O anime de Jujutsu Kaisen encerrou bem seu primeiro cour, mostrando várias coisas que tanto a história, quanto o estúdio, fazem muito bem. Foi uma mostra inequívoca do potencial da série, que, na verdade, já é uma grata realidade na área dos battle shounens. É hora de Jujutsu Kaisen no Anime21!

Ler o artigo →

Tentar se convencer que tem razão não é estranho ao ser humano, mas o quão perdido você está quando o que quer se convencer é de que matar é justificável? Porém, após a morte da mãe não faz sentido que o Junpei aja assim?

O menino já era uma pessoa que pensava demais, até complicando coisas que poderiam ser mais simples, então entendo que ele tente aplicar sua lógica distorcida para desanuviar sua culpa, entendo que a use para a vingança.

Só é uma pena que não tenha tido oportunidade de se recuperar, melhor, que quando tenha decidido simplificar as coisas e receber ajuda fosse tarde demais. O final foi sim previsível, mas não deixou de ser triste. É hora de comentar o primeiro grande clímax de Jujutsu Kaisen aqui no Anime21!

Ler o artigo →

Gosto do pragmatismo do Nanami porque ele quebra um pouco do clichê da figura mais velha que acaba sendo ajudada pelo protagonista ou se arrisca quando não era exatamente necessário. E não era aqui, não é a função do Nanami enfrentar e tentar derrotar um inimigo com chances reais de ser mais forte que ele, então bastava que desviasse sua atenção e o contivesse para sair de cena em segurança, até porque já estava machucado e ainda era preciso ficar de olho no Junpei, o qual, aliás, teve seu destino praticamente traçado nesse episódio. É hora de Jujutsu Kaisen no Anime21!

Ler o artigo →

Bullying não é brincadeira, talvez para quem pratica, não para quem sofre. Acho ainda pior quando o bullying vem de pessoas próximas, que vestem a carapuça de amigo, mas não entendem que qualquer amizade deveria ter seus limites.

Por outro lado, quando quem faz não é próximo a vítima acredito que haja mais liberdade para ir além da agressão verbal e partir para a física, como aconteceu no caso do Junpei.

Independente da forma ou de quem pratica, bullying é uma péssima ideia, mas não estou aqui para ir além no tema, só para dar meu pitaco habitual. É hora de Jujutsu Kaisen no Anime21!

Ler o artigo →

O Junpei foi claramente aliciado/iniciado no universo das maldições pelo Mahito e já era óbvio há muito tempo que teria sua participação na série, nesse início de desenvolvimento do protagonista, o qual certamente vai tentar ajudar o garoto a lidar com seus problemas, afinal, ele era o alvo de bullying dos valentões mortos e gazeava aula, então precisa de ajuda, mas aceitará alguma? Veremos! Esse arco promete! É hora de Jujutsu Kaisen no Anime21!

Ler o artigo →

Não tenho muito o que comentar sobre a apresentação dos estudantes de Kyoto, ela cai muito no clichê de personagens excêntricos e exagerados que são a cara da história dada sua premissa, então vou me focar em alguns pontos que penso serem mais interessantes, ou só cômicos mesmo. É hora de fetiche no Anime21!

Ler o artigo →