Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Treinamento, treinamento e mais treinamento. Resumi o episódio inteiro? Talvez, mas uma coisa é certa: esse foi um dos piores episódios até agora, e sua sequência não me pareceu animadora. Não foi um episódio movimentado como tivemos anteriormente e nem tivemos grandes lições de vida. Yuuji treinou, comeu, dormiu e se esgotou; ficou sem treinar, com dúvidas, e após uma reflexão pôde entender e consertar o que o impedia de evoluir.

Foi maçante essa sequência de acontecimentos repetitivos. Sinceramente eu senti sono, tédio e o ponto alto do episódio foi a abertura (que eu gosto muito, diga-se de passagem). Me pergunto se isso tudo foi realmente necessário, sabe? Yuuji sempre tendo suas recaídas e regredindo momentaneamente para depois poder evoluir é algo que já se tornou cansativo também. Essa fórmula de um passo para trás e dois para frente toda hora já cansou e eu apreciaria muito se mudasse isso.

Até o coitado do Kuri está cansado disso poxa

Confesso que essa dependência de apoio que Yuuji tem em alguns momentos está se tornando chato também. Um ano de altos e baixos é complicado, não? Eu realmente gostaria que ele pudesse avançar de vez e assim, enfrentar desafios cada vez maiores de acordo com a situação.

Por favor

Por outro lado, apesar de toda reclamação possível feita acima, é sempre bom e interessante ver os ensinamentos dados pelos integrantes do casarão. Dessa vez tivemos algo sutil durante boa parte do tempo e conselhos mais incisivos no final, com Ryu dando aquela concluída no processo. Foi um episódio longe de ser interessante ou importante, mas talvez ele seja daquele tipo que ganha importância no final.

Sinceramente espero que no próximo melhore e volte a um ritmo similar do que já estava. Me pergunto se a abertura e o encerramento mudarão também. Seria legal. Espero vocês na próxima semana!

Comentários