Desde o início, Kuhn é uma espécie de personagem misterioso e um tanto quanto curioso. Sua origem tem uma forte relação com Jahad e as princesas, ele vem de uma família nobre e seus poderes são ótimos e úteis para a função que ele desempenha. Porém sua habilidade mais notória é sua inteligência e sagacidade, características que se sobressaíram no episódio em questão.

A Torre não é um lugar qualquer e por isso, você não pode subir com qualquer um que aparecer na sua frente. É bem verdade que ninguém se conhece bem o bastante para andar ao lado, mas considerando a situação, é necessário ter ao menos uma ideia sobre quem seria interessante de ter ao lado ou não. Sabendo disso, alguns personagens já estão fazendo isso, como por exemplo a Endorssi, porém, seus planos não chegam aos pés do que Kuhn está fazendo.

Desde o jogo da coroa, Kuhn mostrou um pouco do que é capaz de fazer. Manipular ao seu bel prazer seus adversários é como se fosse uma brincadeira de criança que ele domina muito bem, independente do nível do seu inimigo. E dessa vez, ele enganou praticamente todo mundo mais de uma vez, de formas diferentes, tudo isso para alcançar um simples objetivo: ajudar o Bam.

Não é estranho ele saber quem são aqueles que têm as maiores chances de sucesso. Sabendo disso, montar um plano que possa ajudar o Bam (que ao meu ver estaria bem cotado para passar de fase) é simplesmente uma jogada mais simples do que parece… para ele. Até onde sabemos, apenas o Laure sabe de seu plano e considerando sua personalidade, situação e força, é o parceiro ideal para realizar o feito.

O ranker em questão se mostrou uma peça chave também, afinal, apesar de esquentado ele não era burro e isso não mudou a dificuldade do plano, apesar de ter ajudado. 

Um detalhe engraçado é que o time do Khun parecia ser melhor, tendo talentos que o time do Bam não tem (aparentemente) e ainda assim, caiu facilmente para o ranker. Sim, é óbvia a diferença de força entre um ranker e meros prospectos, mas ainda assim, até mesmo a organização da equipe e os planos de ataque e contenção foram esquematizados para a derrota.

Foi uma prova projetada do começo ao fim nos mínimos detalhes. A organização da equipe parecia fazer sentido, apesar de falha. A forma como tentaram lidar com o ranker, idem. Inclusive pensar que tudo isso não foi apenas para gerar a ruína de sua equipe como também servir de exemplo para a próxima foi genial. Resta saber como a Endorssi vai aproveitar isso e lidar com as condições adversas que vão surgir de acordo com o seu plano.

Inclusive a prévia do episódio seguinte deixa algumas dúvidas sobre seus objetivos nessa prova. Certamente o Bam está envolvido, porém não sabemos bem o motivo certo. Enfim, o que sabemos dela é que seu interesse nos mais fortes é o seu objetivo guia e por isso, Bam e Hatz são dois ótimos candidatos. Inclusive o Hatz é outro que muito provavelmente já passou de fase e está ali para “cumprir tabela”. No caso do Bam é sempre bom lembrar que o motivo é sua relação com a princesa Yuri.

Enfim, foi um episódio bem interessante e considerando que estamos na reta final, fico ansioso para ver como a história vai encerrar esse primeiro arco. 

Ah, só para dar uma rápida explicação, Tower of God é um Webtoon. Os Webtoons costumam ser divididos em arcos/temporadas e nesse caso, o anime está adaptando a temporada 1 da obra (que inclusive é a menor). Sendo mais específico, a primeira temporada possui 79 capítulos; a segunda temporada possui 338 capítulos; e a terceira tem atualmente 62 capítulos.

  1. Avatar

    Adorei o episodio, o personagem Kuhn é uma mistura de Sasuke, com Norman (The promissed neverland) gostaria muito que tivesse um esaster egg ai e ele fosse um DEus disfarçado/encarnado no corpo de um adolescente.Essa princesa tem algum plano e a Rachel, qual eh a dela? Por que a deixaram de lado? Tudo parte de um plano ai hein…..
    E outra! Kd a princesa que deu a espada ao Bam?

  2. Avatar

    Bom dia Felipe, tudo bom? Então, se eu te contar, vou acabar dando uns spoilers avançados demais hahaha.
    Eu também acho o Kuhn sensacional e é um tipo de personagem que me interessa muito (apesar de que gosto mais do Ray do que o Norman rs)
    Sobre a Rachel, nem no webtoon ficou muito claro sobre o que ela quer de fato. Mas sinceramente? Ninguém liga muito.
    A verdade é que ela não teve taaaanto destaque na obra até então (anime/webtoon)
    Já sobre a Yuri, daqui um tempo ela volta hehehe

Comentários