O anime de hoje, o qual utilizarei como ponto de reflexão, comentário e louvor, é Hotarubi no Mori E. Primeiramente afirmo: vocês, quem quer que sejam, deveriam conhecer e assistir esse anime; não estou recomendando, e sim convidando-os a o fazerem. É um OVA curto, de cerca de 40 minutos, lançado originalmente em 2011, dirigido por Takahiro Omori, baseado, por sua vez, em um volume único publicado em 2002, escrito por Yuki Midorikawa. Bem, essas são informações de apresentação, nem sei porque as escrevi, pois o que importa é o conteúdo dessa linda história. Então vamos lá.

Ler o artigo →

Para essa semana lhes trago a resenha do inefável OVA La Maison em Petits Cubes, de Kunio Kato, lançado em 2008. A Casa em Cubinhos, como pode ser traduzido em português, não é uma animação infantil como o seu título pode sugerir, na verdade ela retrata exatamente a coisa menos infantil possível em nosso entendimento humano cultural, o inevitável e obliterante passar do tempo, a transformação, o dissolver de qualquer ingenuidade perante a decadência do presente que consome o passado para, a partir dele, se manifestar.

Ler o artigo →

Esse filme é do tipo que exige que você o abrace. Se você não gosta de pinguins, sem problema, esse anime não é sobre pinguins. Se você gosta de pinguins, sem problema, esse filme não é sobre pinguins. E por último, se você acha que nesse anime tem pinguins, você está enganado, mas se você gosta de uma boa mentira, sem problema, esse anime lhe conta a verdade.

Ler o artigo →

The Sky Crawlers tanto conta, como é, a história das peças do tabuleiro, e para quem entende de guerra, ou mesmo da natureza humana, pode usar esse filme para atualizar o significado do que significa doentio. Acho importante pontuar que o filme retrata fidedignamente uma faceta da essência da história da humanidade, no seu mais alto e no seu mais baixo significado. A história humana não passa de um palito de fósforo usado e partido ao meio junto ao chão da existência. Mas vamos ao filme.

Ler o artigo →

A importância do estúdio Ghibli e o seu significado para a animação contemporânea é algo indescritível, a força de seus filmes, as mensagens que eles transmitem, são lápides eternas na história da arte cinematográfica. Isao Takahata, Hayao Miyazaki e Toshio Suzuki fizeram história ao materializar no mundo o quão longe a delicadeza e a fantasia podem nos levar, sem nunca abandonar a seriedade e a maturidade frente aos temas humanos, as tragédias, tristezas, reflexões e a magia onírica que compõem o que entendemos por alma humana.

Ler o artigo →

Millenium Actress é um anime que eu amo, uma obra-prima que tem por natureza ser uma montanha-russa de emoções. Escolhi esse anime como objeto de análise e fonte inspiradora para uma apresentação em uma das mesas de um evento que participarei. Deixo os detalhes desse evento, linkados aqui. No momento em que esse artigo tiver sido publicado, o evento já terá transcorrido, mas se tudo der certo, haverá gravações dessa mesa, à qual, se houver, disponibilizarei também junto a outro hyperlink pertinente no corpo do artigo.

Ler o artigo →

O mundo é injusto, o sol não brilha para todos. Esse é um fato conhecido. Mas na verdade, o real problema é o sol brilhar para todos sim, devido a isso parcelas expressivas da população morrem, literalmente ou metaforicamente. A água evapora, plantações definham, a sede prospera, queimaduras e câncer de pele despontam. A luz nos propicia estar sob a sombra, ao mesmo tempo que germina a escuridão no coração do homem. Ela nos concede a vida, e nos arrasta para a morte. A justiça é apenas o desespero ao se rebelar contra o absurdo da existência.

Ler o artigo →

The Girl From the Other Side, cujo título original em japonês é Totsukuni no Shoujo, o qual pode ser traduzido como A Garota do Outro Lado, é um OVA de nove minutos, apenas um suspiro e chamariz para o mangá em andamento de mesmo nome. Até o momento a obra conta com, pelo menos, cinco volumes, e quem tiver curiosidade pode comprá-lo aqui mesmo no Brasil, pois a editora Darkside está publicando a obra!

Ler o artigo →

5 centímetros por segundo é um anime que corta a alma mais do que o coração, ele me marca de forma intensa, como uma cicatriz que nunca se fecha. A ferida que esse anime abriu ainda sangra.

Makoto Shinkai, em seu auge, nos conta a história de Akari e Takaki, dois jovens que se conhecem com cerca de 11 anos de idade, despertaram o primeiro amor um no outro, mas devido a circunstâncias familiares, tiveram que se separar. Akari muda para uma cidade distante, mas mantém contato com Takaki, um dolorido amor à distância que melancolicamente consome a ambos. Takaki também é surpreendido por sua família, e terá que se mudar de Tokyo para um lugar ainda mais distante de Akari.

Ler o artigo →

Primeiramente, gostaria de dizer que eu tenho um carinho enorme por Akira, esse filme é de uma importância imensurável no que diz respeito ao que a animação japonesa alcançou nas décadas que se seguiram. Entretanto, Akira não é um filme perfeito, muito pelo contrário. O filme possui diversos problemas no que diz respeito ao aproveitamento do roteiro.

Ler o artigo →