O mundo do beisebol está cada vez se tornando mais amplo por conta deste anime. Geralmente são explicadas apenas a mecânica dos jogos e como cada time fica quando ganha ou perde. Mas nesta obra são mostrados os diferentes caminhos percorridos depois que se sai do ensino fundamental/médio e faculdade e o que o jogador pensa sobre a sua aposentadoria. Não é à toa que Tohko-san, com 32 anos, acabou de sair da Liga Inferior e ir para a Principal e Kitamura-san, que é um jornalista da Liga Principal que escreve para a Doyo Sports, foi escalado para observar todos os passos de jogadores que mudaram de rumo.

Ler o artigo →

Gurazeni é o que o próprio título diz: o dinheiro está no campo. Mas vamos dizer que você está prestes a se aposentar e que seu destino mudará daqui para frente. É normal você se aposentar cedo e tentar outras carreiras quando se é do mundo do esporte. O primeiro jogador mostrado é um homem de 41 anos que está com a “vida por um fio”. Além de ter uma recuperação árdua por causa de uma fratura no pulso provocada por um arremesso mal calculado de Bonda, também estão planejando tirá-lo do time, dependendo de seu desempenho. A segunda parte também fala sobre aposentadoria, porém em outro âmbito.

Ler o artigo →

A pressão de ser um dos jogadores principais, ou até mesmo de ser a decisão de um jogo, é muito grande. Não é algo que superamos da noite para o dia, e sim aos poucos. Você se torna uma pessoa totalmente ansiosa e seu ritmo de jogo começa a decair. Mas isso não acontece somente em jogos de beisebol. Quantos atletas por aí não ficam nervosos e acabam não dando tudo de si? É muito fácil dizer “até eu faço melhor”, mas já estiveram na pele de alguém que é a decisão para que o(a) time/equipe passe para a próxima fase?

Ler o artigo →

Olá, pessoal! Sejam bem-vindos a mais três jogos, onde o protagonista pensa mais nos contratos dos jogadores que no jogador em si. Mas também, se ele não fosse assim, o nome do anime não seria Gurazeni(Dinheiro no Campo), e sim teria outro nome qualquer, assim como os diversos outros animes de beisebol que temos.

Essa pegada diferente é o que está me animando a assistir, embora eu já adore animes de esportes. Mas pensar o quanto o jogador que está na frente do protagonista ganha deve dar uma aflição a ele, principalmente aqueles que ganham astronomicamente mais que 18 milhões por ano. Até mesmo quem ganha a mesma quantidade dá bastante aperto no coração.

E, pelo que entendi do anime, primeiro ele apresenta um pouco sobre as coisas que passam na mente do protagonista, e depois juntam isso ao que qualquer outro amigo ou jogador do mesmo time que Bonda está passando, e é bastante interessante, pois não se foca em apenas um, mas também em vários outros personagens da obra.

Ler o artigo →

A vida de um jogador de beisebol é agitada, não é mesmo? Além de se preocupar com sua posição no time e o tempo que pode ficar no diamante (é o nome dado ao campo de beisebol), os jogadores também precisam se preocupar com outra coisa muito importante: o dinheiro.

Gurazeni (dinheiro no campo, em tradução livre) é a adaptação do mangá de mesmo nome. Ele foi criado no período de 9 de dezembro de 2010 até 28 de agosto de 2014, sendo publicado na revista Morning, uma revista seinen, a mesma que publica Vagabond. A história foi criada por Moritaka Yuuji, e a arte foi feita por Adachi Keiji.

Ler o artigo →