Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Fala galera!!!!! Chegamos ao último episódio do anime que eu considero a grande surpresa da temporada. Ele tinha uma sinopse que não dava a entender nada do que viria a ser o anime, mas que acabou sendo essa grande lição de moral, com bullying, receios e diversos problemas, inclusive realmente “aulas” de porquês para sabermos mais sobre demis. Então vamos conferir como foi o último episódio de Demi-chan!

Ler o artigo →

Bom dia, boa tarde, boa noite! Como vai, tudo bem?

Antes de começar a resenha de hoje, gostaria de informá-lo que se trata de um anime +18 e que em GRANDE parte das 3 temporadas existentes dele, seios, calcinhas e sutiãs serão algo que se tornarão parte da sua vida.

É um anime adaptado de uma light novel que fez grande sucesso no Japão conseguindo vender mais de 1 milhão de cópias; além disso, a versão em inglês do primeiro volume do mangá ocupou a 2ª posição na lista de best-sellers do New York Times. O anime do qual farei a resenha de hoje é intitulado de: High School DxD!

O anime gira em torno de Hyoudou Issei, um verdadeiro pervertido, estudante do ensino médio, amante de peitos e que possui um sonho: se tornar Rei de um Harém. Logo no primeiro episódio ele sente uma atração pela diva, waifu de muitos, Presidente do Clube de Ocultismo, uma bela garota, aparentemente estrangeira, com longos e lindos cabelos carmesim e seios fartos, Rias Gremory (e quem não sentiria?).

Ler o artigo →

Não é de se estranhar que Yuri!!! on ice tome um cuidado muito grande na forma como trata seus personagens (não à toa, alguém completamente esquecível e irrelevante, como Guang, protagonizou uma cena com o nível de importância e significância que a apresentação “The Inferno” teve.

Nesse pequeno post gostaria que parássemos para analisar qual a mensagem por trás da apresentação de Guang e como Yuri!!! on ice usou um meme para spoilar seu episódio antes do fim :v

Ler o artigo →

Um deus maledicente envia um protagonista amoral e sociopata para outro mundo ser um herói de guerra para levar a versão local da Alemanha à vitória no equivalente ao que foram as nossas guerras mundiais enquanto várias questões morais ligadas à guerras são revelados em toda sua crueza.

Não bastasse o conteúdo da história, ela vem do Japão, cujos animes e mangás de guerra com frequência no mínimo evitam tocar em qualquer tema polêmico, preferindo o tom heroico, épico ou ufanista, e com alguma frequência é desavergonhadamente imperialista ou revanchista mesmo.

O último episódio não poderia ser mais direto: é tudo culpa do Homem.

Ler o artigo →