Imouto sae é uma das coisas mais legais que saiu em anime esse ano mesmo com sua predileção por situações estranhas envolvendo imoutos, p***** e nudez. Tudo o que você precisa é de um anime!

Esse episódio foi tão bom que nem sei por onde começar, mas vou fazer como qualquer bom contador de histórias e começar do começo, da Miyako sendo foda ao ajudar dois autores de light novels a entregarem seus manuscritos, e é sério, ela ficou muito linda de tranças no cabelo! Agora falando mais sério ainda, foi ótimo aproveitar essa situação toda para fazer o público conhecer um pouquinho da editora da Nayuta e mostrar que há diferentes formas de se editar um livro – dando pitaco e ajudando a melhorar a história ou apenas fazendo pequenos ajustes para que ela seja publicada – e que ambas podem ser gratificantes e meios válidos de se chegar ao produto final do processo criativo, que no caso do anime seria a light novel que vai ser publicada após tanto trabalho.

Por mais que pareça ser apenas fanservice mostrar a Nayuta terminando de escrever pelada junto com a Miyako também pelada, isso condiz com a personalidade dela e com a situação em si – já que ela só trabalha desse jeito e ficar pelada com alguém que ela gosta tanto deve ser ainda mais agradável –, o que mais uma vez prova a capacidade desse anime de pôr besteirol e fanservice no meio de quase todo tipo de situação sem fazer com que essas coisas fiquem tão deslocadas assim.

Com a cabeça no colo de uma garota linda e pelada até eu viro um gênio criativo kkk…

Com os livros lançados a comemoração não poderia ser de outra forma, e o engraçado aqui é que após tantas reuniões de bebedeira, comilança e jogos envolvendo a criação de histórias já era previsível que isso acontecesse, mas não usando a história para meio que mostrar uma situação hipotética de embate amoroso entre a Chihiro e a Nayuta; e talvez uma resolução não muito convencional com as duas juntas com o Itsuki no final? Não sei, e por mais que eu até goste da Chihiro o que vem depois só me fez querer ainda mais que o Itsuki acabe ficando é com a Nayuta!

Sei que não tenho como ler essas novels, mas se Imouto sair em inglês um dia eu compro!

O Haruto questionar o Itsuki sobre o que ele sente pela Nayuta faz todo sentido por ele estar afim da Miyako – ele viu ela de tranças e ficou ainda mais apaixonado, duvidam? – e saber que se ele já estiver comprometido deve ser mais fácil para a Miyako “superar” o que sente, além desse ter sido um momento muito, mas muito gratificante para quem está gostando dessa história e se importa com esses personagens, já que a resposta do siscon foi algo que surpreendeu um pouco, não por ele gostar dela nem nada do tipo, mas pela forma como ele colocou a situação, pois apesar de se tratar de orgulho foi bastante coerente com o personagem e com o que ele desde sempre demonstrou almejar para a sua carreira e para a sua vida. Ele não quer ser apenas um na sombra da sua amada, ele não quer ser um coadjuvante na história da vida deles, mas quer também ser um protagonista.

Creio que esse seja um motivo legítimo para ainda não retribuir os sentimentos da garota, porque ele sabe como a imprensa e os fãs são e como isso poderia afetar a sua carreira já que ao se assumir com ela, ele viveria constantemente sob o estigma de ser apenas um autor qualquer que é casado com uma autora de muito sucesso e se formos pensar bem, do que adianta ter sucesso no amor e fracassar no trabalho se você pode tentar ter os dois? Eles ainda são bem jovens e tem muito tempo pela frente, então para quê a pressa? Em alguns anos o Itsuki pode sim chegar a um ponto em que ele vai perceber que não ficaria mais apenas na sombra dela e como ele bem disse, vai ele mesmo se declarar, a pedindo em namoro já com a intenção de um dia se casar com ela. Olha só a maturidade do rapaz, que sabe o que tem que fazer para conciliar tudo o que quer em todos os aspectos da sua vida, mostrando como um adulto sensato – ainda que bem sonhador – realmente agiria nesse tipo de situação – bem que o autor de Net-juu no Susume podia aprender com o de Imouto hein… – e que todos os esforços da Nayuta – a best das best girls desse anime – até agora valeram muito a pena!

Foi um momento profundamente gratificante para mim como telespectador, e que me fez até dar um desconto para a situação, pois é meio difícil de acreditar que eles falariam sobre isso tão abertamente sem pensar que ela poderia fingir que estava dormindo. Na verdade, eles beberam bastante, então dá para colocar isso na conta da bebida por ambas as partes, mas no final não é um problema, pois ao poder ver o rostinho todo vermelhinho acho que usar um artifício para se chegar a isso é aceitável! Repito, ela mereceu demais ouvir que o Itsuki gosta dela e que quer namorá-la!

Não se dando por satisfeito o anime termina com a notícia de que Mahogaku vai ganhar um anime, o que eu já esperava, só que só para fechar o anime e não dando a chance dos personagens curtirem esse momento de sucesso do protagonista e do público ver o que se desenrola após isso. Foi mais um momento extremamente gratificante, pois a gente viu o protagonista passar por diversos problemas escrevendo as suas novels e até ganhando uma adaptação em mangá antes disso, então faz sentido concluir o anime com a história do protagonista do anime ganhando uma adaptação para anime!

A cena encaixou perfeitamente, a luz do sol entrando e se espalhando como a notícia do anime!

Sei que existem muitas outras coisas a serem resolvidas na história – como os problemas do Itsuki com a família, os sentimentos que a Miyako tem por ele, um possível desenvolvimento amoroso entre ela e o Haruto, o passado da Nayuta, etc –, mas seria quase impossível resolver tudo isso em um anime de apenas 12 episódios e creio ser honesto por parte da produção da obra apontar que existem sim essas coisas a serem exploradas na história dando o mínimo de base para o público distingui-las, mas optando por algo que consiga dar um fechamento mais objetivo e simbólico ao anime. É o tipo de coisa que leva o público a querer ler a light novel ou dar o retorno necessário para gerar o interesse de produzir uma segunda temporada por parte do comitê de produção. Por experiência em ver animes de temporada não conto muito com uma continuação, mas gostaria de um dia acompanhar o resto dessa história. Quanto ao final do anime, espero que ele seja bom e que se não forme um casal ou aprofunde alguma coisa – só um episódio é pouco tempo para isso – ao menos dê uma perspectiva positiva para o protagonista em sua jornada para se tornar o protagonista da sua vida criando mais e mais histórias sobre imoutos e onii-chans siscons! #SomosTodosItsuki!!!

Será que episódio que vem a Chihiro vai deixar de ser “o” Chihiro para o Itsuki? Será que a Nayuta vai revelar que sabe que é correspondida? Será que o Haruto vai sair do zero a zero com a Miyako? Será que vai dar tudo certo com o anime? Será que um dia eu vou ter a sorte de encontrar uma garota linda, inteligente, divertida e pervertida como a Deusa Kanikou? Para saber as respostas para essas e outras perguntas vejam o episódio final de Imouto sae Ireba Ii e leiam o artigo derradeiro sobre esse épico conto de fadas – até bem realista – romcom siscon aqui no Anime21! Até a próxima!

Não canso de dizer que ela mereceu e que ela merece muito ser feliz!!! ❤ #TeamNayuta

Discussão