Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Atenção: Todos as Screenshots apresentadas neste artigo serão do Honda correndo por motivos de micão. Obrigado.

Como um anime do estilo de Konbini ia terminar sem a clássica cena, que sempre me dá uma vergonha alheia inexplicável, do cara correndo para chegar onde a garota estar, ou vice-versa? Claro, eu já imaginava isso, tava até demorando. E o melhor, não foi com o casal principal, foi com o suposto secundário que tem mais foco que todos os outros!

Vamos aos fatos. Foi um episódio de festa de Natal com corrida. Não tem muito o que falar sobre esse tipo de episódio nesse tipo de anime. Na real, o que tem pra comentar sobre Konbini no geral? Todo episódio eu venho reclamar disto aqui. Por mim eu escreveria Youkoso 4 vezes, é o melhor anime da temporada e, caso você não esteja assistindo ele, o que você está fazendo da sua vida? Preferir Konbini a Youkoso? Eu acredito que ninguém faça isso mas vale a reclamação, divulgação e aviso.

 

RUN FOR THE HILLS

O diálogo mais interessante do episódio foi o do Mishima com a Mashiki, quando eles comentam sobre quando se conheceram, onde ela responde não ter sido a real primeira vez que se viram. Eu vou dar uma festa, e o título do artigo será “Aleluia” quando resolverem o suposto casal principal. A história dele parece muito com a do Neji, de Koi to uso, onde ocorre uma troca (na verdade é só a Mashiki que dá, mas ignorem) de presentes entre os protagonistas na infância e eles guardam suas coisas até ficarem velhinhos. Mas a diferença entre esses dois animes é clara, não é?

ALO? É DA VERBA? TÁ MUITO BAIXA NÃO CONSIGO ESCUTAR!

Uma coisa que eu queria destacar aqui é algo que eu percebi neste episódio, na abertura: tem um sino que parece bastante outra coisa… vou deixar aí para vocês verem junto de outra foto do Honda correndo.

Hoje ficamos por aqui, um grande abraço e até a próxima!

 

Comentários