Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Encontrei um significado relacionado à educação para esse arco. Como eles são apenas ginasiais e eu não conheço o sistema educacional japonês provavelmente essa não foi a intenção do autor, mas não ligo. Uma obra artística (ou qualquer tipo de trabalho criativo) não é só o que ela é na cabeça de seu autor, mas o que o seu observador entende dela. Em um contexto de metáforas ou críticas diretas ao sistema educacional e temas correlatos, o que um bando de alunos que fracassam em matar seu professor e estão invadindo o covil de um vilão desconhecido para roubar o remédio para curar seus amigos poderia querer dizer? No original, não faço ideia. Talvez seja só um “vou terminar essa parte da história com um arco divertido cheio de ação”. Para mim, são os alunos colocando em prática aquilo que aprenderam na escola em um trabalho na vida real mas em um ambiente mais ou menos controlado: um estágio.

Curta o anime21 no facebook:

A primeira coisa que os 15 alunos da 3-E que vão se infiltrar têm que mostrar é sua determinação. Na escola eles fazem as coisas porque são obrigados a fazer e podem se esforçar mais ou menos para isso. Em geral, parte dos alunos da 3-E foi parar lá justamente porque não gosta de se esforçar, e mesmo depois do professor Koro começar a dar aulas alguns deles (o grupo do Terasaka) continua assim. O Karma é outro caso à parte, já que ele se tornou preguiçoso por ser já bastante acima da média. No mundo real, em um trabalho real, contudo, ninguém tem esse luxo. Você não pode, por ser muito burro ou muito inteligente, trabalhar com má vontade. Nesse tipo de situação real o Karma sempre vinha se mostrando bastante decidido, mas quem chama a atenção aqui logo no começo é justamente o Terasaka. Claro que todos querem salvar seus colegas e se vingar do assassino misterioso que os ameaça, mas é importante ouvir isso logo no começo vindo do Terasaka: o tempo todo era isso o que eles estavam aprendendo na escola e ele nunca levou à sério. Agora, está tão ou mais sério que os demais.

Logo no começo eles tiveram a humildade de pedir para o professor Karasuma que os liderasse. Eles sabem que eles aprenderam muita coisa, mas ainda não aprenderam tudo. Em particular, não sabem como improvisar nesse tipo de situação porque tudo o que eles aprenderam foi planejar meticulosamente suas ações para tentar matar o professor Koro, mas tempo para planejar é um luxo que eles não têm agora. Precisam de alguém experiente, e reconhecem no professor Karasuma, que eles admiram, a pessoa certa para isso. E assim eles conseguem se infiltrar, mas logo no primeiro andar ficam parados sem saber o que fazer, mesmo o Karasuma está tendo dificuldade em encontrar uma solução quando encontram um saguão cheio de guardas. Nesse momento a professora Irina tomou a frente e fez o que faz melhor: incorporou um personagem convincente para atrair a atenção de todos os guardas. Aí eles aprenderam que mesmo aqueles adultos que eles não admiram ou não respeitam muito provavelmente sabem muito mais coisas do que eles podem imaginar, simplesmente por terem mais experiência de vida.

A partir daí começam os desafios que eles próprios precisam vencer: primeiro com o sujeito que trabalha com venenos e vírus, que foi quem infectou seus colegas. Ele não é particularmente forte mas usa armas devastadoras. Quase dois deles caem ali, mas o professor Karasuma conseguiu salvá-los à tempo depois que uma das alunas o reconheceu e, tendo já deduzido que seus colegas haviam sido infectados pelas bebidas, percebeu que eles estariam em perigo chegando perto dele sem o devido cuidado. Infelizmente o professor Karasuma acabou inalando uma generosa porção de gás paralisante e teria que ser carregado pelos alunos a partir dali, mas eles cumpriram bem seu trabalho derrotando o bandido. No final, se encontraram com outro bandido, que usa como arma sua super-força cultivada para matar. E o episódio acaba no instante em que o Karma toma a frente para enfrentá-lo.

Foi nesse momento que o professor Karasuma disse que eles teriam que provar o que aprenderam enfrentando adultos, ou algo nesse sentido. E foi aí que eu percebi que o que eles estavam fazendo era basicamente um estágio como agentes especiais em treinamento que eles são. O último dos bandidos aliados ao vilão parece ser um maluco por armas, e esse deve ficar para o próximo episódio. Ou próximo do próximo, dependendo do andamento do combate contra o super-forte.

Comentários