E enfim tivemos episódio decente. Foi mais um episódio sem grandes batalhas ou acontecimentos, mas de certa forma eu sinto que ele serviu muito mais para conhecermos melhor o Theo do que tudo. Presenciamos o encontro dele com seu maior inimigo, sua índole perante um inimigo em potencial e com todo esse conjunto, acredito que podemos fazer uma avaliação mais digna do personagem. E eu realmente acredito que essa foi a missão do episódio: fazer você conhecer diferentes facetas do Theo.

Convenhamos, Grancrest está longe de ser o melhor anime da temporada, mas quando ele se propõe a ser no mínimo coerente, ele consegue. Como eu disse, esse episódio foi feito para o Theo brilhar como nunca fez até então. Mesmo após teoricamente perder tudo, Theo ainda possui uma bela fama e eu diria que uma boa base para seu retorno ao poder. Assim como deveria ter sido mostrado antes, Theo pôde mostrar que possui uma boa índole como nobre, sendo alguém bem próximo do ideal “comum”, um nobre que coloca a segurança e a prosperidade de seu povo num pedestal acima das conquistas militares e afins. E seja para o bem ou para o mal,  vimos que seu modo de agir e pensar acaba por atrair e muito possíveis aliados.

E claro, não podemos esquecer que apesar de sua condição no que diz ao comando, Theo ainda assim é fiel a Villar. Sim, fiel mesmo tendo condições de certa forma favoráveis para seu retorno. E talvez mais interessante que isso foi conhecer a pessoa por trás do líder da União. Não ficou muito claro a parte sobre sua conexão com a líder da Aliança, mas foi extremamente interessante ver que o mesmo não só amava aquela mulher como ainda ama. Tocado pela história apresentada, ali Theo inicia uma importante promessa e eu me pergunto se o mesmo irá conquistar tais objetivos.

Por fim, podemos concluir que apesar de tudo, Grancrest ainda sabe explorar certos temas e cada vez mais tenta explicar tudo aquilo que deixou mal explicado no passado. Infelizmente, no possível é difícil saber quais são os reais objetivos de Villar, a União e a Aliança. Mas fato é que pelo visto muitas batalhas aguardam o jovem lorde, apesar da grande regressão que escolheu por causa do amor(?) por uma pessoa que mudou sua vida de cabeça para baixo. Algo interessante de mencionar é que mesmo após afirmações claras e precisas sobre um possível amor entre Theo e Siluca, em nenhum momento é negado a existência de tal sentimento.

Discussão