Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá, tudo bem?

Wooooooooooooooow, que episódio sensacional! Não tenho nem palavras apropriadas para descrever como esse episódio foi bom. O episódio dezessete de Garo: Honoo no Kokuin foi muito bom também, mas esse de Garo: Vanishing Line para mim, foi melhor ainda!

O episódio passado já terminou com um bom gancho, e neste, já no início há sequências lindas de luta com uma animação muito boa e, claro, uma trilha sonora SENSACIONAL! Talvez as maiores qualidades desta temporada de Garo sejam a trilha sonora e o character design, que são muito bem feitos. Honoo no Kokuin só não tem minha nota 10 por um motivo: não gostei do character design! E Vanishing Line superou isso.

Curta o anime21 no facebook:

Como eu já havia pensado, o Luke poderia aparecer em um momento de sufoco, e seria bem legal caso a entrada dele fosse bem usada; pois bem, foi exatamente isso! Que entrada sensacional! O visual dele ficou bem mais interessante atualmente, bem como o personagem em si, que antes tinha meu desgosto, mas agora tem meu apreço. Acho que nunca falei aqui sobre isso, mas o pessoal da equipe já sabe que eu quase chorei com a morte de um certo navio, e bem, agora foi um anel madou; claro, não teve o mesmo impacto de ver 200 episódios com o navio, no entanto, eu sou mole com essas coisas! Foi por pouco, faltou muito pouco mesmo para algumas lágrimas caírem dos meus olhos, mas como um bom “casca grossa”, eu segurei. Pontos para mim!

Por um momento eu pensei que eles levariam a Sophie e a missão agora mudaria um pouco para ter que salvá-la, mas não, eles conseguiram manter ela protegida, e claro, o preço foi caro, mas deu um up ao episódio que já estava bom e terminou melhor do que eu poderia imaginar, pois na minha cabeça poderia morrer o Luke ou a Gina, mas não o Zaruba.

E como a Gina, Luke e Sword já têm algum tipo de ligação com a Sophie, seja de dívida, conselhos ou identificação. Agora foi a vez do Zaruba dizer algumas palavras, muito belas por sinal.

O Luke ficou mais forte, A Cavaleiro Negro ficou mais forte, a Gina é forte, e bem, apesar de já parecer extremamente forte e nas palavras do Zaruba, ser o Garo mais forte de todos, o Sword precisava de algum desenvolvimento de força para acompanhar, e ele teve! Em Garo: Honoo no Kokuin o protagonista também precisou perder alguém no episódio dezessete para ter alguma mudança, aqui não é diferente, claro, muito bem feito. Nada me pareceu forçado neste episódio.

O que me irrita é que sempre parece algum tipo de teste, por exemplo: “vamos lá testar o Garo”, e aí quando conseguem ver algo, eles simplesmente vão embora deixando o pessoal lá correndo atrás. É a única coisa que me incomodou neste episódio e que bom que já foi no final, pelo menos não quebrou o episódio espetacular que foi construído.

Agora é só esperar o que pode acontecer. Eu chutaria que virão mais alguns episódios de horror da semana, daqueles que tem algum tipo de desenvolvimento de mundo ou personagens; e depois disso, eles começariam o último ato do anime. Afinal, agora o grupo está todo reunido, e eu espero e tenho esperanças que novos cavaleiros makai apareçam, apesar de que isso não é exatamente relevante.

Bom pessoal, por hoje é isso! Nos vemos na próxima semana por aqui!

Comentários