O deserto toma o lugar de destaque, a saga de hoje é nada mais nada menos do que Alabasta. Estranho começar o artigo com essa introdução, mas é exatamente isso. O oitavo filme de One Piece é uma compilação dos melhores momentos da saga de Alabasta! Uma boa ou uma má ideia? Sendo sincero, nem sei, mas vou comentar o que o filme apresenta, se é que posso chamar de filme algo que não tem qualquer intenção de ser um filme.

Ler o artigo →

Megami no Café Terrace (Goddess Café Terrace) é o mais novo mangá de Seo Kouji (Kimi no Iru Machi, Suzuka, Fuuka, Hitman), um verdadeiro mestre do romcom dramático, a sair na Weekly Shounen Magazine.

Na história acompanhamos Kusakabe Hayato, um garoto que passou na Toudai (a universidade mais prestigiada do Japão), mas tinha problemas de relacionamento com a vó, deixando a casa dela ainda três anos antes. Um dia ela falece e ele precisa retornar ao lar, um café caindo aos pedaços em que moram cinco garotas contratadas por ela para atuarem como garçonetes e que, a maneira delas, acabam ajudando Hayato a se reencontrar com seus sentimentos.

Ler o artigo →

Você já deve estar de saco cheio da pandemia do coronavírus, e quem não está, não é? Mas foi pensando nela e no quão inusitado seria explorar o assunto pandemia na ficção que alguém no Japão teve uma ideia de criar um mangá situado em um mundo diferente no qual… o padrão é viver a vida de máscara até dentro de casa (como faço porque convivo diariamente com várias pessoas do grupo de risco e seguro morreu de…).

Enfim, New Normal (“O Novo Normal”, frase que você deve ter ouvido muito no noticiário nos últimos meses) é um mangá de Akito Aihara (Bimajyo no Ayano-san) que conta a história de Hata e Natsuki em um mundo diferente após ter passado por uma pandemia.

Na história andar de máscara é o normal e existem várias outras consequências da pandemia. Natsuki, que tem interesse em como era o mundo pré-pandêmico, acaba sendo vista sem máscara por Hata, o que faz os dois se aproximarem e compartilharem um interesse em comum.

Ler o artigo →

Quem nunca teve um relacionamento “peculiar”, para o bem ou para o mal, que atire a primeira pedra. Você já se envolveu com alguém comprometido ou compartilhou uma amizade por um motivo muito específico? Ou pior, já teve um relacionamento tóxico? Espero que esse último tenha ficado no passado, afinal, ninguém merece estar ao lado de quem só bota você para baixo (e o mesmo vale se for o contrário).

Enfim, que tal uma lista com 6 mangás que abordam relacionamentos peculiares por diferentes motivos, cada um a sua maneira? A lista é dominada por mangás do excêntrico Oshimi Shuuzou (que eu adoro), mas os mangás de outros autores não ficam atrás e também provém uma visão interessante sobre relacionamentos que fogem do comum (ou ao menos fogem do que a gente imagina que seja o comum).

Sem mais delongas, indico a você que desenvolva um relacionamento aberto com esses mangás para lá de interessantes.

Ler o artigo →

Nine Dragons’ Ball Parade (Kowloon’s Ball Parade) é o mais novo mangá de esportes da Weekly Shounen Jump e que, por tabela, é lançado em inglês e espanhol no app Manga PLUS da Shueisha. A história é de Mikiyasu Kamada e as ilustrações de Ashibi Fukui.

Na história acompanhamos Tamao Azukida, um garoto franzino e inteligente, mas muito dedicado, que tem o sonho de se tornar jogador de basebol de um grande time do colegial. Na peneira para se juntar a esse time ele conhece Tao Ryudo, um talentoso arremessador que decide compartilhar seu sonho com Azukida.

Ler o artigo →

Dentre os destroços os tesouros surgem, bem, ao menos essa é a ideia inicial desse sétimo filme de One Piece. O cemitério de uma batalha é o cenário ideal para arrematar tesouros, mesmo que seja um pouco mórbido, nada mais rico do que um cadáver que abandona as suas poses.

Ler o artigo →

Kiruru Kill Me é o mais novo mangá de Yasuhiro Kano (Kiss x Death) lançado na Shounen Jump+, a plataforma digital da Shueisha no Japão. Na história acompanhamos o jovem ricaço Aoi Nemo e a assassina de aluguel Akaumi Kiruru. Aoi se apaixona a primeira vista pela moça, mas ao invés de cortejá-la contrata seus serviços para que ela tente matá-lo e assim ele consiga se aproximar de sua amada. Isso que é um amor de matar, não?

Ler o artigo →

i tell c é um mangá de autoria de Kazusa Inaoka (Kimo wo Shinryaku Seyo!) lançado no Japão na revista Weekly Shounen Jump e no ocidente pelo app Manga PLUS da Shueisha.

Na história uma popular celebridade é morta e a investigação leva a uma mulher misteriosa que, ao que tudo indica, tem o popular ator Tagame como seu alvo. Qual seria a motivação dela? Dois irmãos investigam o crime, mas de repente nem tudo se mostra o que parecia ser…

Ler o artigo →

Witch Watch é o mais novo mangá de Kenta Shinohara (SKET Dance, Kanata no Astra) lançado no Japão na revista Weekly Shounen Jump e no ocidente no app Manga PLUS da Shueisha.

Na história acompanhamos Morihito e Niko, um ogro e uma bruxa que são amigos de infância, mas passaram alguns anos longe um do outro e acabam se reencontrando em uma situação incomum, os dois vão morar juntos e ele será o familiar da bruxa.

O que de tão fantástico essa comédia misturada com romance nos entregará?

Ler o artigo →