caminho do local. Não imagino o Kadota apanhando, mas o Rokujo é terrivelmente forte, então sei lá, quero dizer, para tudo tem uma primeira vez, suponho. Ao mesmo tempo outra foto circula pela rede: uma suposta “namorada” do Rokujo (se me lembro bem ele sempre anda com várias garotas, ela não deve ser namorada mas deve andar com ele). O autor da foto é do Dollars e sugere que alguém a sequestre para tentar parar os ataques do Toramaru. Uma decisão estúpida que só levará o ciclo de violência a um nível superior ao atual, e percebendo isso Mikado tenta chegar antes ao local para, creio, protegê-la. E porque o Mikado foi, a Anri vai atrás para, creio, protegê-lo. E acho que ele vai precisar de proteção mesmo, não só ele pode trombar com todo tipo de valentão e delinquente pelo caminho como a Vorona está atrás dele. E pior, assumindo que ele é um monstro como Celty e Anri (e eu não a culpo por raciocinar dessa forma depois de tudo pelo que passou). Por fim, parece que não foi o Kida quem sugeriu ao Mikado se manter afastado do Dollars, mas o (adivinha!) Izaya se passando por ele no chat da organização.

Até teve um número razoável de fatos novos, embora sejam todos ao acaso, frutos do caos que o Izaya tanto adora e semeia. E por isso mesmo, não tenho a menor ideia do que acontecerá a seguir; já é o arco final? Tenho muito mais perguntas do que Durarara parece ter tempo de responder se for o caso. E mesmo assim o anime se dá ao luxo de desperdiçar preciosos minutos detalhando o que não precisa ser detalhado.

  1. Eu ainda nao terminei a temporada, mas esse ai na primeira foto nao parce o Izaya, sei que ele é um FDP, mas porque nao mostraram o rosto dele? Talvez nao teha sido o Izaya e sim outra pessoa se passando por ele com a ajuda da Namie que pode estar traindo ele no final das contas.

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      Spoiler: foi o Izaya sim, hehe. Durarara não se esforça muito para enganar o espectador quanto a autoria de coisa ou outra, ele prefere confundir com a não linearidade da história =)

Comentários