Depois de terminar o episódio fui dar uma olhadinha no mangá para ver se não estava louco e não, não estava, esse episódio foi praticamente todo original – filler cof cof – tirando um ou dois momentos que batem com o mangá. Isso foi ruim? Não exatamente e falarei agora porque acho isso.

Abrace esse anime como o demônio abraçaria um mago até destroçá-lo kkk…

Antes de falar do episódio em si tenho que dizer que semana passada surgiu um novo boato sobre o anime ter 51 episódios e não apenas 13 como havia dito na última análise, o que se for confirmado faz sentido por causa da adaptação lenta que até está tentando dar uma encorpada no material original, e sejamos honestos também, animes como Black Clover combinam mais com vários e vários episódios. Shounen farofa só conquista os fãs se se mantiver constantemente na boca do povo!

Só a espera da “pancadaria de qualidade” nesse anime!

Agora voltando ao episódio; ele foi só um momento de transição que serviu para mostrar a preparação dos garotos para o exame para se tornarem Cavaleiros Mágicos, trabalhar um pouco os laços da família deles e criar certo hype para o que está por vir? Talvez, mas a luta inicial simulando o confronto do primeiro Rei Mago com o demônio empolgou mais que a breve introdução à organização militar do Reino. Na verdade, apesar de não ter sido ruim acho que teria sido melhor se tivessem mostrado logo o exame, pois assim as chances de haver cenas melhores seriam maiores.

Me pergunto o quanto dessa lenda é verdade e o quanto não é…

Pego no pé da produção do anime quanto a isso porque em três episódios não houve cenas de ação de maior impacto, o que não indica muito que a animação nos momentos de ação mais exigidos se manterá boa e consistente. Se a história vai ser clichê, que ao menos renda ótimas cenas de luta, pois essa é uma boa forma de compensar um pouco a ainda muito irritante gritaria do protagonista e os momentos bobos e rasos que permearam esse anime até aqui.

10 cenas mais idiotas dos animes. Não, pera…

Por outro lado, posso dizer que gostei da interação entre Asta e Yuno, porque apesar de ter várias bobagenzinhas ali ao menos elas servem para mostrar a influência que o Asta tem no Yuno e dar um tom natural e realista à relação de dois adolescentes que são irmãos de criação e melhores amigos. Outro bom momento, mesmo que totalmente clichê, foi o do Asta motivando o Nash a perseguir seus sonhos e a não deixar os outros imporem limites. Sei que esse é o discurso base da Shounen Jump desde sempre – amizade, esforço, blá blá blá –, mas ele não deixa de ter sua força por isso.

Agora uma coisa que não gostei, mas entendo porque aconteceu, foi o fato do pessoal da igreja não acreditar muito que o Asta passaria no exame. Apesar de eles também quererem que ele não fosse embora porque sentiriam a sua falta, não demonstrar muita fé no sucesso do garoto não me pareceu muito certo. Pelo menos o Nash, aquele que parecia mais cético quanto ao sucesso do Asta, motivou o protagonista ao dizer o que disse e provou desde já a tendência que ele deve ter para influenciar positivamente não só o Yuno, mas muitas outras pessoas ao seu redor – um clichê que não é ruim se for bem construído como esse até que foi.

Ademais, só gostaria de citar como é gostoso acabar de ver esse anime, a música de encerramento é realmente muito boa e apesar da narração chatinha no fim do episódio ela ainda conseguiu me deixar um pouco empolgado para o próximo. Se o anime “pegar no tranco” daqui em diante e for mais dinâmico e conciso, a animação nas cenas de ação e uma trilha sonora emocionante serão essenciais para a melhora na impressão geração da série diante de seu público.

Sentirei falta dessa santa mulher nesse anime!

Se esse episódio não chegou a ser ruim ele foi apenas bem mediano mesmo e se não empolgou demais ao menos não incomodou muito também. Só espero que todo o trabalho duro dos garotos seja recompensado não só com a aprovação deles no exército de magos como também com episódios mais interessantes e emocionantes daqui para frente.

Por hoje é só, se sonham em ver um anime clichê um pouco divertido vão atrás de seus sonhos antes que ele tenha 8658456857 episódios e seja mais difícil de alcançar do que o posto de Rei Mago no Reino Clover kkk…

Adeus cidade pequena, olá cidade grande!

Discussão