Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Bom dia!

Esse episódio de Kujira no Kora veio recheado de informações, boa parte delas respostas para questões do anime que estavam no ar desde os dois primeiros episódios. É um clássico infodump, todo mundo apenas conversou e contou tudo o que tinha para contar. Poderia ser melhor – quero dizer, o anime já está quase na metade e algumas dessas respostas, pelo menos em parte, poderiam ter vindo antes ou esse momento em que finalmente são reveladas poderia ter sido melhor construído. Mas também poderia ser pior: poderiam todos sentar para conversar sobre coisas que todos já sabem, apenas para que o espectador passe a saber também. Boa parte da narração do Chakuro é desse tipo, principalmente nos primeiros episódios, mas dou um desconto porque estou considerando isso recurso estilístico para indicar que o garoto, um escriba, está contando a história em algum momento do futuro indeterminado – ou que alguém está lendo os registros dele.

Mas, ufa! Pelo menos viraram-se várias páginas e o anime pode finalmente seguir em frente.

Ler o artigo →

E para você, caro(a) leitor(a), que esperava um episódio extremamente morno, bom… infelizmente você acertou, parabéns. Particularmente eu diria que esse episódio foi a calmaria antes de uma tempestade, e bota tempestade nisso. Outra coisa que eu gostaria de dizer é sobre minha tentativa falha de previsão. Eu comentei no post anterior que esse episódio adaptaria a partir do capítulo 31 e não foi bem assim, mas eu falarei melhor disso mais a frente.

Ler o artigo →

Excellent! Poderia tecer mais elogios sobre esse episódio, mas esse já está bom para começar! Entrando de cabeça em sua reta final, Ballroom e Youkoso nos presenteia com um episódio que ampliou as suas qualidades e disfarçou muito bem os seus defeitos, o que acredito ter conseguido provocar intensas e gratificantes emoções no telespectador. Shall we dance one more Heat?!

Ler o artigo →