Tsutsui é um cara inseguro. Não só inseguro mas como principal defeito, ele mostra sua insegurança em vários momentos de diferentes formas. Infelizmente essa característica o trás problemas em sua relação amorosa e em sua vida.

O episódio tratou de nos mostrar isso de uma forma que pudesse gerar raiva. Essa raiva podia ser do Tsutsui ou de seu “concorrente” que simplesmente achava que conseguiria atingir seu objetivo sem mais nem menos. É o famoso personagem que foi feito para ser babaca e detestável. Aquele que vai tentar atrapalhar a relação dos protagonistas e pode até conseguir por um momento. Nesse caso, houve um impacto na vida de Tsutsui apenas, mas isso por culpa dele também. Não podemos culpá-lo pelo seu jeito de ser, mas sim, por sua falta de atitudes e seu pessimismo exagerado. Iroha continuamente posiciona-se em relação a situação como um todo e sempre o apoia dizendo as palavras que ele gostaria de ouvir (apesar de não saber) é que ele precisa ouvir.

O problema maior fica em Tsutsui. Ele teve experiências passadas que de certa forma o deixaram marcado e isso reflete em seu eu atual. Diversas vezes ele diz que está acostumado com o péssimo tratamento recebido por seus colegas e que isso não afetará sua vida. Mas infelizmente não é assim que a banda toca e quando ele percebe que existe um “lugar” onde ele recebe um apoio que todos nós precisamos em algum momento, sua perspectiva muda. Ele passa a entender (não por completo) que pode simplesmente ignorar tal situação sorrindo pois tem alguém que quer o seu bem. Fora isso tivemos também a situação de seu irmão mais novo e a irmã do “infrator”. A velha história do cara que tentou prejudicar alguém e no fim acabou se prejudicando sem saber.

3D continua com uma animação bem ok até então. Às vezes eu estranho a movimentação dos personagens (que já é algo escasso de certa forma) e suas expressões. A história parece que está seguindo no ritmo mais lento mas só parece mesmo. No fim está sendo um anime legal de se ver (menos do que eu esperava sinceramente) e sua sequência ao menos promete.

  1. E quando tudo ia bem…Vem esse episódio “down”…Bem nem tudo são “soft spots” e “feel good”…Tem de ter o vilão, o maledetto, o estúpido….Para dar valor a trama….Mas que vilãozinho estúpido esse hein! Se achando! E digo estúpido de novo que apesar de aprontar para o Hikari não vai levar a Iroha! E ainda vai ficar com a cara no chão (pq logico no proximo episódio esse cara vai ter de fazer um dogeza para a “Mama” ah vai…)…
    E o Hikari, na sua pasmice otaku vai administrando da forma que a sua bitolagem otaku permite, aceitando quieto e sozinho…Vc tem amigos ó palermão!

    Um fun fact: vcs notaram no ep.3 que o Hikari levava sempre os doces numa caixa de kit de montar, parecido com aqueles kit Revell que tinham por aqui lá nos tempos do guaraná com rolha…Pois é do “Papa” do Hikari (pq hoje jovem nem passa perto disso) e sabe como se chamam os aficionados em plastimodelismo (acho que só no Japão tem ainda lojas enooormes para esse hobby). É…São Otakus!

Discussão