Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Casais de adolescentes virgens são tão fofos, não são? Eles simplesmente não sabem o que fazer, como fazer, não sabem o que é apropriado fazer e o que não é, não sabem o que pode incomodar ou não seu parceiro ou parceira, e por isso tudo demora muito para acontecer qualquer coisa, e frequentemente quando acontece é de forma bastante desajeitada. Essa é uma boa desculpa para romances em geral e haréns em particular exibirem pouca ação romântica e nenhuma ação sexual entre seus personagens. O incômodo de verdade são os clichês que acompanham isso tudo e o fato de esticarem essa situação muito além do verossímil. Rakudai Kishi foi muito mais realista sem ser apelativo ou excessivamente brega. Aplausos!


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


De antemão adianto que na verdade não posso falar muito sobre casais adolescentes porque eu próprio fui um dos piores amantes adolescentes que você poderia imaginar. Sim! Eu já tive namorada! Me tornei otaku (e precisei tirar uma nova licença de virgem) bem depois. Não vou falar muito porque minha primeira namorada existe, está viva, e sei lá, acho que ninguém lendo esse texto irá jamais conhecê-la porque nem eu mesmo mantenho contato com ela hoje em dia e meu círculo de amizades mudou radicalmente, mas todo cuidado é pouco quando se trata de evitar expôr a privacidade online, principalmente a privacidade alheia. Apenas acredite em mim quando digo que eu fui bem imbecil e demorei muito para aprender onde realmente havia errado. Demorei tanto que nem sei dizer com convicção que hoje eu sei onde eu errei, mas tenho as minhas hipóteses. De todo modo, como adulto que sou e principalmente por coisas que aprendi e experiências que tive eu hoje acho que sei uma ou duas coisas a mais do que naquela época.

Eu sei mais que o Ikki e a Stella, te garanto! Os dois estão inseguros quanto ao momento certo de avançar na relação, e temem principalmente acabar mal vistos pelo parceiro e consequentemente perder seu afeto. Os dois têm desejos (quando adolescentes somos bem burros, mas nossos hormônios estão enlouquecidos!) mas guardam apenas para si enquanto aguardam que o outro dê o primeiro passo. Não ajuda o fato de estarem no meio de um torneio. Pelas minhas contas, se o Ikki em duas semanas teve cinco vitórias (cinco lutas, portanto), eles estão lutando a cada três dias. E pelo menos o Ikki quando luta fica exausto por causa da natureza de seu estilo de luta. Fora o treinamento intenso dele que começa logo cedo todos os dias – e que, em dado momento, chama a atenção de outras garotas da sala que pedem para que ele as ajude a treinar (o que desencadeia todo um sub-arco que eu não vou detalhar, mas deu ao Ikki um punhado de seguidores homens que podem ou não vir a ser úteis um dia, por enquanto servindo apenas para mostrar como todos os homens – exceto o protagonista – são tarados que correm atrás de calcinhas). A Stella é poderosa e, segundo o Ikki diz em dado momento do episódio, domina um estilo de esgrima diferente do dele. Ele não tem nada a ensinar para ela, e se ela tentar aprender algo com ele pode acabar piorando a própria técnica. Ela fica devidamente lisonjeada com o reconhecimento que recebe de seu amado mas claro que não fica feliz com o fato disso mantê-la ainda mais afastada dele.

O Ikki foi discípulo do Sr. Miyagi e está ensinando o Vôo da Garça pra galera

O Ikki foi discípulo do Sr. Miyagi e está ensinando o Vôo da Garça pra galera

Então eles vão para uma piscina para treinar. Porque todo anime precisa de um episódio aquático e essa foi a desculpa de Rakudai Kishi no Cavalry para ter um. A parte interessante foi como a água de uma das piscinas tinha o mesmo índice de refração da luz que o ar, de forma que era possível enxergar as garotas em seus trajes de banho por inteiro, como se estivessem fora da piscina. Pesquisando aqui, o único líquido que descobri com essa característica foi o hélio líquido. Como o hélio se condensa a uma temperatura abaixo de -230°C, acredito que não era o caso senão todos eles teriam congelado até a morte naquela piscina. Mas esse é um mundo com magia, não é? Deve haver materiais com essa propriedade em temperaturas confortáveis para a vida humana. Retornando, apesar de não participar do treinamento a Stella foi convidada e foi junto com o Ikki e seu bando de seguidores, mas uma vez lá começou a se sentir devidamente ignorada, jogada para escanteio. Suponho que tenha sido porque ela estava de fato de escanteio e sendo ignorada, afinal todos os demais estavam mais preocupados em treinar, dar aulas (o Ikki) , ou olhar as garotas com roupas de banho (os rapazes). Percebendo a situação, Kagami, a garota jornalista (que foi a responsável por toda essa coisa de treinos com o Ikki em primeiro lugar) foi dar uma ajuda para a Stella. Quero dizer, ela tinha toda a intenção de ajudar, isso é bom, mas ela achava que o problema da Stella era ter poucas minhocas na cabeça e muito tempo para pensar direito, e isso é mau. Mas ela foi muito prestativa enchendo a cabeça da Stella de minhocas e imediatamente mandando o Ikki ir conversar com ela.

O Ikki disse alguma coisa que a Stella interpretou como “não te amo mais, vamos nos separar” que eu não lembro o que foi exatamente, mas não importa porque àquela altura isso era o que ela ia ouvir sair da boca do Ikki não importa o que ele dissesse. A Stella começou a ficar agitada e a falar que concordava que deveriam terminar mesmo, que nunca daria certo, e o Ikki respondeu isso da melhor forma possível: ficou confuso (ok) e irritado (ops). A irritação dele alimentou o medo da Stella e a situação escalou até que ambos estavam gritando um com o outro e nem sabiam porquê. Adolescentes! Exagero meu, adultos continuam no pleno gozo de suas capacidades de ser estúpidos e burros quando estão com medo e sob pressão. É que nem andar de bicicleta, uma vez que aprendemos isso, nunca esquecemos! Para o nosso casal fofo, felizmente, tudo terminou bem, já que foram capazes de dar uma pausa para respirar e reorganizar direito os pensamentos. E no que os dois estavam pensando? Naquilo! Em beijar loucamente. Eles ainda não sabem o quão louco um beijo pode ser e assim o anime permanece dentro de níveis familiares de classificação etária, mas por excesso estúpido de precaução ou vontade louca de vender discos como se não houvesse amanhã o estúdio achou por bem censurar o beijo deles. Eles se beijaram e o espectador enxergou isso através de uma fonte, que infelizmente não bombeava o mesmo líquido mágico daquela piscina. Que lástima.

Que lindo

Que lindo

Comentários