Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Finalmente, Garo: Vanishing Line parece estar entrando em algo maior! Até agora o que a temporada atual tinha nos entregado eram apenas episódios básicos com poucos acontecimentos importantes nos episódios que viriam depois. Mas o episódio 7 nos entrega acontecimentos interessantes, um novo personagem intrigante e misterioso, não por ele em si, mas por ser o Cavaleiro Negro e por ser visualmente muito parecido com Luke, talvez eu esteja errado, mas quando vi o Cavaleiro Negro só pensei no pai do Luke.


Anime21 Diário

Informe o seu e-mail para receber gratuitamente as atualizações do blog!


Senti uma mudança no anime, o episódio não exigiu grandes momentos da parte da animação, no entanto, as expressões dos personagens ficaram muitas vezes com um certo bug, as cores também me parecem mais atraentes, creio que nos próximos episódios isso deve estar padronizado.

E a nossa querida Freira Lutadora se mostrou uma grande mãe ao lutar contra um Horror para proteger as crianças, apesar das habilidades marciais dela terem sido muito pouco úteis contra o Horror e muito menos contra o Cavaleiro Negro. Ela apareceu pouco e não teve desenvolvimento algum durante os sete episódios da temporada, claro, porque ela não tem importância real para a trama, e por isso eu, e creio que a maioria, senão todos não vão realmente ligar para a morte dela, apesar de ter uma morte digna e você talvez se importar com a Sophie e saber que ela se importa com isso.

Então Eldorado é o encontro da felicidade, as pessoas não querem bens materiais, mas sim a velha e talvez não tão simples felicidade, e por isso, são atraídas e talvez obrigadas a ir para Eldorado. Como toda cidade, tem um rei e como todo rei, ele também precisa de um bom cavaleiro.  Foi realmente interessante a aparição do Cavaleiro Negro, visto que eu venho aqui semana a semana reclamar do estilo episódico do anime, ao que parece agora sim temos um vilão de verdade ao qual talvez, só talvez, valha a pena lutar e quem sabe ficar apreensivo ou qualquer coisa do tipo durante os episódios. Apesar de ter aparecido apenas neste episódio 7, o Cavaleiro Negro já se mostrou o protótipo do cara mau que aparentemente tem algum tipo de ligação com um dos mocinhos, neste caso, com o Luke. E eu espero muito que o onipotente Sword não mate ele como matou todos os inimigos até agora, com facilidade e sem fazer um esforço aparente. Bom, creio que isso não vai realmente acontecer, mas por ser um anime tão desconexo entre episódios, não me espantaria que ele resolvesse isso logo e voltasse a fórmula simples de Horror da semana que ele vinha nos dando até então e apenas mencionando que existe Eldorado, mas não fazendo disso uma real ameaça aos Cavaleiros e Alquimistas Makai. Fica aqui minha petição, POR FAVOR, NÃO FAÇAM ISSO, seria muita burrice por parte do roteirista. É, talvez eu só esteja imaginando coisas, mas não deixa de ser algo que um anime mal estruturado faria (Katekyo Hitman Reborn cof cof). Deixando viagens de lado, vamos voltar ao episódio.

Se as crianças são úteis para Eldorado apenas como comida, então que tipos de outras habilidades são úteis? Seria habilidades de luta? Algum tipo de exército, talvez? Realmente só podemos especular e se essa é a ideia do anime, bom, ele vem fazendo isso relativamente bem desde o primeiro episódio. O que é um bom ponto positivo para um anime que é interessante, mas tem muitas falhas em desenvolvimento, e não falo do desenvolvimento episódico da história, mas sim dos personagens em sua maioria simples, vagos e unidimensionais.

E assim, temos talvez o episódio mais interessante pela simples promessa de que vai engrenar de vez e seguir seu rumo para a história que nos propõe e que até então só nos fez questionar as coisas. Vamos ver nas próximas semanas o desenrolar da trama. Até a próxima!

  1. Como estava esperando esta análise e sim, foi um episódio e tanto. Sim, desconfio que este Cavaleiro Negro seja o pai do Luke, a aparência é igual e que revela um fator interessante, só não sei se irão tratar nesta série: Cavaleiros Makais virando casaca e suspeito mais que este também seja um horror. Fiquei triste pela morte da freira que cuidava da Sophie e das crianças, mesmo tendo pouco tempo de tela, era o ponto de segurança da garota e sempre a apoiou, mesmo quando discordavam de algo e enfrentar o horror só com artes marciais, sem itens especiais é digno de respeito. Fez o seu papel até o fim e vemos que a Sophie já está na mira do ElDorado, apesar de que já estava mirada só de ir atrás disto.
    Posso dizer que estavam era preparando o terreno para este momento nos episódios anteriores, por isso tínhamos de conhecer melhor do quarteto principal e de seus respectivos papéis, o que realmente funcionou, sem pressa demais e sem ser devagar no seu contexto.
    Vamos torcer que siga assim, mas, pode preparar se voltar ao estilo episódico, até porque teremos até final de março com o anime e ficar bom nem sempre é coerente quanto se fala de animes: nem os considerados melhores saem disto. Até mais!!!

  2. Sobre preparar terreno, faz muito sentido se olhar por este lado, no entanto, acho que no quesito apresentar personagens, Vanishing Line tem uma falha, visto que o Luke que apareceu no 2º episódio só teve algum tipo de desenvolvimento nos últimos dois episódios, e acredito que no próximo vá ter um aprofundamento na relação dele com o Cavaleiro Negro, e a Gina, bom… Ainda não tivemos nada realmente concreto e o Sword se mostra cada vez mais unidimensional. Bom, espero que mudem isso logo e desenvolvam cada um bem dentro do seu limite enquanto o enredo evolui. Obrigado pela interação. Até mais!!

Comentários