Pokemon XYZ

Olá, sou o novo redator daqui do Anime21, Iwan, muito prazer. Como já deve ter dado pra perceber houve um súbito crescimento nos membros do blog por…razões técnicas  (cofcof #deixemoFabioDescansar cofcof) já que ninguém é de ferro. De toda forma nada melhor pra introduzir o blog do que falar sobre um jogo que eu gosto desde pequeno, Pokémon. É óbvio que eu não vim aqui falar do jogo em específico (apesar de Sun e Moon estarem dando o que falar) afinal aqui é a Anime21, existe hora e lugar pra falar de jogos, porém posso garantir uma coisa, o tema da postagem de hoje realmente vai ser “apostas”, e esse novo anime de Pokémon não decepcionou nelas.

Tudo começou há 20 anos atrás quando um garoto que magicamente ainda têm 10 anos mesmo existindo muito mais episódios que dias no ano, começou sua jornada pelo mundo Pokémon para juntar as 8 insígnias, vencer a liga e se tornar um mestre Pokémon (porque gotta catch them all é só um mito mesmo aparentemente). Agora eu poderia pincelar toda a história de Pokémon mas isso não só deixaria o post gigantesco como não teria nada a ver com o que eu vim falar aqui então vamos deixar para uma oportunidade futura…

O anime de Pokémon sempre foi extremamente fiel às suas piadas e cacoetes, toda a geração tem a garota que segue o protagonista, toda geração tem o líder de ginásio ajudante (exceto o Tracey, mas ninguém gosta do Tracey então tanto faz) e toda geração o Ash perde a liga das formas mais variadas possíveis, porém nessa ultima temporada “XY” e “XYZ” as coisas não estão tão previsíveis assim, a parceira do Ash se desenvolver como personagem com sonhos próprios é uma coisa que acontece desde a May na geração 3 (Misty só sofria de síndrome da bicicleta destruída mesmo) porém a Serena acaba se tornando não só uma personagem independente com sonhos próprios (com momentos extremamente impactantes como quando ela corta o cabelo dela em sinal de…sei lá, feministas podem me dar um backup básico aqui, só sei que funciona) como também se torna o ship mais sólido que o Ash teve desde … sempre, com episódios e arcos dedicados ao desenvolvimento do relacionamento deles (que vai provavelmente ser ignorado quando o Ash for pra Aloha daqui a alguns episódios mas enfim…).

Curta o anime21 no facebook:

Foi só ganhar a bicicleta que ela sumiu completamente do mapa…

Serena, a “aposta” para melhor parceira que o Ash já teve

Porém as coisas não param por aí, Citron (Clyde), o líder de ginásio elétrico, ao lado de sua irmãzinha Eureka (Bonnie), forma uma parceria dinâmica tão fluída quanto os melhores momentos do Brock, aliás, ocorre não só um paralelo como também uma inversão de papéis, Brock que era um personagem que sempre ia atrás de qualquer garota bonita apenas para ser impedido por Misty/Max/Croagunk etc, dá lugar a Citron, um rapaz tímido, esforçado e apaixonado pela ciência que sempre tenta resolver os problemas do grupo com suas invenções (que falham 90% das vezes mas pelo menos ele tenta) que ao invés de correr atrás de garotas têm as mais diversas garotas abordadas aleatoriamente pela sua irmãzinha tentando ao máximo convencê-las de “ficar” (o divertido é que ela mesma usa a frase “x keep, Onii-chan wa silvouple” o que seria basicamente uma mistureba de linguás que significa algo similar a “fique com meu irmão, por favor”) com seu irmão para a vergonha alheia do mesmo.

brock com sua piada que durou 4 gerações

Brock com sua piada que durou 4 gerações

Eureka, a “aposta” na inversão do Brock em ação

Agora, enquanto todas essas mudanças são válidas você deve estar se perguntando “mas só ter personagens mais maduros e carismáticos não vai fazer uma história infantil como Pokémon algo realmente bom, vai ?”.

Bom de fato esse seria o caso se as coisas parassem por aí, mas em X e Y nos somos apresentados a outro fator de suma importância, arcos e batalhas de alta qualidade e maturidade.

Os arcos ninja em particular têm uma imensa importância para o plot apesar de parecerem filler e são extremamente bem animados e coreografados, o estúdio de Pokémon está apostando e muito nos gráficos das batalhas nas aberturas e nas osts do anime.

Qualquer semelhança

Qualquer semelhança

com Naruto

com Naruto

é mera coincidência

é mera coincidência

O background da história também é particularmente maduro com a adesão de Alan, o treinador extremamente poderoso que possui um Mega Charizard X e é o protagonista dos ovas de XY que luta contra outros treinadores para juntar energia de megastones para salvar o Chespin de sua companheira Mairin que contraiu uma doença por razões spoilicas e para tanto nem mesmo membros da elite dos 4 podem impedir seu avanço.

Os destinos se cruzam

Os destinos se cruzam

Basicamente essa nova temporada de Pokémon têm uma pegada completamente diferente das outras e têm uma qualidade de animação e história incríveis para os padrões de Pokémon e muito boas de toda forma. Se você é fã da franquia Pokémon assista sem medo que você com certeza vai gostar, contando com cerca de 130 episódios XY e Z é uma das mais curtas gerações de Pokémon, e vamos dizer que essa é a minha “aposta” para vocês.

Gostou desse artigo? Compartilhe:

  1. Artigo bem legal. Só aproveitando, na questão do corte de cabelo esse é um “ritual” (se dá pra chamar assim rsrs) comum dentro da mitologia japonesa que simboliza a passagem, e nos animes costuma aparecer quando o personagem está em um momento de mudança. Não cheguei a ver o anime, mas se ela corta o cabelo provavelmente é uma forma de dizer que ela mudou ou está mudando ou está querendo mudar =)

    • Iwan

      Obrigado pelo feedback Diego
      e sim, eu até imaginei que fosse algo do gênero já que era um momento de amadurecimento da personagem mas não quis afirmar sem ter certeza

  2. Bom saber que há mais redatores aqui, haha. Sobre a matéria, bem organizada e com comentários atrativos, muito bom.
    Fora isso, é bom saber que pokémon ainda prevalece entre nós.

    Até!

Deixe uma resposta