Depois de duas semanas recomendando mangás eróticos eu resolvi trazer algo similar porém diferente. Alguns mangás de desses dois artigos (parte 1 e parte 2) poderiam figurar por aqui, mas eu preferi apresentar outras obras, afinal, mangás com essa temática é o que não falta (ok, não tem tanto quanto outros temas mas dá para o gasto). Inclusive essa lista é bem interessante pois deu para separar em duas partes: uma com professores e outra com professoras.

Ler o artigo →

Na semana passada eu fiz uma lista com 10 mangás eróticos e agora com a continuação, teremos algumas obras que ao meu ver são as melhores do gênero (das que eu li). É importante deixar bem claro que nem todas as obras presentes nesse artigo são melhores que os mangás do outro artigo. Inclusive eu não juntei os melhores numa lista só porque a outra parte ficaria num nível bem diferente e inferior, algo que não seria tão legal. Enfim, vamos a lista!

Aliás, vale destacar que aqui temos apenas recomendações e uma breve introdução sobre as obras citadas.

Ler o artigo →

Vocês já tiveram um amor impossível? Um amor que por um motivo muito forte era praticamente impensável de se realizar? Você já viu um anime com o qual conseguiu se identificar ao menos um pouco por isso? Eu já, e criei esta lista justamente com a intenção de falar um pouco sobre animes que narram amores impossíveis sob diferentes aspectos. Obras que ora te farão sorrir, ora te farão chorar, e têm em comum um amor que enfrentará barreiras muito difíceis de serem superadas.

E aí, preparados para os animes? Se sim, então lá vamos nós!

Ler o artigo →

Finalmente chegamos ao último episódio de Kuzu no Honkai. Logo quando eu assisti o primeiro episódio, imaginei um final muito diferente do que tivemos. Essa foi uma história cheia de surpresas e totalmente fora do esperado, pelo menos para mim, já que, na maior parte das vezes, eu não consegui adivinhar o caminho que ela iria tomar, mas talvez seja exatamente esse o ponto onde o anime chamou a atenção da maioria das pessoas.

Ler o artigo →

Desde o começo do anime eu já imaginava que existia uma grande possibilidade do Kanai e da Akane ficarem juntos, mas eu nunca, em momento algum, consegui pensar no que aconteceu nesse episódio. Não sei se alguém de vocês já esperava algo do tipo, mas eu ainda estou surpresa com o caminho que a história está seguindo. O pior de tudo é que agora eu consigo imaginar menos ainda o que vai acontecer daqui pra frente.

Ler o artigo →

Não sei mais se realmente é verdade que “quanto mais drama, melhor”, mas continuo aqui, ansiosa para o próximo episódio. Não consigo ver mais nenhum sentimento bom de verdade em ninguém em Kuzu no Honkai. A cada episódio que passa, fica mais claro ainda que a maioria ali só está conseguindo se machucar com as ações que está realizando, mesmo que não tenha percebido que isso está acontecendo.

O anime continua a me prender nessa história, porém não tenho nenhuma perspectiva feliz para os personagens, acho que tudo vai terminar de uma forma bem dramática, com bastante sofrimento, mas isso é apenas um chute meu, ainda falta um pouco até descobrirmos como isso realmente acaba.

Ler o artigo →

Diferente do que eu imaginei ao final do episódio anterior, as coisas parecem estar se resolvendo. Ainda existem muitas complicações, mas, pelo menos para a Hanabi, tudo parece estar se ajeitando aos poucos, mesmo que no final ela ainda não esteja completamente feliz, ou se sentindo sozinha. Pelo menos ela parou de tentar agir como a professora e usar todo mundo.

Ler o artigo →

Claro que eu não poderia deixar de me surpreender em mais um episódio de Kuzu no Honkai. Me sinto totalmente frustrada com esse final, mesmo que uma parte de todo o drama tenha se resolvido para a Hanabi. Nesse momento eu não sei mais se as coisas estão se resolvendo, ou complicando mais, mas voltei a gostar mais da Hanabi depois disso tudo.

Ler o artigo →

Acho que nunca me senti tão desconfortável enquanto assistia Kuzu no Honkai, quanto me senti nesse sétimo episódio. Acredito que a cada segundo que passa tudo se complica mais. A cada momento podemos ver melhor todos os sentimentos ruins que existem dentro de cada personagem apresentado nessa história, e em algumas vezes isso chega a ser bem perturbador para mim.

Ler o artigo →

Esse foi um episódio que mostrou muito bem o lado ruim de todo mundo. Pessoas sendo usadas, pessoas usando as outras, todo mundo pensando mais em si mesmo do que nos outros sem se importar no que isso tudo implicaria. Egoísmo escorrendo por todos os cantos. Cada vez mais eu vejo uma semelhança entre a história desse anime e o mundo real. Todo mundo é um pouco podre, afinal, mas acho que chegamos em um ponto aqui que quase não consigo gostar de nenhum dos personagens.

Ler o artigo →