Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Se Cavaleiros do Zodíaco brilha quando usa referências mitológicas a seu favor, não importa quão livre e descompromissada seja sua abordagem, ele se apaga quando inventa coisa no meio do caminho. Bom, para ser justo, não é que Cavaleiros do Zodíaco seja ruim quando inventa coisa do nada, mas sim que inventar coisas do nada é quase sempre ruim em qualquer anime (ou melhor, qualquer história), com raríssimas exceções. Tão raras que nem consigo lembrar de alguma agora, mas tenho certeza que existem. Mas pô, Cavaleiros, não é porque todo mundo faz uma coisa que você também tenha que fazer. Sua mãe não te ensinou que você não é todo mundo? Se os outros animes se jogarem da ponte você vai se jogar também?

Curta o anime21 no facebook:

Eu esperava que um cavaleiro ou dois fosse morrer. Especificamente, esperava que o Saga morresse, e talvez o Dohko também. Mas o Saga é o mais poderoso dos cavaleiros e conseguiu queimar seu cosmo o suficiente para evoluir sua armadura para a forma divina, disparar seu golpe mais poderoso, e ainda sair de lá bailando. Ok, ele é poderoso assim, suponho. Isso deixou um problema, claro, já que havia sido informado que haveriam mortes em todos os episódios desde que a Yggdrasil foi invadida. Então quem iria morrer? Não podia ser o Aioria, que é mais ou menos o protagonista. O Dohko empurrou o Utgardar contra sua estátua e ela quebrou. Aquela, ao contrário das outras, era feita de bosta? Nada disso, o Utgardar que queria prender o Dohko nos destroços da sala que fatalmente desmorona depois da estátua destruída. Enquanto tem tempo de dizer isso com todas as letras, Dohko fica parado na velocidade da luz e não consegue fugir de uns pedregulhos caindo na cabeça dele e fica preso, mas vivo. O Mu nem apareceu direito. O Saga havia sobrevivido e bom, quem continuava lutando era o Aioria. O que me perturbou, porque ele não iria morrer, então quem? Ah, é, tinha a Lifia. Por que a Lifia deveria morrer, contudo?

A Lifia nunca percebeu que o Frodi tava totalmente na dela

A Lifia nunca percebeu que o Frodi tava totalmente na dela

Aí é só voltar um pouquinho no episódio. Ela se lembrou, finalmente, que foi ela sim quem trouxe os cavaleiros de ouro de volta à vida. E ela parecia meio perturbada por causa disso. Até aí, tá bom né. Quero dizer, eu me sinto perturbado pela outra Lifia que vive dentro da Lifia e toma controla do corpo dela de vez em quando. Então chegando perto do fim do episódio ela aparece onde Aioria e Frodi estão lutando. E diz que tem que morrer. O quê?? Calma! Calma, calma, calma, matar quem? Por quê? Oi, Terra para Lifia? Eu queria ter entendido errado, mas não foi o caso não. A Lifia realmente foi lá para morrer. E por quê?? Muito simples: porque ela trouxe os cavaleiros de ouro de volta à vida, e isso supostamente é algum tipo de pecado imperdoável em Asgard que só pode ser punido com a morte. Sem isso, coisas ruins acontecem.

Como diria Didi Mocó em seus dias de glória: cuma? Quero dizer, duvido que os nórdicos gostassem muito da ideia de ressuscitar os mortos e tudo mais, mas daí a dizer que se alguém fizer isso tem que ser punido com a morte porque senão um desastre cairá sobre o mundo … é um pouco de licença poética demais. E claro, Cavaleiros do Zodíaco pode tirar todas as licenças poéticas que quiser, isso é parte do que torna a franquia divertida, mas é incômodo quando isso é feito exatamente no momento em que é conveniente. Se sei lá, o Andreas tivesse feito um discurso (hipócrita) lá no longínquo primeiro episódio dizendo como ressuscitar mortos era feio, feio, e ele ia deixar de castigo quando descobrisse quem fez isso, aí eu estaria esperando ansioso por esse momento. Mas não foi isso que aconteceu. Foi só uma solução preguiçosa do roteirista. Além de super divertido ouvir o Andreas acusar a Lifia de querer dominar o mundo e ela ficar calada como se isso fosse verdade.

O que a Lifia era para morrer e virar purpurina? E ah, foi um baita momento romântico com o Aioria esse, e agora Frodi?

E sobre “acontecer coisas ruins” e a súbita determinação suicida da Lifia, alguém desatento poderia dizer “está vendo, cavaleiros foram ressuscitados e essa merda toda está acontecendo, a Lifia percebeu isso e quer morrer para tentar resolver tudo”. Mas a Lifia invocou os cavaleiros depois da Hilda ficar doente, do Andreas virar o líder e da Yggdrasil ser recriada. Ela ressuscitou eles dentro da Yggdrasil! E ela própria já havia, junto aos cavaleiros, descoberto que a Yggdrasil em si era a fonte do mal. Por mais culpada que ela se sinta, será que não poderia pelo menos tentar resolver um problema de cada vez? Acaba com a raça do Andreas primeiro, que é o que eles já estão morrendo para tentar fazer, e depois ela pode se matar quantas vezes quiser! Mas que nada, ninguém morreu, provavelmente porque precisam dos cavaleiros ainda vivos para mais adiante, então ela é que precisava morrer agora. E isso também servia para poupar o Frodi e não encerrar a luta dele contra o Aioria.

O episódio não foi horrível. Apenas foi bem pior que os anteriores, mas até que gostei do combate do Saga, nem tanto por ser um combate legal, mas mais pelas referências à Saga de Asgard do anime original. E o Utgardar, hein, o rosto dele finalmente apareceu, alguém reconhece? Porque só faz sentido ele ter o rosto escondido se for para que não o reconheçamos, mas não parece ser ninguém de quem me lembre. Ou parece. Se quer saber, achei-o parecido ao … Hades. Isso seria bizarro demais, não, não deve ser, você não faria isso comigo, Cavaleiros do Zodíaco, faria? Droga.

Alguém reconhece? Não é o Kanon, não parece sar Hades (torço) ...

Alguém reconhece? Não é o Kanon, não parece sar Hades (torço) …

Comentários