Novamente Persona usou sua “fórmula” para introduzir um novo aliado para os ladrões de corações. Yusuke finalmente abriu seus olhos para enxergar a verdade que tanto ocultou de si mesmo por conta de uma lealdade que no fim, de nada valia. Despertou de uma escuridão que ele mesmo produzia e agora, lutará contra seu mestre para enfim “limpar” o ganancioso coração de seu mestre.

Yusuke possuía uma grande admiração e respeito para com seu mestre Madarame. Como se não bastasse, Madarame havia adotado o garoto ainda jovem e isso trouxe uma espécie de lealdade cega. Pensar que a ação de Madarame havia sido extremamente boa e crucial em sua vida fazia Yusuke tornar-se cego em relação o que acontecia em sua volta com todos os outros discípulos e até mesmo consigo mesmo. Apenas ele não queria admitir que seu mestre na verdade apenas usurpava os trabalhos daqueles que realmente tinham talento e de maneira nada honesta conseguia grandes quantidades de dinheiro. Ou seja, do começo ao fim, Yusuke foi apenas um investimento que Madarame fez afim de ganhar mais dinheiro. E frente a tal situação, os ladrões tiveram que bolar um plano extremamente elaborado para tentar vencer e acabar com tal tirania.

O plano era difícil desde o começo e possuía riscos para todos. Morgana teria que conseguir abrir um quarto especial, Takamaki deveria ganhar tempo despindo-se enquanto que os outros dois iriam precisar entrar no castelo e conseguir o máximo de informações. Ou seja, cada parte do plano se completava para a resolução final que era atingir novos estágios na missão. E talvez ai tenha começado a parte negativa desse arco. Teremos apenas 24 episódios e levando em consideração a duração de cada arco (4 episódios), jamais iremos chegar em algum lugar. Ao que parece ainda teremos alguns personagens para aparecer e o mais importante, a resolução para a situação do Ren e olhando a duração desses arcos não dá a impressão que tudo isso poderá ser adaptado. Ou melhor, talvez esse nem seja o problema principal e sim o de que a batalha estava vencida já nesse episódio e o vilão simplesmente foge numa boa como se tivesse ganho.

No fim Persona tem se mantido no mesmo nível de animação e a história continua na mesma fórmula. Isso não seria ruim se não houvessem detalhes que poderiam ou até mesmo deveriam ser mudados para uma fluidez maior da história como um todo. Às vezes me parece que 4 episódios para cada arco é exagero apesar da quantidade final de episódios que teremos.

Discussão