Pokémon: Detetive Pikachu é uma aula de como fazer uma adaptação de franquia dar certo porque o filme tanto se sustenta como história isolada, quanto homenagem aos monstrinhos que há décadas e décadas fazem a cabeça das pessoas no mundo todo.

Detetive Pikachu é um jogo da franquia e como consumidor apenas do anime – que vi na infância –, e do jogo Pokémon Go, não sabia que existia até a notícia do longa bater a minha porta e, claro, tinha que ouvir seu chamado, pois é a primeira película live action da franquia, e uma que faz uma abordagem inusitada em um universo que tem diferenças e semelhanças se compararmos a premissa da série de jogos original.

É hora de Pikachu no Anime21!

Ler o artigo →

Godzilla; ou Gojira, como se fala no Japão; é um clássico personagem da cultura japonesa, o monstro gigante – um kaijuu – participa de filmes faz décadas e seu sucesso e impacto cultural não passariam despercebidos aos americanos, né? Caso você não conheça o clássico filme ocidental de 98 saiba que não estou aqui para comentá-lo, mas sim um dos mais recentes, o de 2014.

Eventualmente comento esse mais antigo que escancarou as portas do mundo a um personagem tão icônico, mas por hora eu me atentarei a tentativa recente de criar um universo de monstros que parece estar dando certo não só devido a existência desse longa, mas devido as continuações. Uma desse ano, a outra programada para 2020 – e contando com outro kaijuu icônico, o King Kong. Sem mais delongas, GAWOWOWO!!!!

Ler o artigo →

As Diversas Faces de Ito ou The Many Faces of Ito é um dorama original Netflix disponível no serviço tendo 8 episódios de curta duração (todos os episódios têm 23 minutos) para os padrões de doramas/séries.

Vale ressaltar que o dorama está em seu catálogo desde 2017 e é uma adaptação da novel Ito-Kun A to E, da autora Asako Yuzuki. Uma curiosidade interessante é que a obra original foi indicada ao prêmio Naoki.

Ler o artigo →

Koi wa Ameagari no You ni: Pocket no Naka no Negaigoto é uma minissérie de 4 episódios focada em dois personagens secundários da obra original, Yui e Yoshizawa. Lembrando que Koi wa Ameagari no You ni é originalmente um mangá já finalizado em 10 volumes e que teve uma adaptação para anime na Temporada de Inverno de 2018, sendo inclusive coberto aqui no blog por este que vos fala.

Então, é certeza que indicarei que você, caro(a) leitor(a), assista a qualquer série relacionada a obra? Sim, se houver qualidade. Isso não é problema para esse especial, extra do filme live action de uma belíssima história de amor, mas, até mais que isso, de amizade. É o que Pocket no Naka entrega? Leia e saberá!

Ler o artigo →

Battle Royale é um clássico, a obra é originalmente um livro escrito por Koushun Takami e adaptado para várias mídias como mangá e cinema, sendo o filme de 2000 o alvo de minha resenha dessa vez.

Mas o impacto cultural da obra vai além da literatura ou da grande tela, afinal, todo um gênero fora definido em cima de sua premissa. Pessoas presas a um jogo no qual devem matar umas às outras e no final só uma sobreviverá.

Matança indiscriminada que influencia muitas obras de anime e mangá, temas primários do Anime 21, e, inclusive diversas obras ocidentais. Já ouviu falar de Jogos Vorazes?

Ler o artigo →

Hentai Kamen é um live action que adapta o mangá de mesmo nome (na verdade o nome do original é Kyuukyoku!! Hentai Kamen, que em inglês seria Ultimate!! Perverted Mask). Enfim, o mangá foi publicado durante os anos de 1992-1993 na revista Weekly Shonen Jump, sim, é isso mesmo o que você está lendo, esse mangá foi publicado nas revista antes de algumas das maiores obras da história japonesa como Naruto e Bleach. Já a live action foi lançada em 2013 e teve uma boa recepção do público com boas críticas ao redor do mundo e uma arrecadação de mais de 100 milhões de ienes. Inclusive recebeu uma sequência em 2016. Mas enfim, eu trouxe essas informações por um simples motivo: nada disso faz sentido.

Ler o artigo →

Minna! Esper da yo! (All Esper dayo) é um filme live action muito divertido, bizarro e doido, fazendo jus ao que se espera de uma produção das terras nipônicas. O filme é baseado no mangá de mesmo nome e é apenas uma das versões live action produzidas a partir do mangá, tendo um dorama de 12 episódios (2013) e um especial no mesmo ano em que a versão filme live action que foi produzida (2015). É uma comédia com ficção científica cheia de seus fanservices bizarros e engraçados que compõem boa parte da comédia do longa.

Ler o artigo →

Bom dia!

Kamikaze Girls é um filme dirigido por Tetsuya Nakashima, lançado em 2004 no Japão com o nome original Shimotsuma Monogatari, e baseado em livro de mesmo nome escrito por Novala Takemoto. O livro Shimotsuma Monogatari também teve uma adaptação para mangá, desenhado por Yukio Kanesada e publicado na Betsucomi, revista shoujo da Shogakukan, também em 2004, com um volume apenas.

Estrelando Kyoko Fukada como Momoko e Anna Tsuchiya como Ichigo, é uma comédia absurda que responde à pergunta que ninguém fez: “como seria um filme de Tarantino sobre Harajuku (distrito de moda em Tóquio)?”.

Ler o artigo →

Terra Formars é uma obra publicada pela revista Young Jump desde 2011. Conta com vários spin-offs, duas temporadas em formato anime (Terra Formars e Terra Formars: Revenge) e dois OVAs. Seu mangá é publicado aqui no Brasil pela editora JBC e a obra conta com mais de 200 capítulos. Já sobre o filme, a história se baseia no primeiro arco do mangá (que corresponde ao capítulo 1 que é bem grande), em que temos a segunda expedição enviada para Marte que acaba sendo um fracasso, assim como a primeira.

Ler o artigo →

Assunto de Família é um filme lançado em 2018 que conta com a direção de Hirokazu Koreeda. A produção foi a vencedora da Palma de Ouro no Festival de Cannes e foi indicada ao Oscar de melhor filme estrangeiro, mas não levou a estatueta.

E do que trata esse filme? De família. Mas não de qualquer família e sim de uma muito diferente do retrato confortável que muitas vezes a ficção propõe. No filme nos é apresentada uma visão intimista e sem pré-julgamentos que encanta ao mesmo passo que nos lança de cabeça ao conflito.

O que realmente é uma família?

Ler o artigo →