Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Bem – vindo (a) a mais um post de arquétipos. Eu só sei que ainda to vivo, porque eu ainda não atrasei os meus posts. Mas enfim, no post passado falei de como a Era de Ouro é usada e adaptada nos animes de esportes, e se você não tem a mínima ideia do que eu tô falando e tá mais perdido que eu na faculdade procurando a saída… você precisa procurar os meus posts passados. Eu sei que esse tipo de tema é 8 ou 80, porque ou você vê anime esportivo ou você não vê, e se você está lendo esse post e ainda não se convenceu, fique sabendo que eu vou tentar colocar um óculos que faça você enxergar animes de esportes como você enxerga Tokyo Ghoul.

Ler o artigo →

Esse foi um episódio que mostrou muito bem o lado ruim de todo mundo. Pessoas sendo usadas, pessoas usando as outras, todo mundo pensando mais em si mesmo do que nos outros sem se importar no que isso tudo implicaria. Egoísmo escorrendo por todos os cantos. Cada vez mais eu vejo uma semelhança entre a história desse anime e o mundo real. Todo mundo é um pouco podre, afinal, mas acho que chegamos em um ponto aqui que quase não consigo gostar de nenhum dos personagens.

Ler o artigo →