Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Sim, esse episódio foi todo um filler – só é canon aquele final e nem lembro se ele aparece assim mesmo no mangá –, e foi um bem mediano, mas que ao menos fez “justiça” dando tempo de tela ao Yuno, coisa que não acontece sem o Asta no mangá. Então, vamos lá “ver” o que o Rei Mago viu!

Curta o anime21 no facebook:

Vai uma Mimosa sem motivo apenas porque eu adoro ela aí?!❤

Já estava na cara que aquele nobre estava tramando alguma coisa, não estava? Acho que se ele realmente estivesse sendo bonzinho é que o negócio ia ficar zoado, então o anime novamente não surpreendeu em nenhum sentido, mas se não entregou boas lutas ao mesmo tempo mostrou que os magos do Alvorecer Dourado sabem usar os seus poderes de forma inteligente e avaliar bem a situação.

Uma coisa bacana reafirmada sobre o Yuno foi que, apesar dele parecer frio e indiferente, ele se importa muito com a sua família – e acho que ele faria o mesmo por qualquer pessoa que estivesse naquela situação –, chegando até a desobedecer as ordens de um superior para salvar a irmã Lily dos bandidos, o que foi sensato se pensarmos que já haviam dois magos vigiando o nobre, mas não havia ninguém para salvá-la naquele momento. Assim como o Asta, ele não luta apenas para realizar um sonho de ser “o maioral”, mas pelo bem do povo e é para o povo que ele tem que usar o seu poder.

Não me diga Klaus-senpai, se você não tivesse dito eu não saberia…

O Rei Mago reconheceu o potencial dos dois garotos e deve ficar de olho neles a partir de agora, tanto que no final do episódio fica claro que ele deu a ordem para enviar ambos Touros Negros e Alvorecer Dourado a masmorra – o “famoso” Arco da Dungeon vem aí! Confesso que pensava que esse episódio serviria também para trabalhar a misteriosa história do surgimento do Rei Mago, mas não, ele apenas focou no momento presente e no rival do protagonista, o que não foi de todo ruim.

Acho uma pena o potencial para cenas de ação ainda não ter sido aproveitado e se no próximo arco o anime não melhorar nessa parte a decepção vai ser ainda maior, pois Black Clover – mesmo com toda a boa vontade e paciência que eu possa ter para com o anime – está bem “medíocre”, muito mais do que seria “aceitável”, pois quem começa a ver o anime espera um battle shounen genérico de porrada e poderzinho e acaba vendo um anime arrastado, enrolado e que não empolga muito.

Não estou com hype, mas espero um episódio ao menos irrefutavelmente “bom” dessa vez!

Digo isso também porque se continuar assim, analisá-lo semanalmente vai ser como “tirar leite de pedra”. Na verdade, já é assim, só continuo a comentar a obra porque gosto do mangá e acho que o anime tem potencial para ser mais alguma coisa, mas para tal vai depender da produção acelerar o passo e se fizer fillers – como deve continuar fazendo –, que apresentem coisas interessantes sobre esse mundo e sobre essa sociedade, pois o plot maior que a obra aparenta ter e a diferença de classes do povo do Reino Clover são assuntos interessantes que deveriam ser mais abordados para adicionar “camadas” ao anime, mas até agora foram pouco ou mal aproveitados. Sei que no mangá a essa altura também era assim, mas é errado tentar melhorar o original ao se fazer uma adaptação?

Fico por aqui agora, que o próximo episódio enrole menos até chegar a missão de verdade e que existam mais fillers com o Yuno, pois esse até que foi legalzinho. Okay, o Yuno não é um poço de carisma e esse em especial foi muito mais ou menos em tudo, mas ao menos o Asta gritou menos que o de costume, não foi? Às vezes fillers fazem bem para os ouvidos! Até a próxima, pessoal!

P.S.: É uma pena que no próximo episódio já devemos ter uma nova abertura e um novo encerramento, pois eu realmente gosto muito desses, principalmente da música de encerramento. Espero que as próximas músicas sejam tão boas quanto, ou ainda melhores – assim como as cenas.

Comentários