Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Olá pessoal, como estão?

Admito que Death March kara Hajimaru Isekai Kyousoukyoku me interessou quando vi seu primeiro episódio, primeiro porque o protagonista não é um adolescente, é um adulto no corpo de um adolescente e da última vez que vi algo do tipo (Boku dake ga inai machi) eu gostei muito. É legal quando ele pensa algo do tipo “na época de escola eu teria me apaixonado por ela”, por exemplo. Ele não é exatamente um personagem interessante, no entanto, por ser um criador de jogos é o que o torna legal para o anime em si.

Se no episódio anterior não tivemos apresentação de novos personagens, neste tem algumas, e devo dizer que nenhuma das personagens apresentadas aqui caiu no meu agrado pelo simples motivo de que nenhuma tem uma personalidade nem design que me faça gostar, mas por outro lado, não é como se tivesse odiado alguma, então, vou colocar de uma maneira mais leve aqui: Nenhuma personagem apresentada aqui neste episódio fede nem cheira, apenas precisam de provar.

Ler o artigo →

Se você está cansado de animes com a temática isekai (protagonista sendo transportado para outro mundo de alguma forma), devo dizer que você cansou cedo demais. Primeiro porque existem inúmeros isekais ainda e esse anime é o primeiro dos mais conhecidos a ser adaptado para uma série anime. Ah, e caso você tenha se interessado, a obra que originalmente é uma light novel, tem uma versão em mangá (com algumas diferenças, é claro). Mas e aí, que tal dar uma chance para esse isekai?

Ler o artigo →