Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá pessoal, como vocês estão?

Há alguns dias tive uma conversa com o Fábio “Mexicano” sobre o termo usado em Kokkoku, o qual ele colocou no artigo de primeiras impressões como “êxtase” e eu escrevi como “estase”, e bem, há uma diferença entre ambas as palavras, quando vi achei que estava errada, mas fui pesquisar e realmente o correto é “estase”, e usando “materiais” da pesquisa do Mexicano, vou explicar a diferença entre elas. As duas palavras vêm do grego; basicamente uma é derivada da outra, sendo êxtase = έκσταση e estase = στάση, então, sendo simples e direto, êxtase é exatamente estase com um prefixo, e estase é correto, pois ele significa exatamente algo que está fixo, estagnado e afins, por isso vamos mantê-lo aqui.

Bom, gastei muito espaço com explicação, então, vamos para Kokkoku?


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


É impressionante como Kokkoku vem me intrigando, coisa que é relativamente difícil de fazer, visto que eu vejo muita coisa (mangás, animes, filmes, séries, comics), mas não necessariamente fico preso ao que vejo, isso acontece com uma raridade extrema. Claro, foram apenas três episódios – no entanto, a forma como Kokkoku joga as coisas é no mínimo interessante. E o episódio dessa semana não fica atrás dos anteriores, definitivamente não!

Na semana passada tivemos algumas explicações do mundo e mais algumas dúvidas, e nessa semana o mesmo, algumas coisas estão sendo reveladas à medida que outras questões vão aparecendo, e é isso que faz um bom anime com toque de mistério. Makoto finalmente acordou depois da morte de uma outra pessoa, assim como seu tio, Tsubasa; o que finalmente revela que quando uma pessoa morre, o Espectro que havia dentro dela sai e vai para o corpo de um paralisado. Outra coisa que foi interessante é a revelação de que a Juri realmente conhece a Majima, apenas ainda não ficou claro qual é o objetivo da aparente vilã, mas bem, isso deve ser explorado daqui um tempinho.

Aparentemente, o Administrador – o nome Administrador faz total sentido pois é basicamente o que ele parece ser, no entanto, também faz sentido chamá-lo de Mensageiro, pois os Arautos eram pessoas encarregadas de anunciar guerras, paz e proclamações solenes – é feito de… PROTEÍNA, ok, sabemos que ela precisa de energia para se materializar e matar as pessoas, então, o mais lógico para isso seria que ele fosse feito de carboidrato, não? No entanto temos outro ponto, caso ele seja composto por uma junção de pessoas que brincaram no mundo em estase, ele também precisa de proteína para se “reconstruir”, certo? Certíssimo! É claro que isso é pensado em âmbitos humanos, eu não sei como os macronutrientes agem em árvores ou coisas do tipo. Mas duvido que o roteirista tenha pensado nisso, então, por enquanto, tratarei isso apenas como um mero devaneio da minha cabeça.

Devo dizer que ri (moderadamente, claro) com o Tsubasa correndo atrás do Makoto, é… foi um momento de diversão em meio ao caos. E ao que parece, o Espectro ia sair do corpo do Tsubasa, e sem ele estar morto, apenas estava pensando parado, isso me leva a crer que o Espectro sai quando a pessoa morre, mas essa não é a única circunstância em que ele sai, certo? Algo deve ser falado sobre isso em breve.

Ok, aparentemente ele não sai de casa por um trauma de infância. Isso não é exatamente relevante para a obra, mas seria um sequestro ou algo assim?

E o que falar sobre o principal ponto deste episódio? A Juri poder ejetar os Espectros do corpo das pessoas é com certeza a parte mais interessante a se pensar aqui. Ainda não sabemos se ela tem consciência deste poder e se sabe como ativá-lo ou foi apenas no momento do aperto que ela despertou este interessante e conveniente dom. Como eu disse, Kokkoku explica coisas enquanto joga novas sem explicar… gostei!

Bom, depois de um artigo com mais curiosidades inúteis do que eu gostaria de transmitir, vou me despedir. Até a próxima e obrigado por ler até aqui.

Comentários