"Split your lungs with blood and thunderWhen you see the white whale"

Escrevo esse artigo escutando Blood and Thunder, do Mastodon. Sludge metal, recomendo para qualquer um que goste de gêneros de heavy metal mais extremos (e pra você que gosta de sertanejo também, sei lá, escuta aí, vai que curte). Mas por que tudo isso? Bom, essa música (na verdade todo o álbum que ela encabeça) e o título desse artigo são inspirados pelo clássico Moby Dick. Aquele da baleia branca, sabe? Sim, a ligação é só essa.

Ou será que tem mais alguma ligação? Quero dizer, até existe alguma tradição bizarra de baleias voadoras em fantasia, mas a de Re: Zero precisava ser especificamente branca? Então vou especular um pouco aqui nessa introdução. O conflito entre o capitão obcecado e a cachalote gigante no livro de Herman Melville pode ser interpretada, hmm, um parêntese aqui. Eu não li o livro, e sim, me envergonho disso. Conheço a história em linhas bem gerais e assisti um filme antigo quando eu não me importava, do qual lembro bem pouco. Esse é meu domínio sobre Moby Dico. Fecha parêntese.

O conflito no livro pode ser interpretado como uma história de vingança (talvez eu devesse tê-lo citado no meu último artigo de 91 Days? hehe), como uma luta impossível entre o Homem e uma força da natureza, ou como a loucura que faz um homem empreender uma busca sem sentido como essa – esse é o sentido de Blood and Thunder, daí a comparação com o Cálice Sagrado na letra da música. Será que a baleia branca em Re: Zero está lá só porque é “legal” ou será que ela carrega consigo algum desses significados?

Curta o anime21 no facebook:

Só para encerrar o assunto baleia branca, a representante dos leviatãs no anime é decididamente maligna (é um demônio ou algo do tipo), implacável em sua caça (embora tenha desaparecido misteriosamente deixando o Subaru livre e vivo), e possui um poder especial que a torna especialmente difícil de se derrotar: quando alguém é devorado por ela, as memórias das pessoas sobre essa vítima são reescritas de forma que ela nunca tenha existido. Não só as memórias como o mundo físico também, como se pôde ver no quarto da Rem na mansão. Isso significa que é praticamente impossível ganhar experiência em uma derrota em combate contra ela. O Subaru, por algum motivo, reteve todas as suas memórias. E pelo motivo de ser muito devagar para perceber a magia do mundo em ação (lembra quanto ele demorou para perceber que estava voltando no tempo quando morria? que angústia foi aquilo) ele parece que passou o episódio inteiro sem perceber isso. A cada nova pessoa que não se lembrava da Rem ele ficava mais revoltado, como se fosse inesperado depois de tudo.

A Baleia Branca foi um elemento novo apresentado pelo episódio, não dá para especular muito sobre ela, mas também teve algumas informações extras sobre mistérios antigos que podem dar mais o que falar. O mais chamativo, mas não necessariamente mais importante, foi o que aconteceu quando Subaru finalmente teve coragem de contar que ele retorna no tempo quando morre. Ao invés dele próprio morrer, quem morreu foi a Emilia. O que aconteceu ali hein?

Chegou o maníaco do roupão

Chegou o maníaco do roupão

Antes disso, me permita criticar um pouco o Subaru. Ele não falou coisa com coisa para a Emilia, com quem já estava brigado, se comportou como um louco, ameaçou levá-la a força (chegou a agarrar o braço dela), gritou o tempo todo, e ainda se achou no direito de se sentir vítima no final, quando reclamou que ninguém acreditava nele. Ora, por que a Emilia deveria acreditar nele? Deveria acreditar em quê, exatamente, para começo de conversa? A coisa assumiu um tom terrivelmente ameaçador quando ele disse, gritando, que ela se arrependeria se não fizesse o que ele dizia. Isso é comportamento de ex-namorado rejeitado cuja ex-namorada pôs um fim a uma relação tóxica. E o pior é que o Subaru podia apenas ter dito, calmamente, que cultistas estavam vindo atacar a vila e etc. Enfim, nada inesperado dado o que já sabemos sobre o Subaru, não é? E ele só vai piorar, não vejo como alguém com problemas mentais severos como ele, sujeito a todo esse estresse, poderia melhorar sozinho. Enfim, retornando.

Vai lá, "herói"

Vai lá, “herói”

A Emilia morreu. Por que a Emilia morreu? Cuspindo sangue ainda, muito sangue, como se suas vísceras tivessem sido destruídas. Talvez a maldição vincule especialmente o Subaru à Emilia, e daí esse seja o resultado esperado? Talvez a Bruxa seja ou esteja no corpo da Emilia, como já especulado à farta, e a Emilia de alguma forma “se matou” para proteger o Subaru? Talvez a Emilia seja apenas alvo incidental: para proteger o segredo, a Bruxa apenas mata qualquer um que tome conhecimento dele? E sempre ficamos com a impressão que “mais alguém sabe” do segredo do Subaru. A especulação da vez é a Beatrice, naturalmente.

Me recordo, porém, que nos primeiros episódios ela já havia demonstrado não ter conhecimento disso. Não que não pudesse ser atuação, claro. Mesmo assim, o comportamento dela nesse episódio dificilmente pode ser considerado uma “prova” de qualquer coisa. Ela apenas se recusou a matar o Subaru e disse que não queria vê-lo morrer, que não aguentaria isso, e sugeriu que o Roswaal pensaria diferente acerca de alguma dessas coisas. O Roswaal mataria o Subaru? Por quê? Porque sabe que ele vai voltar para o passado e corrigir tudo? Pode ser o caso. Mas daí, como também já especulado (por um comentador do blog, se bem me lembro), será que todo mundo volta ou apenas o Subaru? Talvez cada uma de suas mortes esteja gerando uma nova linha do tempo? E isso daria mais relevância então à declaração da Beatrice. Tudo isso, claro, supondo que ela saiba, o que para mim ainda é apenas hipótese.

Uma câmera em ângulo estranho, para aumentar o desconforto visual e assim a tensão da cena

Uma câmera em ângulo estranho, para aumentar o desconforto visual e assim a tensão da cena

O Subaru ter sido enviado para o meio dos cultistas foi proposital, Beatrice? Vou supor que não. Me deixa curioso como o Betelgeuse reconhece a Emilia mas não parece estar particularmente preocupado com ela – pelo contrário. E faz sentido, não é, se está vindo matá-la. A Emilia tem mesmo algo a ver com a Bruxa? Se tem, qual a relação, e o que acontece caso ela morra? Por que uma seita de cultistas da Bruxa iria querer Emilia morta? Considere que a resposta disso precisa fazer sentido com a resposta para o porquê de a Emilia ter morrido quando o Subaru, amaldiçoado pela Bruxa, contou-lhe a verdade. Enfim, são perguntas demais e as informações disponíveis não são suficientes para qualquer resposta satisfatória que não envolva muita suposição. Ou eu estou deixando de prestar atenção em algo muito importante, ou é justamente isso que me deixa desolado com os mistérios em Re: Zero.

Um mistério, porém, talvez seja resolvido no próximo episódio (que será mais longo). A Emilia e o Pack têm um contrato, como dito nos primeiros episódios, que o espírito cumpriria caso ela morresse. É provável que tenhamos visto o resultado disso no episódio anterior. Isso significa que no próximo teremos a oportunidade de descobrir o que é esse contrato e o que significa ele ser executado – de quebra descobrindo mais sobre o próprio Pack e talvez sobre a Emilia. Talvez sejam descobertas que restaurem um pouco da sanidade ao Subaru? Porque da forma como ele está agora, é um protagonista tão bom quanto uma pedra. Minto: pedras pelo menos não atrapalham, ou não de propósito pelo menos, a culpa é sua por tropeçar nelas.

A preocupação toda do Subaru é o sofrimento dele. Enquanto isso a Emilia jaz em seus braços, morta, derramando o sangue de suas entranhas

A preocupação toda do Subaru é o sofrimento dele. Enquanto isso a Emilia jaz em seus braços, morta, derramando o sangue de suas entranhas

Gostou desse artigo? Compartilhe:

  1. Emilia :'( , Subaru ainda não melhorou, essa pedra é mais inútil que uma pedra. Oloco, como é que eu tanto gosto desse anime com um protagonista tão quebrado? Kkkkkk , me identifico :c

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      Não consigo ficar triste pela Emilia porque sei que ela volta viva e pimpona assim que o Subaru morrer. E eu acho interessante protagonistas quebrados, mas me incomoda que esse em específico esteja em uma espiral descendente sem esperança de se recuperar sozinho – e com a mecânica desse anime, ele está essencialmente sozinho desde o começo.

  2. Este episódio 17 de Re não teve nada de especial para mim. a maioria das coisas que eu ia dizer já estão no artigo. O Subaru já é pior que uma pedra, tudo no corpo dele e na mente já está fora do lugar, até tive pena da Emilia quando este senil começou a gritar com ela, mais um pouco e começava a espumar da boca como um cão raivoso. A treta da maldição do Subaru é mesmo essa, ela elimina quem está muito perto de saber a verdade, neste caso quando o Subaru feito estúpido tentou contar à Emilia da maldição ela é que morreu, provavelmente com o coração esmagado, mas reparaste no detalhe que só uma das mãos da maldição tocou no coração do Subaru e de forma carinhosa ainda por cima. A Beako sabe mais do que aparenta, aquelas falas dela na despedida do Subaru não me soaram naturais. Aquela baleia é um monstro que dá muito em que pensar, este mundo de Re às vezes é um pouco incompreensível. A Baleia começou a perseguir o Subaru, segundo eu percebi, depois de pausar muitas vezes o player, foi por causa do seu celular, se repares no episódio 16 no final o Subaru só percebe a presença da baleia por causa da luz do celular e aqui vai uma teoria minha, será que a baleia não queria eliminar o Subaru por ele ter uma coisa que não pertence aquele mundo, se repares a baleia deixou de perseguir o Subaru quando este foi empurrado para fora da carroça e provavelmente na queda ele perdeu o celular e no momento que ele perdeu o celular ele deixou de ser perseguido pela baleia. A Rem coitada foi apagada da memoria das pessoas, neste ponto deu até pena eu pessoalmente gosto da Rem, mas não merece sofrer pelo Subaru aquele maluco. Estou ansioso pelo próximo episódio, onde o Pack overpower vai causar o caos. Aquela cena do Subaru a segurar a Emilia durante o ataque do Betelgeuse, parecia um maníaco, está bem que ele não queria que o corpo da amada fosse profanado, mas agir assim não dá teve que lá ir o Pack resolver a questão.
    Como sempre uma excelente matéria.

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      Olá!

      Também fiquei bastante cismado com a Beatrice mas não sei o que pensar. Não dá para concluir nada. Ela sabe? Ela não sabe? Ela sabe de outra coisa que a gente não sabe? Do lado de quem ela está?

      Sobre a baleia, eu pensei nisso do celular sim. Faria sentido a baleia que apaga coisas querer apagar o que não pode existir, mas por outro lado o Subaru já exibiu loucamente aquele celular no primeiro arco, então sei lá. De novo, mais dúvidas do que possibilidades de respostas. E esse tipo de “mistério” me irrita, então não penso muito. Quando passo da segunda suposição deixo pra lá.

      O único mistério que pode ser explicado de forma direta e simples é mesmo a morte da Emilia. Morreu porque o Subaru falou, ponto. Mas daí eu lembro que a Emilia é a Emilia, e penso que ela pode ter conexão com a Bruxa, e deixa de fazer tanto sentido assim.

      Enfim. De naturezas distintas, mas tanto Subaru quanto Betelgeuse são maníacos obcecados, né? Hehe.

      Obrigado pela visita e pelo comentário!! =)

      • O Subaru ao longo do tempo começou a ficar obcecado com as coisas (principalmente pela Emilia), eu no inicio pensava que o Subaru era gente boa, fazia acções cómicas mas após não sei quantos loops de mortes, ele mudou e mudou muito para pior, acho que isto não é só culpa dele, ele foi para um mundo onde não tem ninguém que o ajude a recompor-se, ele está quase a alcançar a espiral da insanidade. O Betelgeuse nem digo nada, aquela imitação do Joker, no episódio 17 os meus olhos e ouvidos quase que sangraram, aqueles tiques dele a maneira de falar e de agir deixam muito a desejar (não gosto nada do seyuu do Betelgeuse, é muito irritante, prefiro o seyuu do Subaru (se bem que este nas cenas de choro parece um porco a grunhir).

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        O Subaru é bem intencionado, mas é egoísta e enxerga o mundo e seu relacionamento com as pessoas de um ponto de vista muito egocêntrico. Não é à toa que ele se lamente que ELE tenha que sofrer, que ninguém acredite NELE.

        À própria sorte, uma pessoa na situação dele acabaria se matando, eventualmente após causar muito estrago. Mas bem, pobre Subaru, nem morrer ele pode! Como certamente não surgirá uma psicóloga para ajudar o Subaru no anime, estamos essencialmente acompanhando um louco sociopata, psicopata em potencial, gritando sozinho em praça pública, aguardando que o mundo mude e ele possa melhorar.

      • Eu acho que egocêntrico é um elogio para o Subaru, ele quer tudo à sua maneira, dando origem sempre a problemas. Desde o episódio 15 o Subaru tende a piorar, nem uma psicóloga o podia ajudar nesta fase. O mais cómico/triste nisto tudo é que ele não pode morrer, mesmo que se torne um psicopata ou um sociopata não tem poder nenhum, logo não vai a lugar algum. Talvez ele mais para a frente encare a realidade e comece a mudar as suas atitudes, que já começam a saturar a paciência das pessoas que assistem o anime. O problema da maldição do Subaru é os savepoints, se ele continua a fazer merda, a qualquer momento ele morre e depois quando regressa já não é no mesmo savepoint ai ele tem o risco de não poder alterar o curso da morte de alguém importante para ele. O Subaru qualquer dia é apontado como o personagem que mais se fod… na história dos animes, desde do inicio do anime que nada corre de feição para ele. Este anime já me começa a causar calafrios, já começou a sair os BDs e na maioria dos comentários é de alegria por poderem ver o Subaru a morrer vezes sem conta, será que este anime é um detector de futuros psicopatas, se sim já é um sucesso garantido, pelos comentários que tenho visto.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Hahaha, detector de sociopatas, excelente! Na verdade a maioria dos animes tende a ser tão .. pacífica, por assim dizer, que basta um anime ter violência gráfica para que isso por si só seja considerado “bom”. O que devemos saber que não é verdade.

        E tocou em um bom ponto: se o Subaru insistir em seguir adiante apesar de já ter dado alguma merda (como ele fez nesse episódio após a morte da Rem) ele corre o risco de “estragar o jogo”, salvando em um ponto onde não é mais possível ter um verdadeiro final feliz. Espero que não seja o caso ainda.

        A incapacidade dele fazer qualquer coisa, inclusive morrer, normalmente levaria uma pessoa normal a mais profunda insanidade possível. Mas como ele é um protagonista e o anime precisa andar, talvez ele acabe melhorando em algum momento precisamente por causa disso. Espero ver uma boa explicação, pelo menos.

      • Se o Subaru estragar o jogo de forma a não ter um final feliz, já não me afecta em nada, mas teria pena de alguns personagens que eu gosto. Re:Zero quando acabar vai deixar saudades, eu já sei mais ao menos o que vai acontecer até ao episódio 21, mas não digo nada para não dar spoilers. Se o anime tiver um bad ending acho que ia ser bom e mau ao mesmo tempo para reforçar o épico e o fora do comum que este anime tem sido até agora. O Subaru mesmo que não ande nada para a frente acho que não vai estragar em nada o personagem, ele é humano,não tem poderes, só se mete em confusões que não consegue sair, morre até mais não, começa a agir feito um senil que já não diz coisa com coisa e é aqui que Re se tem destacado de forma positiva até agora (tirando a animação boa, e a melhora absurda das osts nesta segunda metade do anime).

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        O Subaru ser humano e seu comportamento ser previsível como tal é grande parte da graça desse anime. Mas não deixa de ser angustiante quando ele fica dando voltas como uma galinha sem cabeça.

      • O problema dele é que ele é intrometido, se ele ficasse quieto num canto podia viver lá sem problema e quiçá formar família. Aliás já vi galinhas sem cabeça com mais coordenação do que o Subaru.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Dado que ele foi invocado para lá pela Bruxa, acho que dificilmente teria a opção de não de envolver. Mas sim, às vezes ele “se envolve demais”, hehe.

      • O Subaru faz-me lembrar aquele tipo de pessoas que se intromete por tudo e por nada na vida privada das outras pessoas, resultado, dá sempre treta. Se a situação do Subaru acontecesse comigo eu ficaria o máximo no meu canto até envelhecer e morrer, espera lá se calhar o Subaru nem de velhice pode morrer, se fosse assim o Subaru vivia num sofrimento eterno.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Talvez sem resolver o problema para o qual ele foi invocado em primeiro lugar ele não possa morrer nem de velhice mesmo.

      • O Subaru devia deixar a main quest em pausa, devia é ir explorar o mundo em que está se bem com aquele jeito dele ia morrer umas 50 vezes, ou então ir atrás das mulheres, já que ele parece ser meio tarado, mas um tarado light, ele não é daqueles que vê uma mulher em trajes menores e cora, ele ri e tenta observar mais de perto.

      • Seria interessante ver o Subaru tirar uma férias, ir viajar com a sua amada Emilia e levar a sua “amiga” Rem com ele, e depois quando regressasse das suas férias para completar a sua main quest, já vinha com um mini exército de bastardos da Emilia e da Rem, mini elfos e mini demónios (acho que estou a ficar afectado por este anime, o meu cérebro mais um pouco vai-se abaixo).

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Se tentar levar Emilia e Rem, supondo que elas aceitem, duvido que conseguiria se livrar dos problemas de todo modo. Mas sei que existe pelo menos um spin-offs estilo realidade alternativa onde o Subaru vive e tem família com a Rem.

      • Eu tenho conhecimento desse spin off e espero que quando o anime acabar façam um Ova com ele acho que seria interessante. Eu já me tinha referido à tropa de bastardos por causa desse spin off, se bem que eu gosto mais de ver o Subaru com a Rem do que propriamente com a Emilia. Mas agora a sério o Subaru tem que melhorar, se ele quiser ele consegue, ele não parece ter falta de intelecto, se bem que em algumas coisas que ele faz nem parece que é humano tal que é a falta de raciocínio lógico da criatura.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Ele não parece ter deficiência de inteligência mas não é a pessoa mais rápida para perceber as coisas de todo modo, hehe

      • Quando este anime acabar, o Subaru vai ser daqueles personagens que vai ficar com a imagem manjada até à eternidade, se bem que nem é aquele personagem que eu mais odiei até hoje (até é de admirar o Subaru é único no quesito de ser um desgraçado, inútil e ainda assim é egocêntrico). Quando fizeres o último artigo deste anime, até vou ficar com saudades de dizer mal do Subaru e não só por isso foi por causa destes artigos deste anime que eu descobri o Anime21 e fiquei fã, tão fã que comento quase tudo o que é falado aqui, hehe.

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Foi por causa de Re: Zero que conheceu o blog? Oh, só isso já significa que valeu a pena escrever sobre o anime, hehe.

        E eu não tenho raiva do Subaru. Bom, às vezes fico com raiva dele quando ele age como um bucéfalo, mas na maior parte do tempo eu o entendo.

      • Eu acho que valeu a pena eu ter descoberto ao acaso o Anime21, aquilo que começou com o meu primeiro comentário no primeiro artigo de Re, já lá lá vão muitos comentários. Aquilo que acho mais interessante aqui é a diversidade dos animes comentados, quando comecei a comentar aqui, ainda era só tu a fazer artigos de uma quantidade enorme de animes, agora já cresceu e já há mais redactores que já sou fã como o Iwan e a Tamao-chan, o Flávio (por coincidência tem o mesmo nome que eu), um dia que ele comente algum anime que esteja a ver irei comentar um post dele. O mais engraçado nisto tudo é que vocês têm todos uma maneira de escrita diferentes (o que eu admiro), tu (Fábio) és aquele que usa uma escrita mais cuidada, com um palavreado menos corrente e geralmente sempre com alguma cultura lá dentro. O Iwan já usa uma escrita mais casual, mas ainda assim muito bem organizada. A Tamao-chan já usa mais o palavreado mais popular o que ás vezes deixa os posts dela muito engraçados. É este tipo de coisa que cativa as pessoas a visitarem o site, eu admiro como vocês conseguem escrever os artigos sempre a tempo, por acaso são super humanos.
        O Subaru ainda vai ganhar juízo (pelos menos espero eu que ele ganhe algum).

      • Fábio
        Fábio "Mexicano" Godoy

        Muito obrigado por todos os elogios a mim e à minha equipe =) Espero que possamos continuar produzindo muitos bons artigos por ainda muito tempo!

  3. Iwan

    leviatã é o monstro que representa diretamente a inveja btw
    ótimo artigo fabio
    só que novamente acho que você exije pistas demais, um misterio que objetiva todas as pistas é sem graça, supor faz parte de teorizar e ganhar tudo mastigado é extremamente irritante (cito o caso de boku dake que foi horrível como mistério exatamente porque tudo apontava pro yashiro desde o inicio)

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      Eu só quero pistas que me permitam concluir algo. Se não é possível concluir algo é frustrante. Não confunda ser possível com ser fácil. Às vezes é preciso um raciocínio mais complexo, mais refinado, envolvendo várias variáveis, várias pistas, enfim. Mas com as pistas existentes nada disso é o bastante: é preciso especular sem fundamento nenhum para que qualquer conclusão à partir dessas pistas seja possível. E a partir do momento em que especular é pré-requisito, pode-se concluir qualquer coisa. Deixa de ser um mistério porque é inútil tentar acompanhar. É irritante.

      Dá pra colocar isso em termos matemáticos, fazendo uma comparação imprópria.

      Isso é uma pista fácil: 2x = 10
      A solução é óbvia, imediata, e única.

      Isso é uma pista complexa:
      2x + y = 10
      x + y = 5
      A resposta é única mas o raciocínio é mais complexo, embora ainda fácil.

      Agora uma pista complexa e mais difícil: 2x = y
      Ok, matematicamente é fácil, isso é uma função linear e se pode representar graficamente. Mas em termos de enredo isso significa que a pista não permite uma única conclusão. Não obstante, uma pista assim diminui o conjunto de soluções possíveis.

      Re: Zero está nos dando uma pista dessa forma: x + y + z = w
      Para que serve isso?

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      A propósito, um spoilador de Facebook já associou a Baleia Branca a um dos pecados capitais. Não conto qual para não te spoilar também.

  4. O comportamento do Subaru não me parece ser algo ruim à história, na verdade, é até interessante. No entanto, devo concordar que seria desagradável conviver com alguém assim, a menos que eu fosse à Rem, pois ela é sensacional, em todos os sentidos. Sempre contive minhas suspeitas sobre os pecados, mas nos recentes episódios elas floresceram. Só que ainda não consigo relacionar o fato deles estarem vivos à informação que deram sobre a Bruxa ter lhes engolido.

    Além disso, também suspeito que o Pack seja o pecado da Ira, e ainda desconfio da vilã inicial por seu desaparecimento repentino e seu cliente misterioso. Ela lembra-me à Lust, de Full Metal Alchemist, que seria o pecado da Luxúria. De resto, o Roswall ainda me parece muito suspeito. E, quase que eu iria esquecendo, acredito que à Baleia Branca seja capaz de engolir existências em seu conceito completo, eliminando tudo com relação àquela pessoa aos que compartilharam alguma memória com tal ser, exceto com o Subaru.

    Fora isto, ótimo post. 30 comentários, hein? Será uma marca inédita aqui no Anime21? Até!

    • Fábio
      Fábio "Mexicano" Godoy

      De forma alguma o comportamento do Subaru é ruim para a história, concordo com você, é bem o contrário. Ele é um personagem que faz sentido e isso torna a história mais interessante. Não obstante, o problema dele agora é que está em um beco sem saída, como Subaru e como personagem de uma história, e dependendo de como o Re: Zero tratar isso o anime pode ficar arrastado demais no tema ou pode apresentar uma solução mágica artificial.

      Quanto aos pecados, a Bruxa não devorou os pecados. Existiam sete bruxas, uma para cada pecado, e a Bruxa da Inveja devorou as demais bruxas. Só as bruxas. O que isso representou para seus lacaios e seguidores? A resposta para essa pergunta provavelmente é uma das mais importantes e reveladoras sobre o anime, e temo que não a veremos jamais.

      Obrigado pela visita e pelo comentário! E por ajudar o blog a crescer, como bem lembrado ^^

      • Entendo. Obrigado, caso não estivesse explicado eu não entenderia. Talvez tenha sido erro de legenda, ou simplesmente falta de interpretação minha, hehe. Aliás, sobre o blog, não foi de grande esforço meu ajudá-lo, afinal, é um ótimo blog e facilmente teria novos e fieis leitores.

Deixe uma resposta