3D Kanojo é um anime de comédia romântica com 12 episódios em sua primeira temporada. Com seu mangá já finalizado, a expectativa era de que teríamos uma adaptação completa e fechada, mas, para a surpresa de todos, o anime terá duas temporadas. Infelizmente, a obra esteve longe de ser algo sequer lembrável, falhando em pontos que podem incomodar bastante, como o acabamento e a animação. Claro que não podemos dizer que a obra possuía tanto potencial assim, porém no fim, apesar de tudo, a sensação de que poderia ter sido melhor ficou em evidência.

A obra até tinha alguns pontos que chamavam a atenção do público em geral (e minha também). O primeiro namoro de um otaku sem amigos e com uma visão negativa sobre as pessoas, além de todos os outros detalhes inseridos durante a obra, chamavam a atenção. Ou seja, tinha um charme inicial que, se fosse bem usado/desenvolvido, teria dado muito certo. Infelizmente, não foi o caso. Tsutsui, o protagonista da obra, era um estranho caso de pessoa que evoluía e regredia em velocidade recorde. No episódio “x”, ele aprendia sobre algo, mas no seguinte cometia o mesmo erro ou voltava a ter os pensamentos negativos de outrora. E sim, as atitudes dele eram compreensíveis muitas vezes por conta de seu passado e de seu “eu” atual, entretanto, conforme os episódios iam avançando, a repetição tirava um pouco a paciência. Sinceramente, eu sempre tive a expectativa de que houvesse um bom desenvolvimento do personagem para que houvesse uma gama de situações e problemas diferentes que, por mais que fossem clichês, dariam uma dinâmica interessante. Não foi o que aconteceu, e, no fim, a obra conseguiu se atrapalhar em outros aspectos.

Demorou para uma cena como essa acontecer, viu?

No final de contas, dá para dizer que o mal da obra são os personagens. Muitos acontecimentos poderiam ter sido extremamente bem aproveitados, mas os personagens envolvidos não adicionaram nada como deveriam. Itou, o melhor amigo de Tsutsui, possui “traumas” diferentes de seu amigo, além da situação como um todo. Quando se compara suas atitudes e pensamentos do começo e do fim, percebe-se que houve um desenvolvimento ou uma adição de maturidade que, sinceramente, carece de uma explicação mínima. Talvez o grande destaque da obra seja a kouhai do grupo, Ayado, que dá um tempero completamente diferente e interessantíssimo para a obra. Com ela em “jogo”, quase todos os personagens entram em certos dilemas e questões que precisam de uma resolução que afetará outra pessoa; e o início de uma evolução “definitiva” em Tsutsui inicia-se.

Vale mencionar também a péssima família que o protagonista possui, pois numa tentativa (forçada) de comédia, temos a mãe e o irmão mais novo de Tsutsui soltando frases e tendo atitudes que poderiam muito bem gerar uma reação extremamente negativa na pessoa afetada (normalmente, é claro). E se você pensa que são só eles, engana-se, pois a família da Iroha (namorada do protagonista) também não é das melhores (em especial seu “irmão”), e há até mesmo um elemento do grupo de amigos de Tsutsui.

Ainda bem que você sabe, Tsutsui

A obra está carregada de personagens que não são apenas ruins, mas que também conseguem piorar o protagonista (alô Bakugo). Ok, talvez você entenda que o Tsutsui é alguém de bom coração, que perdoa até mesmo um cara que tentou roubar sua namorada e quase o fez ser preso, usando uma criança para dar falso testemunho. Normalmente você espera que tal personagem seja apenas um vilãozinho passageiro que vai sumir e que talvez faça uma aparição no futuro, mas virar amigo do protagonista e por vezes continuar dando em cima da namorada dele é demais, não? Pois é, a obra não “pune” os “vilões” que surgem e simplesmente os transforma em pessoas boas, como se não tivessem feito nada de ruim. Isso tudo sem contar o acabamento das cenas que, se você parasse para tirar um “print” de todos os momentos, daria para fazer um episódio curto (ok, exagerei, me desculpe).

Olha…

No fim, 3D Kanojo passou longe daquilo que poderia ser. Eu, como puritano de fonte original (sendo nesse caso o mangá), digo que a diferença não é tão grande, mas pelo menos o desânimo de acompanhar a história é menor. O autor falhou em aproveitar a temática escolhida e quem participa dela, assim como o anime em nos entregar algo minimamente decente. Podemos até mesmo concluir que a obra não empolga e infelizmente vive de lampejos que conseguem manter o interesse respirando por aparelhos. No final de contas, é difícil recomendar esse anime quando temos algo como Wotakoi a nossa disposição. Ao menos eu recomendo o mangá por ser uma experiência diferente, mais curta e completa. Por fim, gostaria de dizer que o aspecto mais memorável da obra foi a ending cantada pelo grupo BiSH

  1. Avatar

    Não tenho paciência para assistir virjão sendo virjão até os 30 anos para virar mago e deixar qualquer um dar em cima da sua namorada como se ele não a tivesse que protegê-la dos fura-olhos a começar pelo irmão falso da sua namorada, afffff me poupe que anime de vijão detestável, só as meninas de 9 anos pra gostarem disso!

  2. Avatar

    Bem e se acabou, até agora, um “daqueles que poderia ter sido, mas lentamente morreu na praia”. Lá no MAL tem fã pedindo, e confirmam, que vai ter 2ª temporada (por favor, a minha resposta é não!)…A partir do ep.5 o humor da série parece que foi tirar férias em Okinawa, os dialogos pareciam meio “quadrados” e se vc não tem humor nem drama e para contribuir uma animação tosquinha estava na cara que 3D ia crescer que nem rabo de cavalo (sempre para baixo)…O manga era bom e poderiam ter aproveitado muito material interessante (ter acelerado o Ito e a Ayado) e algumas epifanias do Tsutsun no meio, mas foi isso que apresentaram…Fazer o que…RIP 3D Kanojo…Até o ep.4 vc foi bom e deixou a musiquinha de abertura que (a de encerramento também é legal) de vez em quando cantarolava na cafeteria da empresa que trabalho e só!

  3. Avatar

    Exatamente. Eles tinham a receita do bolo, era só copiar e talvez colocar algumas coisas que tornassem esse bolo mais gostoso e no fim, deixaram tempo demais no forno.

  4. Avatar

    Exatamente…O cheiro do bolo estava ótimo, mas ao tirar de lá…Batumou…Uma pena…Esse vai entrar na lista “as piores adaptações de manga para anime da termporada”…2ª temp. pfff….Duvido…

Comentários