Antes de começar o artigo em si, gostaria de fazer um adendo que não sei se o anime vai fazer. Citarei dois tipos de informações sobre as plaquetas, estas também conhecidas como trombócitos. Pode ocorrer ou o aumento (trombocitose ou plaquetose) ou a diminuição (trombocitopenia ou plaquetopenia) delas. Os megacariócitos, os quais são responsáveis pela criação de plaquetas, são produzidos na medula óssea, então a falta ou o aumento de produção de trombócitos pode acontecer já logo na medula óssea. Ainda vai ser mostrado a ação do baço com relação às plaquetas, então só explicarei mais à frente.

Há outras causas de plaquetose (remoção do baço, já que ele faz o controle de algumas células velhas, sangramento agudo ou perda de sangue, entre outros fatores) e plaquetopenia (aumento da destruição de plaquetas pelo baço, sendo elas saudáveis ou não, redução de criação de plaquetas já na medula óssea, efeito do uso de alguns medicamentos, entre outros fatores). Mas por que eu comentei disso tudo antes de iniciar a atividade principal? Porque, em uma noite de terça-feira, eu e Fábio “Mexicano” Godoy estávamos conversando sobre as plaquetas, e inclusive elas estão tão famosas por terem corpos de lolis e shotas. No artigo seguinte, posso me aprofundar mais sobre o que a plaquetose e a plaquetopenia podem causar para sanar suas curiosidades.

Opa! Chegamos na parte principal do artigo! E o que comentar sobre aquele rombo causado no chão de toda a empresa chamada “Corpo Humano S.A.”? Aquilo foi efeito de um arranhão e, como não é algo tão profundo, não teve consequências tão graves como vimos. Só que esse pequeno acidente, se não for logo tratado, se torna logo um prato cheio para muitas bactérias e outros microrganismos externos que podem ser perigosos. Os apresentados devidamente no anime foram Staphylococcus aureus, Streptococcus pyogenes e Pseudomonas.

Os Staphylococcus aureus são bactérias esféricas, gram-positivas, patógenos oportunistas (ou seja, existem pacificamente no corpo de pessoas saudáveis mas, quando têm a oportunidade, como é o caso de diminuição da defesa imunológica, eles atacam) e bem tóxicas, além de estarem ligadas a infecções hospitalares, envolvendo pele e feridas em sítios diversos. Como foi mostrado no episódio, pode ocorrer muitas infecções graves, como bacteremia, pneumonia, meningite, entre outras. Eles são resistentes à penicilina.

A altiva e dourada Staphylococcus aureus.

Os Streptococcus pyogenes são bactérias esféricas e gram-positivas. Assim como o Streptococcus pneumoniae, também pode causar infecções do trato respiratório e sistêmico. Também tem mais detalhes nesta dissertação de mestrado que encontrei, feito na Universidade de Lisboa (e não é para puxar saco do Kondou-san, mas sim porque ele é um dos mais completos com relação à bactéria).

O maldoso Streptococcus pyogenes.

Os Pseudomonas são bactérias que também podem não causar sintoma nenhum a indivíduos saudáveis, mas quando a imunidade está comprometida, eles atacam. São outros tipos de bactérias que estão ligados à infecções hospitalares. São bactérias gram-negativas de forma cilíndrica.

E o cilíndrico e perigoso Pseudomonas.

Então a pessoa que está com o corpo sendo atacado por essas pequenas criaturas ávidas por glóbulos vermelhos pode estar sendo vítima de uma possível infecção hospitalar (ou não, mas é apenas uma aposta), e a parte de aparecerem somente quando houve alguma ferida pode até confirmar a minha teoria. Mas a saúde do indivíduo ainda está em dia, pois os glóbulos brancos estão atacando devidamente e a ferida está sendo sarada em pouco tempo.

 


 

Mais fatos sobre as Plaquetas:

As plaquetas atuam na coagulação sanguínea ajudando, assim, a parar sangramentos e evitar hemorragias. Agem na coagulação primária, secretando substâncias que auxiliam na formação de um tampão sanguíneo. No anime mostra a plaqueta principal falando para “Lembrar de usar as GP1b (glicoproteína 1b) deles para que não fossem levados para longe”. Assim como o Glóbulo Branco U-1146 falou sobre sua L-selectina, as GP1b também servem como um fator de adesão para que se mantenham ligadas ao local em que estão.

Ouçam as ordens da plaquetinha!

Para parar com as ações malignas de tantas bactérias, as plaquetas surgiram para fechar o buraco feito. Elas foram totalmente desacreditadas, porém conseguiram realizar o seu trabalho com ajuda inclusive dos Glóbulos Brancos e Vermelhos. O processo que ocorreu foi chamado de Coagulação. O fator de von Willebrand media a adesão das plaquetas no sub-endotélio lesado e impede com que um dos fatores de coagulação não seja degradado, que é o caso do Fator VIII, e sua falta causa hemorragias (isso é o que acontece com hemofílicos, que têm a falta de Fator VIII). Após formar o tampão plaquetário, a cascata de coagulação entra em ação (rimou, hihi), que é formada pelos fatores de coagulação, que são proteínas presentes no sangue (aquelas coisinhas de metal que as plaquetas usaram para prender a fibrina).

Na hemostasia secundária há a formação de trombina (coagulação), regulando a liberação de fator VIII e corrige o tempo de sangramento. Isso demora, mais ou menos, quarenta e oito horas.

Hemostasia secundária fazendo o seu papel.

 


 

Uma informação que eu não sabia:

Tem um comentário de “James Mays” que me chamou a atenção:

E como engenheiro é curioso aqui vai um fun fact; as facas usadas pelos glóbulos brancos são de fabricação russa e se chamam “Shaitan” (Demônio) é considerada uma das melhores facas de combate porque inflige ferimentos profundos em golpes rápidos… Escolheram bem o arsenal esses GBs, hein?

Eu não sabia disso! Parabéns pela pesquisa!

Armas fortes são a cara dos Glóbulos Brancos!

 


 

Muito obrigada por ler até aqui. Até o próximo artigo! o/

  1. Avatar

    Assim como é fascinante, como poderia dizer, essa fabula transposta a fatos cientificos…Logico, que não é para ser 100% cientifico logo de cara, mas que dá uma vontade de pegar uma “Enciclopedia Medica do Lar da Ed. Melhoramentos de 1965” (eu tenho aqui na estante de casa) para saber tudo que se passa e não tem outra palavra é fascinante como esses microorganismos tem um nivel de coordenação de seus papeis sofisticadissimo. E me lembro que levei um corte profundo no braço uma vez (tive de suturar) e queria agradecer ao exercito de Neutrofilos, plaquetinhas fofas e Globulos Vermelhos pelo excelente e profissional trabalho de cicratização (não teve linfa nem pus) em 3 dias os pontos já tinham caido…I salut all of you!!!!

  2. Avatar

    E a “Shaitan” é usada exclusivamente pelas forças de combate antiterrorismo da FSB (Federal’naya Sluzhba Bezopasnosti – Serviço de Segurança Federal – nominho mais sem graça…) e sim eles tem um grito de “morra todo o inimigo!”

Comentários